Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Universitários-billboard

Ganha | Ser Como o Rio Que Flui

Ser Como o Rio Que Flui é um corte transversal na anatomia da escrita de Paulo Coelho. Esta compilação de contos, opiniões e ideias constitui um belíssimo reflexo da vasta criação do escritor. Peças literárias de vários períodos e publicações compõem este livro, que tece uma linha sensível, acompanhada pelo olhar do criador, detendo-se naqueles pormenores da realidade quotidiana e da contemplação que destilam a subtil filosofia de quem observa a existência com a mesma (...)

Em 2019 sigo os Caminhos de Paulo Coelho

Pela primeira vez na vida irei usar uma agenda física ao longo do ano! 2019 assim o exige pelos horários mais desorganizados em termos de trabalho por não ter um regime exato ao longo da semana para entrar e sair no emprego. Cada dia é um horário e por isso a exigência de organização torna-se bem maior, sendo necessário não perder as horas de (...)

Novidades Grupo BertrandCírculo | Este vício de ler

O Grupo BertrandCírculo reuniu amigos, imprensa especializada e bloggers para anunciar os lançamentos literários que serão feitos dentro das suas várias chancelas - Bertrand, Quetzal, Temas e Debates, Círculo de Leitores, Contraponto, Pergaminho, ArtePlural, GestãoPlus e 11x17 - até ao final do ano. E antes de avançarem de forma corrida na leitura deste texto, posso-vos dizer que existem novidades para todos os gostos e várias surpresas já esperadas há algum tempo. No total (...)

Hippie | Paulo Coelho

Título: Hippie Autor: Paulo Coelho Editora: Pergaminho Edição: 1ª Edição Lançamento: Junho de 2018 Páginas: 224 ISBN: 978-989-687-505-3 Classificação: 3 em 5   Sinopse: Paulo é um jovem que quer ser escritor. Deixa crescer o cabelo e parte numa viagem pelo mundo em busca da liberdade e do significado mais profundo da existência. Uma jornada que vai desde a prisão como terrorista pela ditadura (...)

Obra de Paulo Coelho em série

Considerado como um dos melhores escritores do Mundo, com os seus livros publicados em todos os cantos do planeta, Paulo Coelho verá daqui a uns tempos três das suas obras serem transformadas em série. Assinado o contrato entre o autor e a produtora The Fremantle Corporation, a responsável pela série American Gods, o novo projeto com as histórias criadas pelo autor brasileiro será um thriller policial que envolverá as personagens de Brida, O Demónio e a Senhorita Prym e A Bruxa (...)

Leituras de Abril

Abril, águas mil! Por aqui foi mais Abril, leituras triplas! Não rimei, pois não? Mas também não era para rimar, a intenção era só mesmo fazer uma introdução assim meio engraçada sobre as minhas leituras do mês de Abril. Foram três os livros que li no passado mês, como tem vindo a ser hábito nos últimos meses. Vamos lá atirar-nos de cabeça às minhas leituras... O Olho de Hertzog (...)

Batalha

«Essas pessoas poderão dizer com orgulho: «Nunca perdi uma batalha.» Mas jamais poderão dizer: «Ganhei uma batalha.»» Paulo Coelho, em Manuscrito Encontrado em Accra Cada vez acredito mais que me encontro na linha do «Nunca perdi uma batalha». Os meus objetivos de vida foram acontecendo ao longo dos últimos anos, e embora nunca tenha feito grandes elaborações do que queria no dia de amanhã, sempre tive uma noção do caminho a seguir e as coisas foram acontecendo mais ou (...)

Manuscrito encontrado em Accra

O Manuscrito encontrado em Accra foi o segundo livro da autoria de Paulo Coelho que li e embora este não tenha uma história, mas sim várias mensagens deixadas pelo autor, é uma das minhas sugestões literárias para quem gosta de reflectir sobre os livros e os seus ensinamentos. Tal como é citado na capa desta obra editada em Portugal pela Pergaminho, «não há arma mais forte que a palavra» e (...)

O chamamento do Manuscrito Encontrado em Accra

Até agora só li um livro de Paulo Coelho, O Aleph, e, embora tenha gostado, pensei que só voltaria a ler algo do autor quando fosse puxado por uma força inexplicável para o fazer. Parece-me que chegou a altura de voltar em algo novo do autor. Inesperadamente e uma vez que não pensava mesmo ler tão cedo algo de Paulo Coelho, este Manuscrito Encontrado em Accra chamou-me de uma das estantes de (...)

As máscaras do cinismo

«O cinismo é um mecanisco de defesa usado por aqueles que tem medo de serem feridos no amor, no trabalho, na vida.» Paulo Coelho O cinismo, tal como Paulo Coelho afirma é usado para tapar os desgostos com a vida no seu geral, mas mais que isso, é também usado por pessoas fracas que se querem mostrar fortes e combatentes perante tudo e todos.  Cada vez conheço mais pessoas que usam da sua forma de argumentação cínica para esconderem o que são verdadeiramente e para não deixarem (...)