Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

maria-duenas-billboard

Oferta de Tempo

24
Mai19

«Eu sei que o tempo que não para, o tempo é coisa rara e a gente só repara quando ele já passou», esta é parte da letra que Miguel Gameiro escreveu para ser interpretada por Mariza. E a verdade é que o tempo é mesmo coisa rara que deve ser aproveitado em todos os momentos e com os sentidos no máximo.

No dia-a-dia da nova forma de estar na vida, tempo é preciosidade, vontade e ambição. Quem não pede para tudo acontecer sem pressa ou com uma pitada de verdade por perto? Oferecer tempo, dedicação e boa vontade a quem nos é querido é uma grande preciosidade. O tempo não estanca, não recua e não consegue ser substituído, sendo necessário dar valor a cada segundo que nos é dado para retribuir o que de bom esta vida contém. 

A necessidade é de agradecer a quem nos rodeia, quem nos dedica a sua atenção sem pedir nada em troca e nos mostra como é de bem com tudo que se está nas melhores condições para seguir em frente, vencer e sonhar, podendo estar sempre presente como o melhor estado de gratidão que pode ser oferecido. 

Vamos Fugir | Djodje x Cuca Roseta

10
Out18

Djodje x Cuca Roseta.jpg

Pára tudo! Acabei de descobrir um novo tema que mistura Kizomba com Fado e se existem casos em que não gostei do que foi apresentado, este Vamos Fugir merece o meu aval positivo. 

Djodje convidou Cuca Roseta para que juntos, tal como tem acontecido com outros artistas, fundissem estilos musicais e unissem assim gostos e públicos. Esta kizomba com toques lusitanos funciona na perfeição num tema forte e com alma. Existem por aí muitas músicas, mesmo em termos de fado, que pouco nos tocam, mas este Vamos Fugir tem força, fica no ouvido e ainda conseguiu juntar duas vozes que se completam e ficam perfeitas quando cantam ao mesmo tempo.

 

Quem Me Dera | Mariza

05
Mai18

O novo tema de Mariza, Quem Me Dera, é daquelas músicas que ao primeiro impacto causa estranheza e parece nem fazer sentido pela forma como é cantada, num género quase falado numa forma corrida em certos momentos. No entanto ao ouvir várias vezes este single do novo álbum da fadista toca. 

Com letra e música de Matias Damásio, esta é uma junção que nos leva a refletir sobre os sonhos e esperanças para com a vida e perante o Amor, seja ele vivido de diferentes formas consoante o sentimento assim o exige e o alcance o permita. 

Portugal dos três F's

14
Mai17

fado fátima futebol.jpg

Portugal, o país que muitos apelidam por ser conhecido pelos três F's, graças a palavras de António Oliveira Salazar, ontem 13 de Maio de 2017, conseguiu praticamente fazer o pleno e ter duma só fez Fado, Fátima e Futebol... Se não fosse o Salvador Sobral a fugir do Fado no Eurovision poderíamos mesmo dizer que tivemos os F's representados de forma vencedora e duma só vez. 

Iniciamos o dia com as comemorações de Fátima, com o Papa Francisco a santificar os pastorinhos Francisco e Jacinta Marto que se tornaram os mais jovens Santos da igreja, celebrando ao mesmo tempo o Centenário das Aparições de Fátima. Passamos para a vitória do Benfica no Campeonato Nacional a uma jornada do final com direito a festejos pelo Marquês de Pombal e por vários locais do país e terminamos o dia com a representação portuguesa no Festival da Eurovisão a arrecadar o troféu, pela primeira vez. Salvador Sobral chegou, cantou, conquistou e venceu pela primeira vez o Eurovision e encheu Portugal de orgulho num dia onde tudo aconteceu!

Vencedores de Amália - O Musical de Filipe La Féria [13-05-2017]

11
Mai17

amália 2017.jpg

Após seis anos de sucesso, o musical Amália está de regresso aos palcos pela mão de Filipe La Féria no Teatro Politeama. Com Alexandra à frente de um elenco competente entre estreantes e rostos que já haviam passado pela primeira e longa temporada do espetáculo, este musical regressou para continuar o sucesso de outros tempos e a prova são as sessões esgotadas que continua a ter, uns meses já após a estreia desta nova versão de Amália. 

Vi, gostei e recomendei e tenho agora a oportunidade de oferecer convites duplos aos leitores do blog. Nesta primeira oportunidade estiveram cinco convites duplos em sorteio para a sessão das 17h00 do próximo Sábado a serem sorteados e é chegado o momento de revelar os vencedores que serão contactados via email também. Sara Tanqueiro, Graziela Costa, Joana Afonso, José Lopes e Dora Bárbara foram os selecionados através do sistema random.org e são assim os eleitos para assistirem a esta sessão. 

Bilhetes para Amália - O Musical de Filipe La Féria [13-05-2017]

08
Mai17

amália.jpg

2000 assinalou a estreia do musical Amália, encenado e produzido por Filipe La Féria para o Teatro Politeama. Após sessões e sessões de sucesso e de sala cheia ao longo de seis anos, o grande espetáculo terminou para dar lugar a outras produções. Agora, em 2017 e com um elenco com rostos da anterior e brilhante temporada desta aposta de La Féria e com vários atores e cantores novatos no trabalho, eis que Amália - O Musical de Filipe La Féria está de regresso e a (re)conquistar o público que dia após dia continua a esgotar a assistência da sala lisboeta.

Com Alexandra, Anabela, Liana, Carlos Quintas, Tiago Diogo à frente de um elenco com mais de cinquenta fadistas, atores, músicos e bailarinos, Amália está excelentemente surpreendido, obedencedo e dando continuidade ao sucesso de outrora. Como vi, gostei e recomedei, agora quero que todos vocês possam ter a oportunidade de assistir a este espetáculo que continua e continuará pelos próximos tempos em cena de Quarta-feira a Sábado pelas 21h30 e aos Sábados e Domingos às 17h00.

Como podes ganhar um dos cinco convites duplos para a sessão das 17h00, do próximo Sábado, dia 13 de Maio? Ora lê o que se segue!

“Amália - o Musical” de Filipe La Féria, foi uma das últimas vontades de Amália Rodrigues que em 1998 manifestou-me o desejo de ver a sua vida num grande musical. Em 1999 o musical subiu a cena no Casino do Funchal tornando-se no maior sucesso de sempre a nível nacional e internacional do espectáculo em Portugal que, só em Paris teve cinquenta mil espectadores na sua apresentação no Zenith, percorrendo todas as capitais francesas e suíças e ultrapassando todos os recordes de audiências.“Amália – o Musical” é um espectáculo transversal a todo o público que obteve todos os prémios de melhor espectáculo nacional e a aclamação unânime da crítica internacional.Esta nova versão terá a participação de todo o elenco original que reúne os mais significativos nomes do Fado e do Teatro Português como Alexandra, Anabela, Liana, Carlos Quintas, Tiago Diogo à frente de um elenco de mais de 50 fadistas, actores, bailarinos e músicos.

Amália - O Musical de Filipe La Féria

18
Fev17

amália 1.JPG

Filipe La Féria criou e em 2000 estreou o seu maior sucesso em musicais. Amália - O Musical de Filipe La Féria, inspirado na vida de Amália Rodrigues chegou e logo conquistou o público para que a sua primeira e longa temporada durasse mais de três anos com a passagem pelas mil representações no Teatro Politeama e com uma tournée nacional onde o Porto recebeu este musical tão aplaudido. Agora, quase quinze anos depois da última sessão, eis que o regresso aos palcos acontece e o sucesso volta a espreitar esta produção do produtor que tem lutado pelo teatro em Portugal.

Com Alexandra de novo à frente de um elenco onde constam nomes como o de Anabela, Carlos Quintas, Hugo Rendas, Patrícia Resende e Tiago Diogo, o espetáculo Amália, cujo não vi da primeira vez, marca assim o seu regresso com uma estreia auspiciosa, levando a assistência para o mundo da fadista que levou o nosso país além fronteiras. A criança que foi, excelentemente interpretada, a jovem e a grande e soberba diva do fado com que caminhou até à morte fizeram de Amália Rodrigues um ícone. Uma criança que cantarolou pelas ruas de Lisboa e que desde cedo, mesmo contra a vontade familiar, foi conquistado quem a ouvia para que se iniciasse nos palcos, aqueles palcos que a levaram ao estrelato onde Paris, Rio de Janeiro e o Japão estiveram na sua agenda de espetáculos ao longo de uma vida onde os amores não foram esquecidos mesmo em tempo de revolução política. 

Em Amália - O Musical de Filipe La Féria toda a vida de Amália é recontada de forma cativante, emotiva e festiva onde o Fado toma lugar entre textos e guitarradas que puxam pelo público para que não sinta que esta produção não é mais uma, é a melhor da autoria de La Féria, aquela que fez sucesso e que agora voltou com um elenco renovado mas com estrelas de outrora a interpretar os mesmos ou outros papéis porque o tempo passa mas a marca deixada entre nós de Amália jamais ficará esquecida. 

Filipe La Féria está de novo de Parabéns por voltar a apostar num sucesso que tanto público recebeu e que está disposto a voltar para recordar. Com duas pequenas atrizes a darem os primeiros passos e com garra para o Fado, com uma Anabela adorada pelo espetadores do Politeama e com Alexandra que por muito que se vá, como eu ia, com a ideia que iria ver mais do mesmo, fiquei deveras surpreendido com a estrela maior que enquanto Amália na fase mais velha encanta logo de início ao lado da pequena Amália que conquistou desde logo pela sua simplicidade em palco.