Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A violência de Bárbara e Carrilho perante os filhos [com vídeo]

Quando José Maria Carrilho pensava que a imprensa se tinha calado com as agressões e insultos que protagonizou com Bárbara Guimarães nos últimos anos e que fizeram correr muita tinta com direito a várias idas a tribunal devido à polémica separação que envolveu a troca de galhardetes e não só em praça pública. Agora que tudo parecia mais calmo, eis que a jornalista Ana Leal, da TVI, colocou em campo a sua equipa e voltou a estimular o tema da polémica.  Inserido no Jornal (...)

Basta!

Portugal, pleno século XXI, uma sociedade supostamente desenvolvida mas com grandes falhas no que toca à igualdade de género e onde infelizmente a violência doméstica ainda persiste com as mulheres a serem vítimas de um crime não conjugal mas sim público.  O Mundo continua a conviver com atos desumanos de agressões e maus tratos entre seres que não respeitam os que estão do seu lado, tal como não se respeitam a si próprios ao rebaixarem de forma física e psicológica (...)

Violência no namoro

Há uns dias veio a debate público, mais uma vez e acho que nunca é demais quando o tema é bem debatido, a violência no namoro. Passado pouco tempo ouvi uma pessoa com comentários acerca da pessoa com quem está a namorar atualmente que só levaram a pensar que talvez exista caso para que as histórias que alguns conseguem ter a coragem de contar aconteçam em demasia e entre casais que nem mostram comportamentos que possam gerar qualquer suspeita. O que levará uma pessoa agredida (...)

Violência doméstica não é crime na Rússia

Da Rússia nem bons ventos nem boas políticas! Então não é que agora o parlamento russo aprovou com 368 votos com 1 voto contra e 1 de abstenção a lei que descriminaliza vários atos de violência doméstica? De acordo com a nova lei as agressões físicas que não obriguem a vitima a procurar tratamento hospitalar e a faltar ao trabalho não serão consideradas crime caso ocorram uma vez por ano. Ou seja, passando isto por outros termos, os agressores podem uma vez por ano (...)

APAV alerta através da ficção

Rita Pereira e Pedro Barroso, os dois atores que protagonizaram um dos principais pares da segunda temporada da novela de sucesso A Única Mulher foram convidados pela APAV para protagonizarem a nova campanha de sensibilização da associação. Com um casal com vários problemas de agressão mútua ao longo da trama, a dupla de atores (...)

Coragem da separação

Notícias sobre homicídios entre casais são cada vez mais frequentes e ver pelas redes sociais uma conhecida por quem se tem um certo carinho a afirmar publicamente que conseguiu deixar o terror que vivia em casa consegue fazer rodar uma tômbola onde a felicidade sai na rifa por perceber que existiu atitude antes que mais uma notícia de violência doméstica contínua que leva à morte acontecesse. Foi através das redes sociais que por mero acaso percebi, já dois meses depois, que (...)

Até que a morte nos separe

Diariamente as vítimas de violência doméstica aparecem através das mãos dos namorados ou maridos e se com o tempo tudo poderia mudar com a evolução da sociedade, o que tem sido alterado no número de casos que têm aparecido ao longo dos últimos anos? Nada, rigorosamente nada, ainda para mais quando surgem depoimentos de mulheres que afirmam que em poucas semanas de namoro (...)

A Bárbara, o Carrilho e a Imprensa

Bárbara e Carrilho formaram um casal apaixonado e que transpirava amor quando apareciam publicamente. Agora, e sem que nada previsse, a separação acontece e os conflitos entre a apresentadora e o político são tornados públicos com várias queixas crime já a correrem em tribunal de ambas as partes e com a imprensa em cima do caso. Uma separação a mal está a acontecer entre o casal que tem dois filhos em comum. Ela acusa-o de violência doméstica, ele revela que também já fez (...)