Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

09
Set20

Inspirações repentinas

 

Motivos desconhecidos que nos trazem pessoas do nada para se cruzarem num curto espaço de tempo connosco e que do nada nos conseguem inspirar através de pequenas conversas rápidas e que nos mostram que sempre é possível acreditar nos nossos sonhos para se mudar, lutar e alcançar cada objetivo a que nos propomos. 

Há uns dias isso mesmo aconteceu com uma pessoa que esteve presente no meu local de trabalho durante uns dias a fazer as suas funções sem interferir com as da equipa. As conversas fluíam quando dava tempo e acabei por encontrar um ser lutador e bastante sonhador que mesmo fora da sua área acredita que com o esforço que nos explicou que sempre fez ao longo dos anos para atingir várias metas que agora, numa nova etapa de vida conseguirá voltar a conquistar todos os sonhos que tem em si. Começou cedo a trabalhar, viajou bastante e conheceu mundo antes de assentar arraiais e organizar família. Hoje com maiores responsabilidades e mudanças volta a sonhar em voltar a organizar o que já teve no passado por outras paragens e tem tudo tão bem definido que somente com as explicações que me foi fazendo acreditei no seu sucesso a médio prazo.

28
Dez15

Concretizações de 2015

Agora que o ano está a terminar, vamos revelar uma das concretizações que idealizamos para 2015 e que conseguimos cumprir... 

Conto desde já que uma das minhas foi a de ter trocado de carro, despedindo-me do velhinho Opel Corsa, que me acompanhou ao longo de uma década, depois de ter passado do pai, para adquirir uma carrinha Renault Clio. 

Toca a revelar, pela secção de comentários que se segue, desejos cumpridos por este ano que agora está prestes a terminar... 

25
Dez15

Peso de Natal

Não comi assim tantos doces e porcarias que surgem maioritariamente na época do Natal para me sentir com o estômago assim tão pesado. Parece que em poucas horas consegui colocar demasiada farinha e fermento na barriga que agora estão a fermentar e a deixar um certo mal estar por ter comido sonhos e coscorões em demasia e com um certo grau de calor. 

Descansem que já comecei a abrandar nos doces e o chá calmante já entrou em acção!

29
Abr15

#UmSonhoQueAindaNaoSeRealizou

Confesso que tenho andado fã dos Tweets do Momento e agora mesmo o que está no lugar cimeiro da rede social é #UmSonhoQueAindaNaoSeRealizou. O que ainda não se realizou na minha vida e que queria muito, muito, muito era algo com que a grande maioria também sonha... O Euromilhões!

Ontem ainda não foi o meu dia de ficar euromilionário, no entanto a esperança que tal acontecimento seja real na próxima Sexta-feira ainda existe! Quantos milhões estão há minha espera para depois me serem retirados uns quantos pelo Governo? Nem vale a pena saber, depois quando as tômbolas rodarem e os números forem revelados logo começarei a fazer contas!

29
Mar15

Tag: Once Upon a Time

Tag Once Upon a Time.jpg

O Homem Certo lançou a flecha para estas paragens com a Tag que nos reporta para a infância! Once Upon a Time leva-me até aos meus primeiros anos de vida, já lá vão uns bons tempos e como recordar é viver, lá irei desfiar o novelo do passado e recordar alguns dos bons momentos que marcaram esta pobre criatura que ainda hoje gosta de colocar o pezinho no mundo infantil. Em três, dois, um...

 

#1 - UM FILME DA MINHA INFÂNCIA

Curiosamente não tenho um filme que me tivesse marcado na infância. Tenho sim, anos mais tarde, quando já tinha uns doze/treze o filme que marcou muitos adolescentes, e não só, na altura. Titanic, esse sim é o filme que mais me terá marcado fora da infância, já na adolescência mas que ficou na memória, tendo sido visto inúmeras vezes até acabar por cansar. A cassete, a velhinha cassete que andava aqui por casa, desapareceu misteriosamente, tal como todas as outras que por aqui circulavam. 

 

#2 - UMA SÉRIE DA MINHA INFÂNCIA

Dartacão, sem dúvida alguma! Adorava chegar a casa, depois de um dia de escola e ver que estava a dar o Batatton onde o Dartacão e os Três Mosqueteiros estavam inseridos. A série dos heróis que lutavam pelo mal e onde a princesa Julieta suspirava de aflicões para com o seu amor guerreiro. Saudades!

 

#3 - UMA MÚSICA DA MINHA INFÂNCIA

«Todos os patinhos sabem nadar, sabem nadar, cabeça para baixo, rabinho para o ar...»

Quantas e quantas vezes ouvi e voltei a ouvir este tema aqui por casa, talvez para adormecer ou ficar mais calmo não sei!