Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

15
Fev19

Trotinetas, os novos ratos da cidade

O Informador

trotinetas.jpg

Há umas décadas as grandes cidades tinham o flagelo dos roedores e do lixo. Agora, em pleno 2019, são as trotinetas elétricas que de um momento para o outro despoletaram como pipocas pelas ruas da capital e aos poucos se têm espalhado por várias cidades de Portugal.

Neste momento são já várias as empresas a operar no nosso país e a colocarem trotinetas a circularem por avenidas, ruas e jardins como autêntico lixo urbano. Em circulação este novo modo de viagem urbana é aceitável, embora já tenha dado alguns problemas de atropelamentos em poucos meses. O que acho que começa a ser exagerado são o quase abandono das trotinetas em torno de prédios, lojas e centros comerciais. Este veículo urbano dos tempos modernos é o típico descartável que se pode usar e deixar em qualquer lugar, sem existirem ainda regras definidas para que o abandono das trotinetas não aconteça como tem vindo a acontecer. Em Lisboa neste momento é raro andar pelas principais avenidas e não ver espalhadas pelos passeios várias trotinetas que foram deixadas em espera que o mesmo ou outro utilizador lhes pega e as leve até outro ponto da cidade para a voltar a abandonar. É sabido que a autarquia está a definir regras para a utilização e principalmente estacionamento destas placas com rodas, mas até que definam lugares próprios de paragem, como acontece com as bicicletas elétricas, parece que vamos continuar a ver as belas viaturas aqui e acolá, completamente abandonadas e a causar um certo distúrbio visual às ruas das cidades que ficam assim invadidas por estes veículos como se fossem lixo em espera para ser recolhido. 

banner mrec exames nacionais e provas de aferição

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens

Comentários recentes

Pesquisar

Atual Leitura
Top mais vendidos Wook

Error running style: Style code didn't finish running in a timely fashion. Possible causes: