Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

As 52 semanas...

1555316_643783582352117_1856807988_n.jpg

Andava eu pelas leituras dos blogs dos sapinhos e visitei o espaço da Cocó na Fralda, onde encontrei uma sugestão já com raízes mas que acaba por ser uma excelente e sempre atual ideia para poupar. Esta sugestão de poupança consiste em poupar de forma gradual, começando na primeira semana com 1€ e terminando a última semana do ano, a quinquagésima segunda, a colocar de lado 52€. Ou seja, no final do ano 1378€ estão colocados de parte e não é necessário fazer um esforço assim tão grande para o conseguir.

Uma ideia de poupança gradual e anual!

Necessito de compras literárias

Há uns bons meses que tenho resistido a qualquer compra literária! Sim, confesso, que sinto a falta do ato de comprar um bom livro!

Primeiro porque andava viciado em comprar livros, tendo juntado mais de vinte para ler. Comprava três e lia por mês um ou dois!

Segundo, queria então diminuir o amontoado de espera que tenho por casa para conseguir despachar os não lidos, mas tem sido difícil avançar com a leitura!

Terceiro, nestes dois últimos meses, ao ainda ter mais de uma dezena em espera e saber que o aniversário está próximo e o Natal também, optei por não comprar porque aparecem sempre livros nessas alturas do ano aqui para o leitor. 

Tempo de poupança

Assumo a partir de agora que ao longo deste ano a regra pessoal será poupar, poupar e poupar. Não digo que não faça as coisas a que estou habituado e que recusarei gastos extraordinários, nada disso, o que quero é ter um maior cuidado com as contas que por vezes passam do razoável sem qualquer necessidade própria.

Em suma, irei começar a planear o mês de uma melhor forma, pensando no que terei para pagar e comprar por obrigação, percebendo depois se existe espaço para roupa, livros e afins e ainda conseguir separar o valor que coloquei em mente para transferir para a conta poupança no final de cada mês.

Se tiver que pagar algo mais caro que não possa passar para as semanas seguintes, controlo-me com as idas aos centros comerciais e às compras pela internet. Se tiver mais livre, já com a poupança colocada de lado, aí poderei dedicar um pouco mais do ordenado à minha pessoa.

Quero poupar ao longo deste ano de 2015 e para isso terei que fechar um pouco os cordões à bolsa e não trazer tantas coisas para casa. Por vezes dou por mim a pensar que preciso de um novo par de calças ou camisola com tanta roupa por casa que não uso há meses! Será mesmo necessário andar a comprar, comprar e comprar para ir acumulando, acumulando e acumulando?!

Vou tentar controlar os meus gastos porque estou em Tempo de Poupança ao longo dos próximos meses, tudo com uma finalidade!