Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

19
Dez18

Mais vistos em 2018

O Informador

A equipa do Sapo Blogs já nos enviou o Relatório Anual de cada blog correspondente a 2018, embora ainda faltem uns dias para terminar o ano. Com isto e porque acho que todos vocês, que passam por aqui diariamente ou de quando em vez, merecem e podem saber um pouco mais sobre alguns dados disponibilizados pelas estatísticas, deixo-vos assim as publicações mais visitadas no blog ao longo dos últimos doze meses. 

  1. Fita de finalista da afilhada
  2. Fita de finalista para o primo
  3. As fitas de finalistas...
  4. Quem Me Dera | Mariza
  5. Costa leva novo chá de Marcelo
  6. Finalmente existe ação na Antiga Feira Popular
  7. Dor de cabeça com falta de café
  8. Atual leitura... Nada Menos Que Tudo [Afonso Noite-Luar]
  9. Secret Story 7 | A Estreia
  10. 10 alimentos consumíveis fora de prazo
23
Abr17

As fitas de finalistas...

O Informador

Por esta altura do ano, finais de Abril e início de Maio noto uma certa afluência ao blog por um motivo especial. As dedicatórias para as fitas de finalistas.

Na verdade há uns anos postei de forma pública duas dedicatórias que fiz pelas fitas da minha Afilhada, quando saltou da pré para a primária e na de um Primo de faculdade. Desde ai que por estas semanas as visitas a esses dois textos sobem e os mesmos tornam-se constantes entre as publicações mais vistas de cada dia. 

11
Jun14

Fita de finalista da afilhada

O Informador

fita finalista.jpg

O tempo muda e sentimos-nos velhos com tais alterações! Enquanto no meu tempo de estudante, as fitas de finalistas eram tradição exclusiva do ensino superior, agora, que tenho 27 anos, cada etapa escolar que os jovens ultrapassam, é motivo de celebração como se tudo terminasse num grande evento como a queima das fitas.

Desta vez chegou a altura de escrever a fita de finalista da minha pequena afilhada que termina este ano a pré-primária, estando o primeiro ano já à sua espera a partir de Setembro! Se as fitas do ensino superior já são complicadas de escrever por envolverem sentimentos, amizades, familiares, escrever a pensar que é uma criança que irá tentar ler o que o seu padrinho lhe tentou comunicar é mais complicado!

Resolvi escrever a carta para a Matilde a pensar que ela vai ouvir a mesma ser lida agora, mas que daqui a uns anos vai poder ser ela própria a pegar na sua pasta e ler o que todos lhe escrevemos, optando por não fazer um texto tão acriançado como primeiramente pensei, e fazendo algo a pensar no amanhã. 

banner mrec exames nacionais e provas de aferição

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens

Comentários recentes

Pesquisar

Atual Leitura
Top mais vendidos Wook