Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

03
Jul15

Fim de cartão

O Informador

Anda uma pessoa a criar um cartão de pontos da Galp para de um momento para o outro num posto de combustível perceber que a relíquia dos prémios vai terminar e é necessário trocar a acumulação por algo em poucas semanas.

Isto não é fácil de digerir! Ando desde que tenho carta de condução a acumular pontos e mais pontos para depois ser avisado numa caixa de bomba de combustível que o cartão já não é válido e que terei até ao final de Agosto para me desfazer dos pontos até então adquiridos.

13
Abr14

Cartões e Gasolineiras

O Informador

CartõesEsta semana chegou, via CTT, um novo cartão intitulado de Galp Mais Por Menos, sendo um produto que resulta da associação da gasolineira Galp com o Cartão Jovem. Com este cartão tenho 6 cêntimos de desconto por litro de combustível e também outros descontos nos postos de abastecimento e não só. Não pedi que me enviassem nada disto, mas sempre é uma mais valia na hora de poupar. A questão que aqui coloco é...

Agora cada vez que for abastecer o meu carro a um posto Galp tenho que dar não um, não dois, não três, mas sim quatro cartões de desconto, pontos e pagamento? Se até agora já andava a demorar talvez dois minutos para fazer o pagamento só porque tinham de passar três cartões - Galp, Continente e Multibanco -, agora com esta novidade que acabou de me chegar às mãos são quatro a passar pelo sistema dos pobres empregados que não devem ter mais nada para fazer a não ser andar a passar cartões aos seus clientes uns atrás dos outros.

Já agora, será que mais alguma identidade se irá associar à grande marca de combustíveis para poderem oferecer novos cartões com descontos e acumulação de pontos aos seus clientes?! Que tal englobar tudo no mesmo local, não?!

23
Jul13

Roubo da Oferta da Maxim

O Informador

Comprei a Maxim, aquela que tem a Marisa Cruz como estrela de capa, e já tinha visto na página de Facebook da revista que esta trazia um oferta consigo. Quando a retirei da prateleira do posto Galp e a levei até ao balcão para fazer o pagamento não me lembrei da informação que tinha adquirido. Cheguei a casa e lembrei-me... Então onde anda a minha oferta da Maxim? Pois, não anda!

Já não é a primeira vez que reparo que nos postos de abastecimento costumam retirar as ofertas das revistas e depois quando nos dirigimos ao balcão e fazemos o pagamento, se não pedirmos fazem-se de esquecidos e não nos dão nada.

É certo que na capa da publicação e no seu interior não falam, neste caso, da bebida que oferecem este mês com a revista, mas em todos os lados que tenho visto a mesma edição à venda, lá está a nova bebida que acaba de chegar ao mercado e eu nem tive direito a fazer a sua prova.

Acho que é uma falta de respeito que retirem os presentes que as direcções mandam colocar com os seus trabalhos e depois ficam com essas ofertas para os seus funcionários ou enviam-os para trás sem os darem aos clientes como é pretendido.

Sinto-me roubado, não pela Maxim, mas sim pela Galp, que além dos preços do combustível ainda nos fica com as ofertas das revistas!

22
Dez12

Carro não gosta de combustível barato

O Informador

Devido à crise que anda por aí tenho colocado à largos meses gasolina nos postos de combustível dos supermercados, poupando assim uns euros, mas agora tenho reparado que o meu carro não anda a gostar de tal abastecimento.

Nos últimos dias tenho reparado que o que é dito acerca dos combustíveis das marcas brancas acontece mesmo. O meu carro tem andado com soluços quando lhe coloco gasolina numa bomba de combustível mais barata. 

Sempre me disseram para não ir àquelas bombas e que valia mais pagar mais e não estragar o carro e agora é que começo a ver que tal é mesmo verdade. Poupa-se na conta bancária quando se abastece, mas gasta-se a longo prazo se for necessário depois arranjar algo provocado pela gasolina meio falsificada.

A partir de agora vou começar a só deixar o meu automóvel com gasolina das marcas oficiais para ver se a coisa volta ao normal e deixo de ter algum receio com os soluços que tenho sentido quando começo uma viagem.

Poupar com as marcas brancas de combustível parece não ser a melhor solução para andar em segurança nas estradas nacionais.

Oferta de Livro - MREC

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens

Comentários recentes

  • Cláudia C Silva

    Sinceramente nem estive atenta a isso, o que é que...

  • O Informador

    O alarido foi feito de início, mas depois foi visí...

  • Cláudia C Silva

    Por acaso pensei mesmo que com tanto alarido ele i...

  • O Informador

    Sim, cada um ficará com a sua ideia sobre todos es...

  • Sarin

    Como lhe disse antes, observei tal dispositivo dua...

Pesquisar

Atual Leitura
Top mais vendidos Wook