Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

10
Mai15

Teatro

| O Informador

O Teatro da vida, do nascimento à morte, do passado para o futuro! A partir do momento em que se começa a respirar, toda a vida não passa de uma representação dos valores passados pela sociedade como os certos! Pensar na ingratidão e humanização de um ser comum não é nada mais que apelar a que o próximo não seja nem mais nem menos que o seu anterior. O que é o Teatro num cidadão comum? É a vida, simplesmente a Vida!

Passar todas as décadas de respiração a representar é o prato do dia! Quantas vezes um sorriso forçado, um olá indesejado ou uma conversa por circunstância não aparecem perante quem não está minimamente interessado na verdade dos factos? Quantas vezes nesse mesmo momento o cidadão comum não usa a sua personagem de falsidade para representar o que na verdade não sente, sendo assim levado para outra dimensão, aquela que é criada porque sim. Nem todos se dão ao trabalho de criar mundos e locais definidos para a teatralização ao longo de cada passagem do tempo com quem não se quer, no entanto todos, mas mesmo todos, conseguimos pisar as tábuas do Teatro para uma demonstração que afinal também um olho, um lábio e um simples dedo são bons parceiros na arte da vida. 

O Teatro da vida, aquele que enfrenta décadas e décadas e que depois é caracterizado com ironia ou sem ela por quem se intitula sem problema algum de ator, aqueles que mostram tal e qual o que todos fazem em segredo mas a que todos têm conhecimento. Como não cair na tentação de agir perante as leis quase obrigatórias da sociedade que nos vai guiando por um caminho pré-definido e onde mal um pé salte fora já todos estão a cair na tentação da crítica premiada?! Se não existisse tanto Teatro ao longo da permanência por este planeta o que seríamos todos nós além de figuras simpáticas e sempre prontas para o bem? Nada, simplesmente nada!

Onde estão as artes do espetáculo aprendidas espontâneamente ao longo do tempo e que ajudam a enfrentar os problemas sem manifestar a verdade dos factos? Sim, o Teatro é a arte que todos possuímos para enfrentar os maus momentos de forma benéfica, criando situações onde o público não tem de perceber a verdade dos factos!

Amo o Teatro dos palcos mas amo muito mais o Teatro da Vida, aquele em que além de público sou figura de destaque dia após dia!

 

Este texto insere-se na Tag #ComCanela que mensalmente lanço com os blogs A Mulher Que Ama Livros e o Homem Certo.

6 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Atual Leitura
Top mais vendidos Wook

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Luísa de Sousa

    Também vou sempre à área de Leituras e leio os pos...

  • Luísa de Sousa

    Olá Informador. Tenho 4 blogs, se quiser dar uma "...

  • MãeTástica

    Olha vou aproveitar e deixar aqui o meu blog també...

  • O Informador

    Até quem participar só uma vez o pode fazer. Tudo ...

  • Pedro Oliveira

    Participar vezes sem conta só dá para os ganancios...

Mensagens

Pesquisar

Redes Sociais | Segue-me

Instagram Facebook Twitter Pinterest Visita o perfil de O Informador no Pinterest. Goodreads

Última Leituras

Aconteceu em Paris
liked it
O título demonstra desde logo que o leitor irá visitar Paris. Amy acompanhou a sua amiga Kat até aos seus últimos dias de vida, mas as duas tinham um objetivo, viajar até à cidade do amor em segredo. Kat não conseguiu resistir mas Amy le...
O Pecado da Gueixa
liked it
A cultura japonesa está em grande destaque em O Pecado da Gueixa, através da perceção das regras comportamentais de um ninja, Hiro, protetor de um padre português, Mateus, que juntos irão investigar a morte de um samurai, Akechi-san, num...
O Silêncio da Cidade Branca
it was amazing
Nem sempre uma capa consegue representar o que está no seu interior, mas com O Silêncio da Cidade Branca primeiramente fui conquistado pela imagem que me remeteu para uma sinopse que conquistou. Já com esta obra em espera na mesa-de-cabe...

goodreads.com
BlogsPortugal
Bloglovin Follow

 Subscreve O Informador