Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

Banner billboard Saldos 2019
19
Dez18

Mais vistos em 2018

| O Informador

A equipa do Sapo Blogs já nos enviou o Relatório Anual de cada blog correspondente a 2018, embora ainda faltem uns dias para terminar o ano. Com isto e porque acho que todos vocês, que passam por aqui diariamente ou de quando em vez, merecem e podem saber um pouco mais sobre alguns dados disponibilizados pelas estatísticas, deixo-vos assim as publicações mais visitadas no blog ao longo dos últimos doze meses. 

  1. Fita de finalista da afilhada
  2. Fita de finalista para o primo
  3. As fitas de finalistas...
  4. Quem Me Dera | Mariza
  5. Costa leva novo chá de Marcelo
  6. Finalmente existe ação na Antiga Feira Popular
  7. Dor de cabeça com falta de café
  8. Atual leitura... Nada Menos Que Tudo [Afonso Noite-Luar]
  9. Secret Story 7 | A Estreia
  10. 10 alimentos consumíveis fora de prazo
18
Out18

Levando o Caos, de Maurício Meirelles

| O Informador

maurício meireles.jpg

Maurício Meirelles regressou a Portugal para apresentar o seu novo espetáculo. Após o sucesso de Perdendo Amigos, que não vi, agora chegou até nós Levando o Caos, a nova produção que continua a contar com o famoso webbullying ao longo de duas horas de boa disposição. 

Num espetáculo reformulado e onde a presença do público é importante, o comediante brasileiro surge em palco com uma simplicidade incrível. Piada atrás de piada, risada atrás de risada, apontamentos críticos da sociedade brasileira e portuguesa bem fortes e o debate acontece. Comentando a atualidade brasileira e portuguesa, Meirelles não deixa nada por dizer. O que gosta gosta, o que não gosta é comentado na mesma, colocando o dedo na ferida sem disfarces, atrapalhando, mordiscando e transformando uma plateia completamente esgotada numa claque de palmistas cheia de entusiasmo e boa disposição.

Não conhecia muito bem o trabalho do ator e fiquei rendido ao primeiro minuto. O público é convidado a assistir a um micro vídeo de apresentação sobre o que é um espetáculo de teatro e depois entra o artista. Maurício surge sozinho em palco, de microfone na mão e pronto para criar distúrbios, lançando mesmo o caos entre a sua claque repleta de fãs e de novos admiradores, uma vez que quem vê a primeira vez vai certamente querer voltar na próxima aparição do humorista brasileiro. 

 

27
Set18

Lixo de Lisboa

| O Informador

lixo.jpg

«Lisboa é linda!», sim é verdade! Lisboa está na moda, também é verdade! Lisboa está suja, uma verdade de que poucos falam mas que todos conseguem ver quando passam por determinadas ruas mais movimentadas de determinadas zonas e bairros. 

Andar em Lisboa na zona entre o Chiado e o Príncipe Real, por exemplo, é por vezes como andar a fazer uma excursão em modo salta pocinhas através do passeio. De sacos do lixo para ser recolhidos em pleno dia junto a portas de prédios e estabelecimentos ao lixo que é deixado pelo chão, de tudo se pode ver por aquelas ruas. Não percebo como é que a autarquia, em pleno século XXI, continua com a opção dos moradores deixarem o lixo em sacos e caixas junto às portas, não existindo contentores para a recolha onde se acumulava tudo em determinados locais e não se espalhava tanto saco. As pessoas deixam o que é para ser recolhido na rua, os sacos abrem-se, os animais de rua mexem, as embalagens espalham, quem passa vai deitando restos para cima do lixo que está no chão para recolha. Isto faz sentido numa cidade que parece tão evoluída e que continua a ter um problema com a reciclagem?

Passar por avenidas e ruas movimentadas e andar durante minutos sem encontrar um só caixote do lixo, mesmo que sejam dos pequenos para depositar um papel, também é uma realidade. Andamos e andamos e nada de depósitos, encontrando sim tudo deixado pelo chão porque se a ideia é colocar o «lixo no lixo», em Lisboa essa fórmula não deve ser defendida pela autarquia, uma vez que não fazem por isso. Onde andam os contentores para que residentes e turistas não tenham de andar com os restos na mão tanto tempo até que se cansam e os deitam para o chão que mostra ser essa uma prática recorrente?

13
Jun18

Curtas e Diretas | 134 | Alfama venceu!

| O Informador

alfama marcha lisboa.jpg

O bairro de Alfama venceu, pelo terceiro ano consecutivo, as Marchas Populares de Lisboa. Isto não começa a ser um ciclo vicioso com Alfama a conquistar a vitória ou a ficar entre os primeiros lugares ano após ano? Não digo que não o mereça porque nota-se trabalho, mas chega a um ponto que dá para duvidar! Queria ver se existisse a hipótese de realizarem o voto cego sem os jurados saberem a quem pertencia a marcha que estavam a avaliar. 

13
Mai18

Finalmente existe ação na Antiga Feira Popular

| O Informador

feira popular lisboa.jpg

Umas décadas após o término da Feira Popular no centro de Lisboa e com os terrenos ao abandono desde então, a Câmara da capital age finalmente perante um problema urbano que já gerou muita polémica ao longo do tempo. Segundo a imprensa, o novo projeto entrará em discussão esta semana mas já existem bases para tudo arrancar.

Os antigos terrenos da Feira Popular e outros espaços abandonados na zona de Entrecampos, mais concretamente na Avenida Álvaro Pais e Avenida das Forças Armadas, irão contar com quase mil novas casas, vários espaços comerciais, um megacentro de escritórios, áreas sociais e culturais, contando com espaços verdes. Ao que tudo indica, esta «Operação Integrada de Entrecampos» irá ocupar cerca de 25 hectares desocupados na zona de Entrecampos.

Os novos imóveis e alguns já existentes, que serão recuperados, serão colocados depois em venda livre (279) pelo promotor que adquirir o projeto, sendo que o município ficará encarregue da construção direta de mais de metade destes imóveis (700), que ficarão disponíveis com rendas acessíveis junto da população. 63 fogos serão construídos pela Santa Casa da Misericórdia em lotes já pertencentes à identidade social.

Com isto Lisboa requalifica assim uma área da cidade que tem estado praticamente ao abandono ao longo de mais de duas décadas, terminando com o vazio e o mau aspeto que determinadas zonas de Entrecampos têm mantido ao longo deste tempo.

26
Jan18

Animais em Risco

| O Informador

pregos pão.jpg

Num parque na freguesia da Ajuda, em Lisboa, foram encontrados vários pedaços de pão com pregos numa tentativa de matarem os animais que passeiam com ou sem dono pelo local. Foi através de algumas publicações nas redes sociais que o alerta foi dado e é necessário passar a palavra para que neste e em outros locais públicos todos os cuidadores de animais tenham atenção ao que os mesmos possam colocar na boca enquanto passeiam. 

Esta armadilha consiste, como se pode ver, em colocar pregos em pão cortado, mostrando um claro ato de maldade. Os animais ao tentarem comer os pedaços de comida encontrados no chão ingerem também os pregos que lhes farão ferimentos internos. Além desta situação é cada vez mais recorrente ver partilhas sobre vidros espalhados pela relva dos jardins, salsichas com lâminas e vários outros métodos para magoarem os animais e mesmo até matar. 

Pelos comentários partilhados, esta situação em específico já foi comunicada às autoridades, estando também a autarquia consciente sobre a situação que segundo alguns moradores das ruas do bairro lisboeta não é um caso isolado pela zona.

Quem consegue ser tão ruim para ter capacidade de provocar ferimentos de livre vontade a animais que com os seus donos ou abandonados possam passear pelos jardins da capital? Essas pessoas deviam pensar que até uma criança mais pequena pode sair magoada num mero descuido dos adultos cuidadores mas que num segundo olham para o lado e deixam assim de vigiar um pequeno humano que num instante pega no pedaço de pão amaldiçoado.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Sofia

    Sim! Mas a verdade é que hoje em dia, as pessoaa n...

  • O Informador

    A mágoa que alguém nos provoca deixa sempre mazela...

  • Sofia

    Completamente! Sou desconfia poe natureza.

  • O Informador

    Isso sem dúvida, o que nos magoa de verdade fica s...

  • Sofia

    Há coisas que te fazem que jamais esquecerás!Estou...

Mensagens

Pesquisar