Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Universitários-billboard

Ganha Gente Feita de Terra no Instagram

Querida pessoa que passas diariamente ou esporadicamente por este blog, esta mensagem é para ti! Tenho a dizer que te convido a passares pela minha página de Instagram para te habilitares a ganhar um exemplar do novo livro de Carla M. Soares, a autora de Limão na Madrugada. Gente Feita de Terra é o novo romance da autora, lançado pela Cultura Editora, e na minha página de (...)

Convites duplos | Golpada | 20.06.2019

  Maria e Jesus Maria são gémeos. Vêm de um meio desfavorecido, têm trabalhos mal pagos e, desde crianças, um grande sonho: ser ricos, ter muito dinheiro para comprar tudo o que lhes apetece, agora já, não um dia mais tarde. Jovens e destemidos como são, urdem um plano para concretizarem o seu sonho quando de repente, como que por acaso, lhes aparece um certo senhor Milagre com uma proposta irrecusável. Os seus exóticos vizinhos, a vidente Madame Bonafide e o realizador (...)

Convites Duplos | A Verdade e A Mentira | 09.12.2018

O que é verdade e mentira nos dias que correm? No dia-a-dia surgem histórias que tanto podem transmitir verdades como mentiras, estando cada vez mais em voga as «fake news» nas conversas paralelas e nos meios de comunicação social.  Atual e como forma de desafiar o pensamento, o Teatro Aberto estreia em Dezembro dois espetáculos em simultâneo onde A Verdade e A Mentira são debatidas em duas peças de Florian Zeller, o autor do sucesso O Pai. Com encenação de João Lourenço e (...)

Curiosidade | Os casinos do Brasil

Tapar o sol com a peneira e fazer de conta que a realidade não existe são dois traços culturais muito típicos dos portugueses. Quando uma situação ou circunstância é desagradável, fazemos de conta que não se passa nada e seguimos para a frente. Quanto mais ação isso exigir da nossa parte, pior.   E parece que os nossos irmãos brasileiros “herdaram” esta nossa mania. A relação dos brasileiros com os casinos e os jogos de azar não podia ser mais cómica.    Uma (...)

Malvados soluços

Meses e meses sem um verdadeiro ataque de soluços e eis que neste último dia do ano estou para aqui aos pulos e a situação não há meio de passar.  Já bebi água, comi e fiz o pino mas o que é certo é que não existe meio destes malvados soluços passarem, deixando-me em paz.  Não me lembro da última vez em que isto tinha acontecido, mas de certo que já foi há muito, talvez já há mais de um ano, não sei! Agora é esperar que isto desapareça quando quiser! Aqui está (...)

Pessoa de sorte

Sou uma pessoa com tanta sorte que o dia de folga rotativo da próxima semana calha justamente na terça-feira, a 8 de Dezembro. Então não é que é feriado nesse dia? Sendo assim e porque as boas notícias não estão do meu lado, todos os meus colegas trabalham somente quatro dias pela próxima semana e aqui o gajo tem de aguentar com os cinco que até se lixa. Segunda. Quarta. Quinta. Sexta. Sábado. Feriado a 8 de Dezembro? Não, nesse dia estou é de folga! Avançando no (...)

Está difícil...

... do Euromilhões aparecer aqui por casa! Faço a aposta todas as semanas para os dois dias e tirando os prémios pequenos de três, quatro, oito ou nove euros nada mais calha por estas bandas! Isto é preciso ter sorte e ter nascido com o rabo virado para a lua né? Parece-me então que nasci de dia e com o rabo bem virado para o sol!

Prémios também para mim!

Em plenas férias e após ter comprado o jornal i liguei para um passatempo através do famoso número 760 e na primeira chamada fiquei logo apurado como um dos vencedores dos livros que andam na moda entre as bloggers nacionais, o Não Sou Esse Tipo de Miúda. Sim eu sei que este é um dos muitos livros dedicados inteiramente ao (...)

Cagaram-me na cabeça!

Não tinha outra forma de colocar em título senão o "cagaram-me na cabeça" porque foi mesmo isso que aconteceu! Acabei de levar com líquido das necessidades de uma qualquer gaivota na cabeça! Como se não bastasse e como aquele tipo de animal não é meigo a despejar, conseguiu ainda espalhar a sua nhanha para a mochila e telemóvel!  Caca de gaivota para mim e para as minhas coisas! Yupi!

Eu engordar? Nem pensar!

«Toda a gente tem aquele amigo que come, come e nunca engorda! Esse amigo sou eu!» Digam lá se não é verdade?! Por vezes sinto a inveja de quem me rodeia ou que por um motivo ou outro teve a infeliz coincidência de partilhar algumas refeições comigo, isto porque aparecem aqueles comentários do estilo... «Como é que tu nunca engordas com o tanto que comes?» Pois, é a sorte da genética! Sempre fui assim mais magro que a maioria dos rapazes e embora tenha sido sempre um garoto (...)