Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

wook-natal-billboard

Não é esquecimento...

03
Out18

iPhone X.jpg

Existem situações que podem acontecer por mero descuido. Existem outras que não são um simples descuido, sendo mesmo a crença que permanece em como tudo vai correr da melhor maneira.

Imaginemos uma reunião com mais de trinta pessoas, onde poucos se conhecem. O que deverá ser um dos primeiros procedimentos a ter antes de entrar na sala? Desligar o som do telemóvel! O que acontece já durante os esclarecimentos? Um telemóvel toca, mas não fica sozinho!

Entramos na sala e alguém se esqueceu de colocar o telemóvel no silêncio. Desculpável, o aparelho toca e é colocado nesse momento sem som. Quem está responsável pelo grupo pede para se verificar quem não tem o seu telemóvel no silêncio para o colocar. O que acontece uns minutos depois a alguém que por acaso, mas só mesmo por acaso, até verificou se estava tudo bem com o seu amigo tecnológico? O toque! Olhou para o ecrã no momento do pedido após a primeira interrupção para quê? É que não foi certamente para verificar o som, sendo mais para fazer que tinha visto o que afinal não viu. 

Curtas e Diretas #16

31
Ago16

Então não é que fui ao supermercado de propósito para comprar garrafas de água para amanhã levar para o trabalho e trouxe tudo o que não fazia falta menos a água? Nem passei sequer no corredor dos líquidos e se quando entrei pensei que não me podia mesmo esquecer da água, quando cheguei a casa é que percebi que afinal a ida ao supermercado não valeu de muito! 

Para os mais curiosos... Ao contrário da maioria das empresas, a minha não fornece água aos trabalhadores e clientes! Tudo levado de casa ou pago no local através de uma máquina de bebidas!

Mão ou tecnologia

20
Jul15

Ano após ano as tecnologias vão ganhando o seu espaço junto de todos nós e as velhas formas vão ficando para trás. Por vezes dou por mim a pensar como se escreve à mão a palavra x ou y quando no teclado de um computador ou no ecrã do telemóvel a mesma palavra sai automaticamente sem ter de pensar se uso o c ou o ç, se fica com nha ou lha.

São coisas básicas mas o que é certo é que a tecnologia está a dar cabo da escrita tradicional que começa a ficar enferrujada com o tempo por escrevermos cada vez menos numa simples folha de papel em detrimento de deixarmos recados virtuais ou passarmos as antigas cartas pelo sistema de email ou sms. 

O que a tecnologia está a fazer pela escrita à moda antiga? Muita coisa má e que vai ficando para trás no esquecimento!