Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

Fim de 2018 | Publicação interrompida

31
Dez18

sem sinal televisão.jpg

Informo os meus queridos leitores que a emissão, ou melhor, publicação neste blog, será interrompida por breves momentos para os festejos perante a despedida de 2018 e entrada em 2019.

A pausa será breve, aliás, só mesmo de umas horas porque daqui a pouco, já no novo ano, a primeira publicação será feita porque por aqui tudo continuará a estar alinhado para se seguir a mesma linha dos últimos anos, «um texto por dia nem sabes o bem que te faz». 

Digam Adeus a 2018 e entrem em Bom em 2019! Até já!

A continuação da Cristina

08
Fev17

No final de contas e tal como sempre acreditei, a revista Cristina não termina aqui! Dois anos depois do pontapé de arranque, a publicação de Cristina Ferreira foi nos últimos dias notícia por ter o seu final anunciado, só que tal como o comunicado que a editora Masemba lançou, o que terminou foi a parceria entre a revista e a editora e não a publicação. 

Muito foi inventando e publicado pelos vários meios de comunicação social sobre a Cristina, ficando-se a perceber que existiam vários órgãos que mostraram um certo agrado com este desfecho, só que após notícias sem verdades e suposições só porque o nome da apresentadora vende e rende, eis que a própria acaba por falar e quebrar o silêncio numa conferência de imprensa propositada para revelar que quase todos estavam enganados e que poucos foram os que andaram próximos do que iria acontecer.

Acreditei na mudança de editora mas não supôs que fosse a própria Cristina Ferreira a criar a sua editora para ter a revista ao seu cuidado, com a sua equipa e com a força que sempre tem mostrado junto dos leitores. Ou seja, Cristina vende, viu como fazer e agora não depende de ninguém para seguir em frente com a sua revista. 

Adoro a revista, embora existam meses que note um excessivo número de páginas publicitárias, o que não foi o caso do último número, mas o conteúdo através de entrevistas e reportagens é interessante, com temas que geralmente não são debatidos por outras publicações do género.

Eles já não fazem nada?!

14
Jan15

É um facto que o casal tem dois dos blogues mais visitados do país, ganhando parte da sua vida com isso. O que não percebo é como ambos conseguem manter as suas visitas no topo quando passam dias e dias sem nada contar e revelar, não tendo tantas vezes nada de novo a não ser as roupas que estão a vestir no momento e que querem que todos vejam!

Sim, falo da Pipoca e do Arrumadinho! Ambos são dos mais conhecidos deste mundo da blogosfera e gabam-se aos sete ventos disso mesmo. Todos sabemos quem são, todos vamos espreitar o que têm de novo para contar e no final de contas na maioria dos dias acabam por não ter mesmo nada. Dedicam-se tanto ao blogue que nada fazem, ganhando sim destaque graças aos outros afazeres de ambos pela imprensa e presenças nacionais.

Um blogue de sucesso sem rotatividade com os seus textos e imagens acaba por não ter qualquer sentido. Gostaria que alguém me conseguisse esclarecer sobre o facto deles terem tantas visitas sem nada de especial mostrarem, sendo simplesmente conhecidos como os mais lidos. Isso chegará para o futuro onde o trabalho demonstrado não existe?

Ele tem o seu novo projeto, a NiT, e ela é colaboradora da mesma, sendo presença assídua em campanhas e no seu espaço lisboeta, no entanto onde anda o trabalho de blogger que antes foi tão bom e que agora começou a andar pelas ruas da amargura para ambos?

Ah esperem! Como conseguiram a fama esqueceram-se do que os levou até lá! Tenho dito!

Facebook quer dinheiro!

14
Nov14

No início do blogue facilmente as publicações que partilhava no Facebook atingiam as centenas de visualizações e mesmo sem serem comentadas estavam sempre em altas, estando o ranking da página num bom ponto. Agora e porque a rede social anda com o seu grande massacre para com as publicações pagas, desceram-me rapidamente os valores e insistem sempre para que compre algum dos seus pacotes publicitários que tanto lhes devem dar dinheiro!

É um facto... Quando as páginas têm poucos seguidores tudo parece idílico pela rede social de maior sucesso no mundo, mas quando as coisas começam a crescer o Facebook quer dinheiro e começa a enviar sucessivos folhetos pela página para que seja comprado um dos seus pacotes de publicações pagas com a finalidade de conseguir chegar a um outro público.

Será que acreditam mesmo que irei pagar para ter um maior nível de publicidade facebookiana quando tenho feito tudo à minha maneira e sem recorrer a estes estratagemas para que o blogue tenha um crescimento rápido em número de seguidores? É certo que se aderisse uma vez a estas publicações pagas conseguiria subir os valores do blogue por atrair novas pessoas até ao espaço e algumas continuariam a visitar O Informador, mas valerá mesmo a pena criar um crescimento forçado e sem qualquer tipo de espontaneidade por parte dos outros?!

O Facebook quer dinheiro à força toda e este é um dos estratagemas que muito milhões devem fornecer! No início tudo corre bem, depois fazem crer que os valores das páginas descem para que exista um investimento do seu proprietário! Está bem abelha, enganem outros que eu vou ali e já volto!