Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

08
Fev19

Oferece livros no Dia dos Namorados

O Informador

dia-dos-namorados-2019-billboardO Dia dos Namorados está a chegar e além dos perfumes, flores e dos mimos oferecidos à cara metade, uma boa sugestão de presente são os livros. Para incentivar os apaixonados a oferecerem literatura neste dia especial para os apaixonados, a Wook lançou uma promoção de 50% de desconto - 40% de forma imediata e 10% em cartão wookmais - para todas as encomendas registadas de 06 a 17 de Fevereiro de 2019, em todos os livros assinalados para esta campanha promocional. 

Com o intuito do Romance e Paixão, este especial da Wook Dia dos Namorados tem ainda a oferta dos portes de envio para Portugal Continental em encomendas de valor igual ou superior a 15€. Para compras de valor inferior a 15€ o valor dos portes será devolvido em cartão Wookmais, sendo que as entregas nos Açores e Madeira serão realizadas através do serviço CTT Expresso Clássico e só são válidas até aos 10kg.

11
Fev17

Escolhas certas para o Amor

O Informador

O Dia dos Namorados está ai e as sugestões são mais que muitas! Para nós não existe ideia sobre o que oferecer à cara metade, no entanto para ajudar os outros na hora da escolha existem planos para todos os gostos!

Um jantar a dois, uma noite passada num local romântico, acordar com o mar como pano de fundo e a chuva a bater na janela e sem ideias de levantar da cama são sugestões práticas para quem tenha um pouco mais de tempo disponível, já que este ano o 14 de Fevereiro calha num dia de semana sem direito a estratégias de ponto no dia anterior ou seguinte. 

No que toca a ofertas físicas - sim as outras também o podem e devem ser -, por ai podemos partir de relógios a acessórios de moda, das carteiras às malas, de jogos a livros, do som ao cinema e das luzes às novas tecnologias. O que escolher na hora h, aquela em que o centro comercial nos espera para presentear o amor no dia onde os corações andarão mais palpitantes que o habitual?!

14
Fev16

Amor na viuvez

O Informador

Anos e anos de amor correspondido e depois quando um parte como é vivida a solidão que tem de seguir de mãos dadas com quem enfrenta a dor do luto?!

Neste Dia dos Namorados também é bom pensar nos que ficaram sozinhos pelos últimos tempos pela perda física do seu companheiro de vida, aquele com quem foi criada uma família recheada de bons e maus momentos de união e onde o amor existe. Como ultrapassar uma fase conturbada após anos de felicidade e reaprender a celebrar com um testemunho diferente os dias que supostamente foram de alegria ao longo de algum tempo?

Vivemos e festejamos por tudo e mais alguma coisa, esquecendo de quem perde ao longo da vida a sua metade, o elo perfeito para uma vida também ela perfeita de conjugação de dois seres que se completam e que seguem de mãos dadas com um amor correspondido e interrompido pelas causas da vida. 

Muitos não ligam a dias marcados para lançar os foguetes e celebrarem o amor, por exemplo, mas como ficarão os que sempre ficaram de mãos dadas neste dia célebre do amor? Acredito que a tristeza cause mossa, peso e traga consigo aquele verdadeiro sentimento de solidão que os apaixonados com a sorte do seu lado não conseguem entender. Os verdadeiros crentes continuam a celebrar o amor eterno com o seu companheiro que entretanto possa partir, mas nada é como antes. Uns tempos de luto, a vontade de reagir é pouca ou nenhuma mas a fé que a volta irá ser dada acontece e por vezes quando menos se espera. 

Acredito que sempre, em qualquer idade, existe espaço e tempo para dar a volta à situação, reencontrando o amor. Sabe-se que quem ama e fica sozinho não pensa de imediato em voltar a encontrar a paixão, mas o que é certo é que nos assuntos do coração a surpresa por vezes também faz das suas, existindo sempre a hipótese de voltar a encontrar a companhia perfeita que irá encher de calor um ser outrora em comunhão com a tristeza e pessimismo. Não digo que um grande amor de uma vida que entretanto foi interrompida seja esquecido, nada disso, mas que pode ficar acompanhado por outro amor, vivido de outra forma, isso é possível, basta ter vontade de seguir em frente e pensar na felicidade que pode espreitar ao virar da esquina, sem medos e pensamentos sobre seguir ou não em frente quando a vontade existe.

14
Fev15

Amor num dia especial

O Informador

dia dos namorados.jpg

14 de Fevereiro, o apelidado de Dia dos Namorados! Será que as coisas têm sempre de ter um dia específico para serem festejadas? O amor não poderá ser celebrado sempre da mesma forma sem esperar por aquele dia para tornar as situações numa maior força de afectos?

Não vejo e não penso no 14 de Fevereiro como um dia fora do comum, gosto de o celebrar, sim, talvez por sentir aquele empurrão social, no entanto não faço tenções de o tornar diferente dos outros 365 dias anuais, aqueles onde por vezes tudo anda de costas voltadas para naquelas horas a meio de Fevereiro poderem organizar horários e celebrações como se não existisse amanhã!

Pessoal, hoje existem jantares a dois por todos os lados, pares pelos cinemas, ainda para mais com a febre de as 50 Sombras de Grey, e os hóteis devem estar atulhados com portas a bater e camas a abanar com os preços mais elevados que um fim-de-semana qualquer que esteja para chegar!

14
Fev13

Dia dos Namorados

O Informador

Mais um ano, mais um Dia dos Namorados está à porta. Tenho motivos para celebrar este dia, mas confesso, não é dos que costumo festejar com grande entusiasmo. Este é um dia normal para mim, em que estou com a pessoa que amo e não passa muito daí...

Não é que não ligue, mas quem namora faz isso todos os dias e de forma constante para que a chama da paixão não abrande, por isso não vejo qual a necessidade deste dia ser diferente dos outros. É certo que quem está numa nova relação ou quem está numa relação mais desgastada aproveite este dia para celebrar e mostrar que está tudo bem, mas quem está bem e confiante do que sente e tem não liga assim tanto ao Dia dos Namorados.

O 14 de Fevereiro é mais um dia praticamente normal, em que à noite estamos juntos para namorar, trocar algo celebrativo e pronto, está feito o dia. Não existe aquela grande necessidade de ir festejar este dia porque todos podem ser especiais e não é necessário o calendário ditar quando se deverá festejar o amor entre duas pessoas.

Enfim, todos os dias são bons para namorar e não apenas este que consideram ser o principal dia dos dias de quem está apaixonado. Dia dos Namorados é um dia normal, porque quem ama está todo o ano nesse estado de espírito e pode surpreender e mostrar o que sente sempre e não só quando está marcado na agenda.

banner mrec exames nacionais e provas de aferição

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens

Comentários recentes

Pesquisar

Atual Leitura
Top mais vendidos Wook