Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

21
Jan19

Gente Que Não Sabe Estar já estreou

O Informador

Gente que não sabe estar.png

Ao contrário dos receios que tinha sobre o regresso de Ricardo Araújo Pereira ao ecrã da TVI com um novo programa de humor sarcástico virado para a política, a estreia surpreendeu-me pela positiva, mostrando que desta vez sim, o RAP português conseguiu ir de encontro ao que realmente o público quer ver e não entrar em modo bem mais filosófico para conquistar somente uma minoria. 

Gravado no palco do Teatro Villaret e contando com Cátia DominguesManuel CardosoJoana MarquesGuilherme Fonseca, Cláudio Almeida, Miguel Góis, José Diogo Quintela e o famoso Insónias em Carvão no lote de humoristas residentes deste projeto, Ricardo Araújo Pereira é um género de pivô que critica e faz-se apoiar dos seus companheiros de bancada para dar várias achegas ao governo e diversos partidos que começam agora a preparar as suas candidaturas às próximas eleições. 

António Costa, Assunção Cristas e o seu arroz de atum na sua aparição n' O Programa da Cristina, os serviços públicos do genro de Jerónimo de Sousa, entrevistas bizarras e debates entre os vários partidos onde ninguém se entende até surgirem assuntos polémicos de que todos se querem desmarcar, Ricardo Araújo Pereira com o seu bom toque de humor arrasa a política, comenta, brinca e goza com as notícias que vão surgindo à semana, fazendo ao mesmo tempo um pouco de futurologia, e sempre com o cuidado de não ser brejeiro como a maioria dos comediantes que andam por aí. Existe humor e humor e aqui encontramos um caso de humor gourmet com um só nome, Ricardo Araújo Pereira. 

20
Jan19

Estreia Hoje | Gente Que Não Sabe Estar

O Informador

gente que não sabe estar.jpg

Ricardo Araújo Pereira regressa hoje, 20 de Janeiro de 2019, aos ecrãs nacionais para estrear um novo suplemento humorístico inserido no Jornal das 8, da TVI. Se o Ricardo fazia falta à televisão? Sem dúvida, no entanto existem umas questões do passado que me deixam de pé atrás perante este regresso.

Primeiramente quero comentar o facto da direção de programas e de informação do canal em insistir em colocar espaços de humor político como partes dos informativos. Podiam perfeitamente dar este novo espaço, Gente Que Não Sabe Estar, colado ao informativo, mas como formato autónomo e que vale por si, sem existir qualquer necessidade de ficar inserido, na sua primeira exibição, dentro do principal bloco de informação do canal. Depois as repetições na TVI24 já são livres, por isso qual o fundamento desta colagem?

Segundo ponto... No passado Ricardo Araújo Pereira estreou dois formatos do género, também dentro do Jornal das 8, e não me conseguiu convencer, achando tudo muito forçado. Desta vez vou dar a liberdade de começar de novo, uma vez que esta nova aposta parece ser diferente do que foi feito anteriormente. Será que é mesmo diferente e consegue ter uma maior dinâmica e uma piada mais formatada sem roçar o ridículo para cumprir contrato?

18
Set15

«Isso é Tudo Muito Bonito, Mas» não é informação

O Informador

Os Gato Fedorento voltaram ao ecrã, desta vez em trio e na TVI com o formato Isso é Tudo Muito Bonito, Mas, encaixados dentro do Jornal das 8 como um acrescento informativo. A questão é... Embora se esteja a debater a campanha eleitoral e todo o mundo político, esta aposta não deveria estar rotulada de entretenimento?

Primeiro não percebo a necessidade de encaixarem, tal como já tinha acontecido anteriormente somente com Ricardo Araújo Pereira, o programa no interior do noticiário. Podendo ser exibido após o informativo que terminaria mais cedo, não existindo depois os embaraços das passagens em que após um momento cómico o pivô está sério e a dar uma notícia também ela séria, qual é o verdadeiro motivo desta união sem nexo?

Depois, qual a razão de apostar em Isso é Tudo Muito Bonito, Mas como uma grande aposta da área informativa quando nenhum dos intervenientes é jornalista assumido, fazendo-se piadas e criando situações caricatas para brincar e gozar com toda a situação política do momento. A Informação não quer ser vista com alguma seriedade?

06
Mar15

Não aprecio a Porta dos Fundos!

O Informador

Quatro episódios depois da estreia na FOX nacional, contínuo a não achar a mínima piada à série Porta dos Fundos! Passo todo um episódio sem conseguir expressar um sorriso ou simplesmente achar graça a algum dos skteches do Youtube que foram transportados para o mundo televisivo. 

Não terei o humor capaz de absorver este estilo de produto? É que não encontro outra justificação para ouvir tantos a comentarem o excelente formato sobre o qual não consigo perceber tamanho sucesso!

15
Fev15

Os Gato Fedorento morreram de vez!

O Informador

E ao que parece foi desta que o quarteto dos Gato Fedorento terminou de vez com as suas aparições públicas! Tendo sido criado num blogue em 2003, tendo saltado depois para um programa de humor na SIC Radical, passando posteriormente pelo canal generalista de Carnaxide e pela RTP, os quatro felinos terminaram com os seus programas televisivos. No entanto continuaram juntos através das campanhas publicitárias do MEO que começaram em 2006, o que agora terminou!

Em declarações da empresa, sabe-se que somente Ricardo Araújo Pereira continuará como rosto da empresa de comunicações, tendo José Diogo Quintela, Miguel Góis e Tiago Dores sido dispensados do projeto. Pelo que foi comunicado nas «peças em que o ator [Ricardo] aparece a solo, os níeis de eficácia e notoriedade para a marca mostraram ser uma aposta correta», tendo sido essa a razão que levou os restantes nomes a não verem o seu acordo com a empresa renovado. 

15
Jul14

O futuro do Ricardo Fedorento

O Informador

Ricardo Araújo Pereira foi a contratação de luxo que a TVI fez pela Primavera para que ao longo de três meses o humorista tivesse no ar um programa diário de cinco minutos, Melhor do que Falecer. Pouco tempo depois da estreia do formato, que era transmitido após o Jornal das 8, a direcção do canal percebeu que o mesmo não estava a resultar e inseriu o humorista no final do informativo com a Crónica do Mundial de Ricardo Araújo Pereira. Ontem o espaço chegou ao fim e coloco aqui a questão... O que se seguirá?

Parece que com o final da crónica, o espaço do Gato Fedorento na antena do canal também chegou ao fim, no entanto José Alberto Carvalho na despedida do informativo deixou no ar que este seria um adeus por pouco tempo. Pergunto então... Será que Araújo Pereira vai passar a fazer parte dos comentadores semanais da informação do canal? Há umas semanas, quando comentei esta aposta no humor dentro das notícias, afirmei que a aposta no Ricardo num espaço de comentário semanal seria a melhor opção por o humorista saber bem escolher as palavras como comentador e ser uma das pessoas que melhor sabe falar de política e do estado do país sem enveredar por tais caminhos. Por isso qual a razão da direcção do canal não querer continuar a contar com as prestações do fedorento nos seus noticiários?

Eu apostava numa crónica mais alargada, talvez pela sexta-feira, ao jeito dos comentários do professor Marcelo Rebelo de Sousa, mas com o toque bem característico de Ricardo Araújo Pereira. A aposta seria certeira e garantia assim a estadia do rosto do Meo pelo canal, porque quer se queira quer não, ele é uma estrela que consegue fazer-se ouvir por muitos!

Agora um pormenor que quero destacar... A imprensa fala de tudo e mais alguma coisa, no entanto agora que a Crónica do Mundial e consequentemente o Melhor do que Falecer chegaram ao fim, conseguiram cometer o erro de não tentarem saber em primeira mão por onde passará o futuro televisivo do fedorento Ricardo! Sei que pelos próximos dias já o irão fazer, mas queria saber agora e tal não é possível porque estão demasiadamente ocupados em busca de crimes, finais de namoro e com a família Espírito Santo!

13
Jun14

Araújo Pereira no Jornal das 8

O Informador

Quando o mini programa diário Melhor do que Falecer estreou no serão da TVI aplaudi tal aposta por ser algo diferente e com um humor longe das piadas fáceis que andam por aí, agora que o insucesso do formato já estava à vista de todos, a direcção do canal resolveu tirá-lo do ar e colocar Ricardo Araújo Pereira num espaço de pouco mais de cinco minutos dentro do seu principal serviço informativo como comentador humorístico. Sim, não gostei!

Mas que treta de ideia foi esta agora de colocarem o Ricardo a comentar as notícias de Portugal e do Mundo, disfarçando com o tema do Mundial, dentro do Jornal das 8? Uma coisa seria se o ex-Gato Fedorento tivesse um espaço de comentário sério para analisar as notícias do país e não só, tal como tantos comentadores, outra é perceber que existe gozo dentro das suas pérolas comentadas.

O que está a ser feito no final do informativo é dar espaço ao Ricardo para comentar de forma irónica o que tem acontecido nas últimas horas, não existindo seriedade no que é feito, ficando ainda por cima mal tal espaço dentro de um programa que ser quer rigoroso e isento de qualquer tipo de piadas. 

Queriam mudar o programa Melhor do que Falecer devido aos seus maus valores, mudavam ou então criavam outro formato por terem de aguentar o seu protagonista até ao final do contrato assinado de três meses, no entanto não o colocavam dentro do Jornal das 8 como comentador ridículo e ainda por cima com o seu grupo de atores a continuar a intervir.

A separação das águas estava bem feita e seria necessário mudar a forma como o programa ia para o ar, não tendo que incluir o mesmo dentro do espaço onde as pessoas procuram informação verdadeira e real.

Não gostei da mudança, no entanto espero que depois deste devaneio da direcção da TVI que consigam ficar com o Ricardo para comentador semanal num estilo mais uniforme e conveniente informativamente.

banner mrec exames nacionais e provas de aferição

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens

Comentários recentes

Pesquisar

Atual Leitura
Top mais vendidos Wook