Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

ebooks-billboard

Fazer menos causa cansaço

  A ideia é única e, pelo que vou constantando em conversas ao longo dos tempos, quase vencedora numa balança... Fazer menos causa cansaço! Nos dias em que o trabalho não aperta e os clientes não chegam acabo o horário bem mais cansado que nos dias corridos, de movimento e onde o corpo não tem tempo para comunicar com a mente. Escrevo este texto após chegar a casa num desses dias em que pouco fiz e ao olhar para o espelho de corpo inteiro percebo que estou completamente de (...)

Mau começo profissional

Podem-me achar chato e mesquinho, mas no campo profissional sou mesmo assim e existem falhas que não cometo, não aceitando serem praticadas por parte dos outros. Para quem não sabe, estou de saída da empresa onde estive ao longo do último ano, optando por sair por não me sentir bem num trabalho que não me dá o mínimo entusiasmo. Com o arrumar de casa com a minha saída, sem entrar uma pessoa para o meu lugar mas tendo a empresa optado por baralhar o trabalho que três faziam, (...)

Elogios animadores

Acredito que todos gostaremos de receber elogios na sua vida, mas perceber que o seu trabalho está a ser valorizado por simples palavras espontâneas é positivo e anima qualquer pessoa que possa começar o dia mais cabisbaixo. É sabido que estou há praticamente três meses no meu segundo emprego, após trabalhar dez anos numa empresa que encerrou, e embora tenha começado esta nova fase bem, depois desanimei porque estava habituado a outro ritmo e a um maior movimento, mas aos poucos (...)

Valorizar as estrelas

Muito se criticam certos apresentadores por destacarem a sua vida profissional além do que fazem no pequeno ecrã nos seus programas diários. O que essas pessoas que criticam não percebem é que esses mesmos apresentadores ao mostrarem que são mais do que rostos do pequeno ecrã conseguem ter outros alicerces extra de sucesso e que têm outros afazerem para além das horas diárias que nos entram pela casa dentro. Falo disto com um sentido que me levou a pensar sobre este tema! Muito (...)

Comerciante sanguessuga

Será que não posso andar a ver carros sem ser atormentado com os vendedores que ganham à comissão a explicarem tudo e mais alguma coisa, a contarem que veículo têm, que carros dos que têm estão em melhores condições, as razões dos preços estarem acima ou abaixo de veículos praticamente idênticos... Isto sem ter de perguntar absolutamente nada! Sei que ganham à comissão e é necessário atrair o cliente mas existem conversas e conversas! Por vezes preciso de me sentir «à (...)

Discurso emocionado de Judite

É muito difícil viver sobre fortes emoções, uma grande saudade e uma grande dor íntima e ser capa todas as semanas das diversas revistas. Mas eu quero agradecer, do fundo do coração, às centenas de pessoas que se dirigiram até mim e às quais eu não posso responder individualmente. Foram cartas, foram mails, telegramas… Pessoas que disseram que afinal eu era tão humana quanto elas. Nós somos tão humanos quanto o cidadão comum, quanto as pessoas que estão aí do outro lado (...)

Bons estudantes vs. Bons profissionais

Os tempos não estão fáceis e a falta de emprego é muita! Os jovens que terminam os seus cursos não se conseguem encaixar nas áreas para as quais andaram a estudar ao longo de vários anos. No entanto os que têm a sorte de conseguirem logo um lugar nem sempre têm capacidades para assumirem tais funções. Podem ter tido boas notas ao longo dos anos em que foram estudantes, mas é na prática que se percebem os bons profissionais que acabaram de sair das faculdades. Contratar pelas (...)