Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Praia sem vento, sff!

praia

Acordas num dia de folga bem cedo, olhas para as temperaturas que se vão fazer por algumas praias do país e percebes que até irá estar um bom dia para se poder aproveitar e seguir até ao areal. E assim o fiz!

Temperaturas pareciam estar bem dispostas, estava com tempo, despachei-me, coloquei tudo no saco, passei pelo supermercado para acrescentar algumas coisas para o decurso do dia e segui direito ao litoral do país. Pelo caminho decidi para onde ir, cheguei, estacionei, tirei a tralha e antes de assentar material e estender a toalha percebi que o vento se fazia sentir de forma desagradável mas resolvi ter pensamento positivo de que tudo iria acalmar.

 

 

Desperdício de Agosto

verão.jpg

 

Os primeiros dias de Agosto foram quentes, bem quentes, convidativos para aproveitar cada dia de pausa e circular até à praia mais próxima para me refrescar com as águas frias do Oeste e levar com aquela maresia, que de manhã se faz acompanhar com nevoeiro cerrado como se o dia tivesse totalmente desperdiçado com um tempo ameno e onde o sol promete ficar escondido ao longo da manhã e tarde. Os dias tiveram bons e aqui o rapaz não os aproveitou para ir até à praia!

Agora que o meio de Agosto se tornou ventoso, cinzento e mesmo com alguns momentos de chuva, eis que a vontade de acordar cedo nos dias de folga para seguir para a praia surgiu, mas a ideia não conseguiu ser levada em diante porque as temperaturas baixaram. Por aqui unir mar, areia, vento e eu no mesmo espaço não funciona, existindo um contrassenso entre estes elementos que não consegue ser ultrapassado, principalmente o vento que levanta areia por todo o lado, inclusive para cima de mim e da minha toalha que gosto de manter limpa!

Se Marcelo vai... Costa também vai...

antónio costa praia.jpg

 

Se ao Sábado Marcelo Rebelo de Sousa teve honras de quase abrir o Jornal da Uma da TVI com a sua saída de praia, eis que ao Domingo calhou a António Costa, o nosso excelentíssimo Primeiro Ministro, ser apanhado com a esposa a banhos na Praia da Princesa na Costa da Caparica. 

Aproveitando o calor deste fim-de-semana, mesmo sem a época balnear ter começado, António Costa optou por mostrar que já podemos ir até ao areal com segurança e distanciamento, não existindo necessidade de esperar por 06 de Junho, o dia em que a liberdade para frequentar as praias está oficialmente aberta este ano.

Mesmo com Costa a querer tirar o destaque de Marcelo com a sua estadia na praia, o Presidente conseguiu voltar a ser filmado, ao segundo dia, nos seus mergulhos em Cascais pela sua meia hora de natação diária e em bom. 

 

Saída de praia do Presidente Marcelo

marcelo na praia.jpg

 

Claro que não é a primeira vez que podemos ver o nosso Presidente Marcelo na praia, mas este Sábado o direto que a TVI fez praticamente na abertura do Jornal da Uma será inesquecível. Para quem não viu, deixo aqui o link do vídeo, para perceberem os passos de Marcelo, a saída da praia e os cumprimentos aos populares e vizinhos de Cascais. Seguimos e acompanhamos o nosso Presidente a sentar no banco para sacudir a areia do corpo e ainda ter tempo para conversar com outra sua vizinha e um turista brasileiro sobre o estado do seu país e as diferenças entre Portugal e Brasil em tempos de pandemia.

Quem nunca sonhou ver um Presidente da República a sair da praia em direto na televisão nacional, de calção no corpo e sem qualquer segurança por perto? Andei trinta anos para ver estes preparos de um Presidente como um cidadão comum que o é... Ao longo do direto até tive tempo para imaginar Cavaco Silva de tanga na sua saída magnífica do areal de uma praia dos arredores de Boliqueime ou mesmo Ana Gomes, se vier a ser Presidente um dia, com o seu biquíni pela piscina municipal de Estremoz a espalhar charme e sensualidade por todo o lado. 

2019 sem praia!

praia nazaré.jpg

 

Entramos em Agosto, num Verão instável entre o tempo quente, os ventos e a aragem. Eu, que estou cada vez com maior preguiça para ir até à praia, posso revelar que este ano ainda não apanhei os primeiros banhos solares nos areais deste país de temperaturas viradas do avesso e confesso que bem me parece que não o vou fazer.

As férias irão chegar no final deste mês mas os planos indicam que terei piscina ao longo das duas semanas de pausa. A praia não tem sido atração nas duas folgas semanais que tenho e pela vontade que não existe, parece mesmo que ao longo das férias também não a irei visitar, optando pelo sossego da piscina, sem areia, com possível vento mas sem me chatear e com a água bem mais amena que as marés frias do Oceano Atlântico. 

Verão estranho em Agosto

Agosto de 2017 não está a começar da melhor maneira como o mês mais quente e que a todos convida para assentarem arraiais pelas praias deste país. Várias horas em que o sol fica tapado pelas nuvens, um vento desagradável para quem gosta de desfrutar da praia em sossego e sem levar com areia a todo o momento e as ameaças esporádicas de chuva não ajudam nada os fãs deste mês para tirarem umas ricas férias onde sonham atingir um bronze perfeito para regressarem ao dia-a-dia com um vigor reforçado graças ao sol e ao descanso que obtiveram. Parece-me que o querido mês de Agosto este ano não está de modas e deixou-se influenciar por um tempo mais virado para o Outono.

Nunca fui fã de tirar férias nestas semanas supostamente mais quentes e com as multidões a invadirem as praias, os estabelecimentos comerciais em zonas tradicionalmente mais movimentadas neste período e os preços a serem inflacionados a pensar no consumismo desenfreado a que os dias de pausa como que obrigam por existirem subsídios para gastar. Mas é certo que a maioria dos portugueses continua a apostar nas semanas de Agosto para tirarem férias, mas este ano parece que tiveram azar se o tempo continuar frouxo e a fazer caretas ao longo dos dias. Não está um calor constante, não existe um céu limpo de manhã à noite, existindo sim a presença de vento que arrasta areias movediças pela praia fora e um nevoeiro por vezes desmoralizador, deixando aquela ideia de um Verão com altas temperaturas de lado.

Praia? Nem pensar!

2017 é aquele ano em que férias de Verão não existem por aqui e sabem que mais? Não sinto falta alguma de ter uma ou duas semanas de pausa para viajar até uma vila algarvia e poder usufruir de uns dias de tempo quente na praia, a estorricar ou a fugir do sol. 

Na verdade pensei que não seria tão fácil de ultrapassar esta altura do ano sem usufruir de férias e poder ganhar uma cor morena com idas à praia e piscina. Além de não ter férias em tempo quente este ano, não gosto de ir aos fins-de-semana para a praia, com enchentes por todo o lado. Fui habituado de pequeno a ir para a praia de semana e utilizar os Sábados e Domingos para descansar e hoje, aos 30 anos, continuo a ter os mesmos hábitos que outrora. 

Ora se este ano não posso ir de semana porque optei por arranjar emprego antes do previsto após mês e meio desempregado, e se só quero utilizar os dias a que já tenho direito no Outono, então o que me resta fazer? Nada! É trabalhar e descansar ao fim-de-semana, aproveitando para dar umas voltas pela zona sem colocar o pé na areia. 

O calor não me conquista

Ainda agora começou a sério e já estou farto de tanto calor! A maioria da população portuguesa adora o tempo quente para se atirarem para as praias, já eu este ano parece que nem vontade tenho de me ir banhar pelas águas salgadas.

As altas temperaturas que se têm feito sentir esta semana já me deixam zonzo. De ar condicionado ligado todo o dia e a sentir que estou com um calor horrível enquanto trabalho. Bebo água até mais não, fico sem fome e a roupa parece pegar-se ao corpo a toda a hora.

O Verão é uma época pesada para ser ultrapassada, para mais junto de quem nem faz tenção de ir até à praia muitas vezes pelos próximos meses. Só de pensar que não tenho férias no Verão este ano porque mal entrei para a empresa e de também não ter vontade de ir aos fins-de-semana para a praia só para não me cansar da viagem logo dá vontade de dar um salto temporal de três meses e aparecer em Setembro com o tempo a começar a refrescar. 

Se umas certas pessoas abrirem este texto logo me vão enviar mensagens escritas por não querer ir até à praia nos dias livres mas nem todos gostamos das mesmas coisas, felizmente, e a cada ano que passa a vontade de meter os pés na areia parece que vai diminuindo. 

Férias a caminho!

férias setembro.jpg

Deixem-me dizer-vos que daqui a uns dias estou oficialmente de férias por duas semanas seguidas! Não sei para onde vamos porque não existe nada marcado nem combinado oficialmente, mas até lá as coisas resolvem-se e existirá um destino a chamar pelo nosso nome a partir do dia 17 de Setembro.

Quando todos já estiverem a trabalhar, muitos já cansados das semanas após as férias, lá vou eu descansar, apanhar ainda algum sol - sim, porque o ano passado em Outubro ainda fui uma semana para a praia sem problemas temporais - e desfrutar da segunda fase de descanso deste ano. Ainda ficarão a faltar uns dias de pausa, mas primeiro é gozar o que já aí vem!

Praia para cães em Portugal

bulldog francês.jpg

A primeira praia para cães já existe em Portugal! A proposta surgiu e a Câmara Municipal de Peniche aprovou a ideia!

Ah pois é, a partir de 6 de Agosto de 2016, assinalem bem esta data, será possível levar os nossos companheiros caninos até à praia do Porto da Areia Norte, em Peniche. Sacos para dejetos dos animais, reforço dos caixotes do lixo e infra-estruturas sanitárias estarão ao dispor no local para que os humanos cumpram o seu dever para com a higiene dos seus cães e também para com a natureza e bem-estar de todos nós. 

Por outros países já existem praias para cães e por cá abre agora oficialmente a época balnear para os nossos caninos poderem desfrutar, tal como nós, do prazer da praia. O espaço será vigiado por dois funcionários e terá vedação em madeira para que os mais de quarenta mil cães recenseados no país possam usufruir do local até 25 de Setembro.