Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

21
Out18

Não saio de casa sem...

O Informador

carteira.jpg

Todos nós quando saímos de casa levamos acessórios e objetos que nos acompanham ao longo de parte da vida. As mulheres geralmente colocam a maioria dentro das suas grandes malas onde parece existir tudo e mais alguma coisa, «como na farmácia». Nós homens somos recatados na seleção dos itens que nos acompanham ao sair de casa, existindo sempre particularidades de uns e outros. 

Habitualmente e no dia-a-dia geralmente tenho de levar a carteira, chaves do carro, óculos de sol, telemóvel e o livro que estou a ler, que fica muitas vezes no banco traseiro do veículo, mas vai quase sempre comigo quando saio de casa. Isto são os acompanhantes em dias normais, dentro da rotina, porque depois existem os momentos em que levo a mochila onde geralmente também baterias portáteis e fios vão, um livro suplente por vezes, lenços de papel, se o tempo estiver mais fresco um lenço para o pescoço, talvez um casaco, etc, etc, etc. 

12
Jul17

Acessórios essenciais para homem

O Informador

trendhim.png

Hoje em dia, a imagem tem um papel fundamental no nosso dia a dia. Seja no trabalho, relações interpessoais ou como as pessoas olham para nós. É a primeira coisa que as pessoas reparem, na nossa imagem. E muitas vezes, a imagem que temos é associada à confiança com que enfrentamos a vida e se parecemos confiantes com certeza as pessoas vão tratar-nos com um maior respeito. 

Penso que devemos sair de casa sempre como se fossemos conhecer a pessoa dos nossos sonhos. Esta é daquelas dicas que nem sempre valorizamos e sobre a qual estamos a cair em erro. 

Cada vez mais os homens dão importância à sua imagem, porque querem impressionar ou porque querem sentir-se bem. Isto acontece porque somos muito competitivos, queremos ser os melhores em tudo, e porque não também na maneira de vestir? 

Uma boa imagem abre portas e cria novas oportunidades, por isso é muito importante destacar-nos. E haverá melhor maneira de fazer isso do que usar acessórios? 

 

Aqui ficam quatro acessórios essenciais no armário dum homem. 

 

  1. Relógios

O relógio é fundamental no outfit dum homem, e é o mais clássico e intemporal.  

Dependendo da ocasião, usar um mais clássico ou mais informal. Sendo os de couro e de metal mais clássicos e os de plástico e cores mais informais. 

É importante que o relógio tenha boa qualidade pois é um acessório para usar diariamente. Uma cor como o preto ou castanho são uma boa opção pois combina com tudo. 

trendhim relógios.png

 

  1. Carteiras 

A carteira masculina é completamente essencial. O estilo deve ser simples e clássico, na maioria das vezes feita de couro ou camurça. Com uma cor neutra, que combine com os seus sapatos e roupas.  

08
Abr13

Internet, venda, roupa e Marta Melro

O Informador

O mundo da internet é cada vez mais promissor para a compra e venda de tudo e mais alguma coisa e os famosos da nossa praça também não deixam escapar esta onda e fazem negócio. Apetece-me falar da venda de artigos em segunda mão que tanto anda na moda...

Marta Melro, a atriz que já entrou em várias novelas, principalmente da TVI, revelou esta semana à revista Vidas que encerrou a sua loja online de roupa em segunda mão, mas que «O balanço é muito positivo. Já tive duas lojas, na primeira vendi 300 peças, nesta última, já vendi mais de mil em apenas um ano. Já consegui escoar grande parte das coisas que tinha».

Primeiro quero realçar o facto de que só mesmo quem ganha bem poder ter assim tantas peças de roupa, porque uma pessoa comum não tem mais de mil peças para poder vender e ainda ficar com o que vestir, nem metade, quanto mais... É certo que a Marta é mulher, mas acho que é um exagero ter tanta roupa e não a usar! Também compreendo que muitas das suas peças lhe tenham sido oferecidas, mas mesmo assim é um exagero!

Como percebeu que o que tinha era abusivo lá começou a fazer a sua venda e a lucrar com a mesma. Deve ter feito um bom dinheiro e agora diz que esta venda em segunda mão ajudou-a a perceber que não pode comprar tanta roupa como até aqui fazia porque depois não lhe dá uso.

A venda de peças em segunda mão pelo mundo da internet está na moda e as figuras públicas já perceberam isso e dão asas para poderem assim ganhar uns trocos a mais para reforçarem o seu orçamento, o que acho bem! Já que não precisam, pelo menos vendem por um preço mais baixo do que a peça lhes custou e fazem alguém ficar feliz pela compra!

É uma boa lógica, mas será que fica bem dizer-se publicamente que se têm assim tantas peças de roupa para vender e que a maioria quase nem foram usadas? Criticaram e gozaram tanto com a mala que a Pepa queria e estas coisas dos famosos são levadas como se fosse algo normal de acontecer!

Eu vejo com normalidade isto acontecer porque até defendi o desejo da Pepa na altura, por exemplo, e compreendo que os famosos tenham mais peças de roupa que as pessoas que trabalham no supermercado, mas tinha que comentar esta venda em segunda mão das peças de Marta Melro por achar que outras pessoas o deveriam também fazer para seu próprio bem e pelos outros, já que não precisam de ter tanta coisa em casa como devem ter.

20
Jan13

E já ninguém fala da Pepa

O Informador

Pouco mais de uma semana depois de toda a polémica em volta do desejo de Pepa Xavier ter acontecido, eis que toda a população das redes sociais esqueceu o assunto. Até parece que o mesmo nem aconteceu!

Tal como já era sabido, nos tempos que correm tudo é efémero e a fama repentina que a Pepa teve devido ao seu desejo de ter uma mala Chanel neste ano de 2013 já faz parte do passado e nas redes sociais onde o assunto se destacou e deu que falar, a maioria já nem se lembra do sucedido. Oh Pepa, volta a falar dos teus desejos para voltares a ser destaque porque até gostei de te ver em altas por uns magníficos dias. Pelo menos deixaste as pipocas arrumadinhas a um canto por essa altura.

Ela foi destaque pela internet, pela imprensa escrita e até foi notícia nos jornais da noite da nossa televisão. A Pepa que só quer ter uma mala da conhecida marca e que foi gozada e criticada negativamente por isso. Eu não percebo porque tais criticas surgiram porque lá no fundo todos temos os nossos desejos materiais para os próximos tempos, a diferença é que a maioria não os revela e se deixa oprimir pela sociedade. A rapariga confessou-se e levou por tabela por tal atitude. Invejosos é o que é!

Mas agora todos se esqueceram do gozo que aconteceu e os assuntos agora correm à velocidade da luz, sendo que a mala da Chanel já passou à história, mas o que é certo é que a Pepa ganhou popularidade com algo que já era normal fazer, mas que por uma vez todos decidiram dar destaque. Parabéns Pepa, ficaste famosa por uns dias, mas devias ter tentado manter essa fama, o que não me parece estar a acontecer, pelo menos não te tenho visto por aí a dar entrevistas para tentarem lançar a tua marca como a outra. Talvez tenhas que ser mais doce para todos dizerem bem de ti, mesmo que não gostem, como fazem por aí com os desarrumados desta vida de cão.

12
Jan13

Também quero ser Viral como a Pepa

O Informador

O mundo dos blogs esta semana teve um destaque especial com o caso da mala da Chanel que a Pepa tanto deseja ter em 2013. Eu não vejo onde está o mal da rapariga desejar tal assessório de moda. É certo que é algo caro para os dias que correm, mas cada um sabe de si, não é verdade?

Não estou nada contra às afirmações da menina Pepa e até achei engraçado o seu vídeo se ter tornado viral. Se por um lado as coisas não correram bem, tendo a Samsung, que patrocinou tal filmagem, retirado logo a sua publicação e feito um pedido de desculpas, por outro, tudo isto só pode dar bons resultados para a Pepa Xavier.

Eu não me importava nada de ter estado no lugar da blogger e de tornar um dos meus textos em algo viral, que todos vão ler, pesquisar, comentar e criticar. Pode-se não gostar, mas o que é certo é que esta situação deu à Pepa os seus minutos de fama junto de um maior número de público do que costuma ter habitualmente e isso só pode ser positivo. Asa redes sociais ficaram inundadas sobre o caso da mala Chanel da Pepa e até na televisão se fez notícia sobre o caso... Ouro sobre azul!

Se uma pessoa escreve e publica vídeos sobre si e se estes ganham maior visibilidade, mesmo que seja de um modo em que tudo foi criticado pela negativa, a pessoa em questão só ganha visibilidade para os próximos tempos, podendo tirar algum partindo dessa situação.

O que terei de fazer para ter algo viral aqui pel' O Informador para me tornar nacionalmente conhecido?! Eu estou com a Pepa e se a menina quer ter um mala cara e se a poderá comprar, ninguém tem nada a ver com isso!

Já agora, eu quero um carro novo, pode ser, sei lá, um BMW ou um Audi, tanto faz!

banner mrec exames nacionais e provas de aferição

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens

Comentários recentes

Pesquisar

Atual Leitura
Top mais vendidos Wook