Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Desculpa qualquer coisinha!

  Ah e tal, "as desculpas não se pedem, evitam-se!", quem nunca ouviu esta expressão? Já a ouvi muitas vezes, antes mais que nos últimos anos, no entanto o certo é que por estes lados não sou um grande adepto dos pedidos de desculpa, embora já tenha aprendido um pouco a dar o braço a torcer com a passagem dos anos.  Sou Escorpião, e quem o for ou lidar com tal espécie que se acuse se conhecer estes comportamentos, e dizem que é um problema do signo o facto de ser difícil de (...)

Instantes

  Acordamos e preparamos para sair de casa, fechamos a porta e seguimos sem pensar que somos instantes, e que num instante somos nada. Saímos apressados já que os ponteiros do relógio não param e existem compromissos que não podem ser adiados. O «Até já!» fica suspenso, tal como tanto que deixamos por dizer e fazer porque a rotina não nos deixa desfrutar da companhia das pessoas que nos querem bem com tempo e dedicação. Tanto que fica para trás e a verdade no final de contas (...)

Viver um dia de cada vez

  Pensar, refletir, sentir, acreditar, tudo muito bonito desde sempre mas na prática podemos viver o presente e o futuro sem os sucessivos pontos de interrogação que se impõem perante os outros? Podemos no atual presente agir e revelar sem pensar em que ponto isso poderá afetar o próximo numa sociedade cada vez mais sensível em que uma simples palavra mal colocada pode gerar confrontos de ideias desnecessários porque faixas da população andam sedentas para danificarem a (...)

Primeira conjuntivite

  Acordas e tens uma dor leve no olhar que te desfoca através das lágrimas a visão. Lavas a cara e tentas perceber o que está a afetar a tua visão. Não encontras qualquer pestana, grão de pó ou impureza. Pensas que passado um pouco está tudo bem. As horas passam e a tua visão tendem a piorar, a comichão surge e não consegues entender o que se passa. Não podes colocar as tuas lentes de contacto para saíres de casa. Vais à porta da rua e percebes que o sol te afeta. Colocas (...)

Este Espaço é Teu! | Incapacidade de Agir

Como pudemos ajudar alguém que amamos tanto a ultrapassar um problema de saúde, quando não temos na nossa mão a solução para o problema, a não ser ouvir, estar presente e dar apoio, nestas alturas sentimos-nos tão impotentes. Anónimo, Mensagem deixada na caixa Este Espaço é Teu! Acredito que seja um verdadeiro sentimento (...)

Este Espaço é Teu! | Amor Homossexual

O amor não é para todos. A homossexualidade não é uma escolha. Não sei se não nasci para o amor ou se este não é para mim. Como poder dar-lhe a mão, caminhar lado a lado, ver as estrelas, partilhar um chocolate quente… E não falar de sexo durante 12 a 24h do dia? Como encontrar quem goste de mimar e ser mimado, de afetos e não dê prioridade ao sexo anal? Tal como dizem alguns gays assumidos "Tu não és gay!" Será? Mas é com ele que sonho banhar-me, abraçar, trocar (...)

Este Espaço é Teu! | Existem empregos de sonho?

Detesto a importância que o dinheiro tem na sociedade! É um sufoco quando é pouco e uma liberdade quando é muito. O dinheiro para mim representa a qualidade de vida que podemos ter. Adorava voltar a estudar, viajar, ter experiências e poder ajudar outras pessoas sem ter de pensar em como pagar as contas no final do mês. Diria até que se eu tivesse as minhas despesas básicas asseguradas e que desse para investir em algo que criasse mais riqueza, faria voluntariado todos os dias e (...)

Este espaço é Teu!

Que tal transformar, pelos próximos tempos, um pouco este blog num espaço em que vocês podem entrar de forma mais intensa? Através da caixa Este espaço é Teu! todos são convidados a deixarem de forma anónima o seu testemunho de uma situação menos boa, de um problema que vos anda a atormentar, os sonhos e as tristes (...)

Vida de Amizade

Os anos vão fazendo com que as pessoas se cruzem, conheçam e acabem por perceber que os afastamentos também acontecem, por algum motivo, várias vezes com explicação de pelo menos uma das partes, mas sempre com uma explicação.  Ao longo destes trinta anos de vida criei amizades de infância que com o crescimento fui deixando para trás em detrimento de novos conhecimentos que me fizeram sentir muito mais completo, dando-me essas novas amizades um círculo onde senti que seria (...)

Estranha mensagem

Recebi um email meio estranho há pouco e não consigo perceber as circunstâncias com que me chegou! Na verdade acredito que esta mensagem de uma blogger, que circula pela plataforma Sapo, tenha surgido devido ao texto que publiquei há alguns dias - Encontrar-me! (...)