Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

leituras-verao-billboard
27
Mar20

Ser Cromo em tempos de Coronavírus

Vídeo da Caderneta de Cromos

nuno markl.jpg

 

Nuno Markl transformou o seu espaço celebrativo dos 10 anos da Caderneta de Cromos, na Rádio Comercial, para dar um recado sobre o estado lamentável com que os portugueses reagiram nos primeiros dias ao Covid19 no nosso país.

Sei que já venho tarde e que até já toquei em alguns dos temas comentados por Markl, como foi o caso da loucura para com o papel higiénico, mas e porque são estes testemunhos de pessoas com voz na sociedade que podem fazer alguma diferença junto dos outros, resolvi partilhar este episódio onde se fica a saber o que é Ser Cromo.

14
Fev20

A Peça que Dá para o Torto é para rir e chorar por mais...

UAU

a peça que dá para o torto.jpeg

 

Estreou A Peça que Dá para o Torto no Auditório dos Oceanos do Casino Lisboa e só vos consigo dizer que para já esta é a comédia do ano. Ao longo de quase duas horas de espetáculo, com direito a intervalo, ri, ri e ri a ponto de quase chorar e ficar com uma certa dor nos maxilares de tanto gargalhar.

Numa peça que dá mesmo para o torto e cuja momento de estreia parece correr tão mal que pior é completamente impossível, nesta produção da UAU tudo está tão perfeito que nada consegue seguir a linha prevista sobre a necessidade de desvendar um crime que dá o mote para o desenrolar da suposta história que vai ser contada. Desta vez não vos posso contar muito sobre o que acontece em palco para não tirar o efeito surpresa, só revelando que logo quando entram na sala percebem que algum alarido já está a acontecer. A partir daí e até ao final as surpresas não terminam e o mais inusitado acontece a todo o momento. Será que a história de um crime é relatada como está destinada, com tudo no lugar, as personagens certas e sem imprevistos? Só vendo podem perceber a verdadeira realidade que o nome do espetáculo logo indica, A Peça que Dá para o Torto. 

Numa adaptação de Nuno Markl de um sucesso internacional com mais de cinco anos e que já esteve presente em trinta países, nesta peça dentro da peça até o elenco conta para o sucesso e nada parece falhar entre tanto entra e sai, texto bastante corrido, atrapalhações e inesperados. Com Alexandre Carvalho, Cristóvão Campos, Igor Regalla, Inês Castel-Branco, Joana Pais de Brito, Miguel Thiré, Telmo Mendes e Telmo Ramalho em palco, este espetáculo conta com tanto obstáculo que os atores estão de parabéns pela desenvoltura como tudo acontece sem aparentemente nada falhar, mas mesmo que falhe nem é notado, porque tanto que dá para o torto que nem se dá por isso se existirem novos pontos soltos e que escapem. 

Cenário caricato, um guarda-roupa chamativo e diversificado pela década de 1920, um bom trabalho de encenação por parte de Frederico Corado e um elenco bem composto, onde destaco a prestação de Joana Pais de Brito e Telmo Ramalho, nesta investigação em busca do real assassino o público só se tem de preparar para desfrutar, ser surpreendido, podendo reagir e deixando contagiar por todos os momentos inusitados que vão acontecendo em palco. 

11
Set19

Tou Preguiçoso by Vasco Palmeirim

 

Vasco Palmeirim é um dos homens do ano em televisão e rádio e não é que este verdadeiro mestre do entretenimento consegue sempre surpreender com as suas criações? Desta vez lançou, com o apoio da equipa das Manhãs da Rádio Comercial, o tema Tou Preguiçoso e mais uma vez o resultado final funcionou e além de ficar no ouvido acaba por ser cómico. 

Nuno Markl, Pedro Ribeiro e Vera Fernandes são os bailarinos da versão do Vasco do tema Faz Gostoso da Blaya e este Tou Preguiçoso está um verdadeiro, como diriam os brasileiros, show pela letra, pelos bonecos criados e a capacidade de cada um de arriscar numa brincadeira que será vista por milhões em menos de nada. Gostei deste Tou Preguiçoso que Faz Gostoso estas suas criações que viram sucesso!

10
Ago17

O Homem Que Mordeu o Cão - 20 Anos: Uma Vida de Cão

o homem que mordeu o cão.jpg

Dia 06 de Outubro de 2017 será a data em que Nuno Markl tem vinte bons motivos para comemorar. Isto porque a criação de O Homem Que Mordeu o Cão completa 20 anos nesse mesmo dia e como existem bons motivos para celebrar, eis que um espetáculo bem especial está a ser preparado para presentear o público pelo Coliseu de Lisboa.

Nuno Markl, a equipa das Manhãs da Rádio Comercial e um lote de convidados, a divulgar pelas próximas semanas, irão subir ao palco do Coliseu de Lisboa pelas 21h30 para celebrarem os 20 anos de um dos maiores sucessos da rádio que passou também pelos palcos, televisão, livrarias e ficou na memória. 

A 06 de Outubro de 1997 começava a aventura onde um estranho noticiário ia para o ar nas manhãs da rádio com notícias tão bizarras que acabaram por criar uma forte ligação com os ouvintes que ainda hoje recordam O Homem Que Mordeu o Cão como um dos melhores produtos de humor produzidos e que um maior número de seguidores e ouvintes foi conquistando. 

17
Ago16

O salto de Luísa Barbosa

luísa barbosa.jpg

Luísa Barbosa nasceu para o mundo televisivo através da MTV mas rapidamente mostrou querer ganhar asas para outros formatos bem mais vistos e onde o seu talento, que estava a ser desenvolvido, iria ganhar destaque. Saltou assim para o programa 5 Para a Meia-Noite na RTP1 onde semanalmente apresentava e colocava o público bem disposto. Uns tempos depois a SIC deu-lhe a oportunidade de integrar a equipa do Fama Show por onde esteve nos últimos anos. Pouco mais de dez anos passaram desde a sua estreia televisiva e agora Luísa Barbosa salta para as manhãs da Rádio Comercial.

De saída da SIC com um «até já», a repórter e apresentadora partilhou pelas redes sociais que «Foram dois anos e meio de trabalho e aprendizagem, durante os quais tive o prazer de conhecer pessoas incríveis e viver experiências únicas. Mas chegou a hora de dizer ‘até já!’ Vêm aí novas experiências e novos desafios.». Desafios esses que são já conhecidos.