Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

31
Jan17

Bertrand elege o Livro do Ano

finalistas bertrand.jpg

Após um mês em votação a primeira fase do Prémio Livro do Ano Bertrand, onde 55 títulos disputavam um lugar no top 10, chegou ao fim. Aproximadamente 10.000 livreiros e leitores Bertrand votaram e elegeram os candidatos a Livro do Ano na primeira fase de seleção. Com Vaticanum de José Rodrigues dos Santos, Uma terra chamada liberdade de Ken Follet, História da menina perdida de Elena Ferrante, Homens Imprudentemente Poéticos de Valter Hugo Mae, O Evangelho segundo Lázaro de Richard Zimler, Prometo Perder de Pedro Chagas Freitas, A Espada e a Aziaga de Mia Couto, Doutor Sono de Stephen King, Nem todas as baleias voam de Afonso Cruz e Como vento Selvagem de Sveva Casati Modignani a serem as escolhas da primeira fase, eis que se inicia agora a última e derradeira escolha do melhor entre os melhores. 

Até 13 de Fevereiro as votações voltam a estar aberta para que livreiros e leitores Bertrand possam eleger o seu preferido entre esta seleção de grandes obras, distinguindo assim o livro que mais marcou o ano de 2016. Tu, que amas livros e tens aqui uma das tuas preferências literárias do ano passado do que esperas para votar? Faz-te leitor Bertrand e vota!

21
Abr14

Estante da Fnac

EstanteA Fnac Portugal pegou no que de bom tem pelas suas lojas e partiu à aventura de uma revista literária com publicação trimestral, tendo surgido assim a Estante. Com o custo de 1,5€ a partir do seu número 2, já que a primeira edição está disponível nas lojas de forma gratuita, surgiu assim um produto «para apaixonados por livros». O Informador já conta com a sua aqui por casa!

Valter Hugo Mãe, Mia Couto, José Saramago, João Miguel Tavares, Ricardo Araújo Pereira, Fernando Alvim, Lídia Jorge e João Tordo são apenas alguns dos nomes literários presentes pela primeira Estante da Fnac, sendo as páginas desta revista ainda compostas por artigos sobre a série e obra A Guerra dos Tronos, dando também destaque ao 25 de Abril, entre outros temas.

Da literatura nacional à internacional, dos clássicos aos contemporâneos, dos livros infantis aos que atingem o público sénior, a Estante acaba por ser uma revista publicitária sobre as novidades que podem ser encontradas pelas prateleiras da Fnac, valorizando o trabalho de cada autor e editora e percorrendo a literatura desde os seus primórdios à atualidade.

Com o tema «português» como destaque no número 1 da Estante, a quinta língua mais falada do mundo sai assim valorizada com artigos que mostram o quanto importante é!

A Estante já está na minha Estante e na tua?!

02
Fev14

Paraíso

mia coutoDia-a-dia, ao longo de uma vida, o paraíso espreita cada um com o desejo intrincado de poder partilhar o seu bem estar com alguém que o deseje. No entanto, os sinais e caminhos que vão sendo oferecidos a cada um desaparecem e são levados pelo tempo quando não são apoiados, deixando os pequenos momentos que vão sendo conquistados afastarem-se.

Na vida é necessário recorrer-se à reconquista porque nada está certo, nada dita o final e nunca se pode achar que se está bem. Ao longo de horas e dias é sempre necessário conquistar cada desejo que ajude a permitir a chegada ao paraíso, nem que seja por um milésimo de segundo. Guerras, lutas e batalhas interiores acontecem para que o bem apareça em toda a sua plenitude.

O paraíso, como local único e abençoado não existe, existe sim uma grande crença e procura para que o mesmo seja alcançado sempre com todos os sonhos e realidades desejadas a serem concretizados.

O paraíso vai sendo feito de pequenos pormenores ao longo de todo um trajeto de vida porque a palavra não consegue ter um significado único e concreto, sendo a sua vastidão gramatical, sentimental e uni-pessoal a transmitir a sua verdadeira crença.

Error running style: Style code didn't finish running in a timely fashion. Possible causes: