Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Lixo na carteira

É incrível o que faço com a minha carteira! Existem dias em que parece que os papéis, a que chamo de lixo, aparecem no interior da carteira por sua livre e espontânea vontade! Como posso ter acumulado tanta coisa desde o início do mês sem necessidade alguma? Cada vez que vou ao multibanco, seja levantar dinheiro, carregar o telemóvel ou fazer pagamentos, não consigo deitar o talão (...)

Feira do livro sem fatura

Chegou-me aos ouvidos que numa feira do livro que foi realizada numa biblioteca pública do nosso país, as faturas ou o talão de compra eram inexistentes. Então a função pública não dá o exemplo do que é pedido a todos os cidadãos deste país? Vamos a um café e somos obrigados a trazer o talão com ou sem o nosso contribuinte com o que consumimos. Mas depois vamos a uma feira do livro, dentro de um edifício municipal e organizada pelo pelouro da cultura, compramos alguns (...)

As faturas de 2013

E agora não nos podemos esquecer, vamos beber um café, temos que trazer a fatura, não precisamos de pedir, se os proprietários tiverem a cumprir as regras das finanças. E pronto, agora é que vou acumular ainda mais lixo na minha carteira! A partir de agora tudo o que adquirimos tem que vir acompanhado do pequeno papel do comprovativo de compra. Acho bem que isto aconteça porque muitos dos pequenos negócios fugiam e bem aos impostos, mas por um lado, se nós nos esquecemos de pedir (...)

A minha carteira é como a das mulheres

A minha carteira, se não tivesse os meus cartões pessoais, podia ser entregue a uma mulher porque está sempre recheada de papéis e mais papéis que vou guardando, nem sei para quê. Mas por que raio é que guardo todos os talões que me dão e que me saem das caixas multibanco? Eu não me entendo, mas o que é certo é que guardo todos os talões e cupões que me vem parar às mãos na minha carteira que vai enchendo e enchendo até mais não. A minha carteira leva uma limpeza de dois (...)