Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

21
Set18

Festa do Cinema com bilhetes a 2,50€

O Informador

festa do cinema.png

Começou em 2015 e regressou em 20162017 para continuar e bater o sucesso dos anos anteriores. Agora em 2018 e uns meses mais tarde do que o habitual, a Festa do Cinema está de volta às salas nacionais. Ver cinema a 22, 23 e 24 de Outubro vai custar apenas 2,50€.

Em 2017 os dias de Festa do Cinema levaram até às salas de todo o país mais de 217 mil espetadores. Agora e numa transferência de Maio para Outubro, espera-se que o número seja novamente ultrapassado, contando para isso também com a ajuda dos filmes Johnny English Volta a Atacar, Venom, Assim Nasce Uma Estrela, O Primeiro Homem na Lua, Beautiful Boy e Pedro e Inês que estarão por esses dias em destaque. 

Mais uma vez a Festa do Cinema estará presente em todas as salas de cinema e sessões, existindo a exceção de que os filmes exibidos nos formatos IMAX e 4DX serão taxados ao seu preço normal e não terão assim qualquer desconto.

17
Ago14

Pedro e Inês

O Informador

Pedro e InêsA Quinta da Regaleira recebe nos serões de Sexta e Sábado o espetáculo Pedro e Inês, inspirado numa das histórias de amor mais dramáticas do nosso país. Eu já assisti e posso dizer que fiquei com uma opinião onde o meio termo fez-se sentir!

Aliando a paixão trágica, onde o ódio e os interesses foram sentidos, com um dos lugares mais românticos de Portugal, a quinta de Sintra transforma-se nas sessões de Pedro e Inês num lugar ainda mais mágico e misterioso, no entanto algo falha neste espetáculo. Tendo um início pela cafetaria do local e convidando o público a seguir as personagens através de vários momentos de pausas que conduzem até ao palco central, nesta produção da byfurcação tenho que aplaudir a ideia, mas também tenho que criticar a forma como a apaixonante história de amor é contada.

De um momento para o outro estamos a passear pelos corredores dos jardins da Quinta da Regaleira com velas na mão para iluminar o percurso ao longo das primeiras cenas. E logo aí me comecei a perder na história! Tão depressa estava perante personagens vivas a contarem que irão morrer, como logo depois já as mesmas estão a relatar como foram mortas. Até aqui tudo parece normal, o pior é mesmo o facto das entradas e saídas em cena mostrarem que os mortos voltam a estar vivos para contarem novos pormenores e logo de seguida voltam a falecer. Senti-me completamente perdido no guião, ficando durante vários momentos sem perceber a que estado da história de Pedro e Inês estava a assistir.

O local foi bem escolhido, tal como a ideia do passeio pela Quinta, mas depois o guião falhou por se centrar em demasia no estado final de Inês e no sofrimento de Pedro, e com tantos avanços e retrocessos consegue-se perder por completo o fio condutor!

Com os meios e a inspiração perfeita, a história de amor de Pedro e Inês podia ter sido recontada de uma melhor forma! Mas fica para a próxima!

banner mrec exames nacionais e provas de aferição

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens

Comentários recentes

Pesquisar

Mais comentados

Atual Leitura
Top mais vendidos Wook