Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

wook-natal-billboard

À Primeira Vista | Danielle Steel

30
Mar19

à primeira vista.jpg

Título: À Primeira Vista

Título Original: First Sight

Autor: Danielle Steel

Editora: Bertrand Editora

Edição: 1ª Edição

Lançamento: Fevereiro de 2019

Páginas: 384

ISBN: 978-972-25-3584-7

Classificação: 3 em 5

 

Sinopse: Nova Iorque. Londres. Milão. Paris. Fashion Week nas quatro cidades. Um mês de entrevistas intermináveis, festas, trabalho incansável e atenção aos detalhes nos desfiles de moda semestrais. No centro da tempestade e da avalanche de trabalho está a americana Timmie O'Neill, cuja renomada marca, Timmie O, é a personificação do casual chic. Ela criou um negócio que a inspira e ocupa toda a sua vida.

Apesar do êxito profissional, Timmie O’Neill vive marcada pelo passado. Até que um intrigante francês, Jean-Charles Vernier, entra na sua vida quando ela adoece na Semana da Moda de Paris. 

De início, Timmie e Jean-Charles Vernier têm apenas uma relação normal de paciente e médico. Com o tempo, tornam-se confidentes e amigos e, quando Timmie regressa a casa, mantêm-se em contacto a uma distância segura entre Paris e Los Angeles. Há uma boa razão para se manterem separados, mas nenhum consegue negar a amizade crescente e a atração que sentem quando se encontram.

À imagem e semelhança da própria vida moderna, é uma história complexa e atraente. Carreiras, famílias, histórias, perdas, dever, obrigação e medo de perder o controlo. São dois mundos muito diferentes, duas pessoas de personalidade forte que se cruzam e que podem mudar tudo de um momento para o outro. Serão suficientemente corajosos para enfrentarem o que vem a seguir? E farão isso, juntos ou separados?

 

Opinião: Danielle Steel é a minha autora de destaque no romance e ainda mais quando preciso de um bom livro para descansar após uma leitura mais pesada. Recentemente publicado em Portugal, conheci À Primeira Vista, um romance onde o suspense e o interesse vão incentivando o leitor a avançar para saber como tudo irá terminar após os vários percalços que as personagens criadas pela autora vão tendo pela frente. 

As premissas das narrativas parecem ser muito mais do mesmo, mas enganasse quem segue essa linha de pensamento porque em cada obra a história é alterada e Steel tem sempre a capacidade de surpreender ao longo do que vai sendo contado numa forma de contar, baralhar e voltar a avançar com a narrativa para manter o suspense praticamente até ao final com pontos que podem não ser fortes mas que cativam a quem gosta de boas histórias de amor relatadas como grandes peripécias familiares.