Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

08
Set13

Os ricos das prestações

O Informador

Faz-me uma certa confusão ouvir as pessoas a gabarem-se do que têm em casa e do dinheiro que guardam nas suas contas bancárias ao longo do tempo e depois ver que essas mesmas pessoas compram coisas que para si são baratas com o recurso a prestações. Então, o que se passa?

Gabam-se que podem comprar isto e aquilo porque têm dinheiro que lhes garante estabilidade por uns bons anos e depois chegam ao pé dos outros com um relógio ou telemóvel novo e dizem que o estão a pagar em mensalidades de dez ou vinte euros. Algo não está bem contado nesta história, não? Quem é que com dinheiro para dar e vender paga um relógio de oitenta euros ao longo de vários meses? E um telemóvel para os filhos no valor de cento e poucos ficar em pagamento mensal de vinte euros, é normal?

É por estas e por outras que não acredito nas histórias das pessoas que se acham mais que os outros por afirmarem ter isto e aquilo... Vai-se a ver e não têm o que tanto apregoam aos sete ventos, sendo uns pés descalços com sonhos milionários. Tanto fogo de vista que até parece que querem tapar os olhos dos outros com areia!

16
Ago13

Frente-a-frente nulo com o computador

O Informador

Existem horas e horas em que dou por mim sentado na secretária, com o computador à frente e sem nada de importante ou que me entusiasme a acontecer pelo ecrã luminoso que me mostra imagens e palavras. Qual a estupidez que me passa pela cabeça para me deixar ficar pelo Facebook e por páginas de informação ou blogues sem procurar algo específico?

Se contasse todas as semanas o tempo perdido que deixo para trás só por estar a olhar para um ecrã em vão, conseguiria contabilizar talvez uma hora ou mais. É uma completa estupidez isto acontecer, mas o que é certo é que é a verdade! Passo demasiado tempo ao computador, tempo esse que nem sempre é bem aproveitado, sendo então tempos mortos ou nulos os que acabo por passar.

No entanto, não me sinto sozinho com esta baboseira porque sei que a muitas pessoas isto também acontece. Estão ali, a olhar sabe-se lá para onde, e quando se dão por isso já passaram uma ou duas horas e nada se fez ou aconteceu. Horas chatas de computador, é o que é!

09
Ago13

Donzelas de mini na mão

O Informador

Sagres MiniA sociedade desenvolve-se e os costumes acompanham tal evolução. No entanto, existem coisas que preferia não ter visto alteradas... Falo do hábito, cada vez mais recorrente, das raparigas beberem uma boa Sagres Mini e que me deixa transtornado porque olho para a garrafa e para as donzelas e penso que ambas não encaixam. Toda a sensualidade que uma mulher possa ter perde-se quando pega numa cerveja e a mete à boca!

Na minha mente, cerveja e mulheres não conjugam pelo simples facto de não poder existir feminilidade nas imagens que vejo quando uma mão pega numa garrafa e a leva à boca. Oh, porque razão isso tem mesmo de acontecer quando existem tantas outras bebidas mais delicadas que podem ser consumidas?

Beber do copo ainda aceito, agora quando se toma a fresquinha pelo próprio gargalo aquilo não calha nada bem e por mais feminina que a mulher seja, tudo me leva a ver imagens másculas e distorcidas.

Mulheres deste país, se querem beber minis peçam um copo e bebam-nas por aí, no entanto o melhor seria nem as consumirem e optarem por outras bebidas brancas. Que coisa feia!

05
Ago13

Flor

O Informador

FloresO tempo estava quente, o serão agradável e eu esperava! Ao esperar olhei em volta e apeteceu-me tirar umas fotografias em vão... Só que como existem coisas que não acontecem por acaso, apaixonei-me por estas flores e principalmente pela imagem que trouxe comigo das mesmas!

As flores tornam o mundo tão mais colorido e sem elas poderíamos passar por ruas cinzentas, sem cor e sentido, sem dor e amor... As flores dos canteiros, as flores dos bosques e as flores presas em laços de oferta! As flores, sempre as flores que se tornam uma boa solução de presente são as mesmas flores que podem crescer e alegrar o nosso passeio num dia menos bom e onde tudo nos parece morto.

Elas estão ali, quietas como se nada lhes pudesse acontecer para morrerem um dia, às mãos de alguém ou secas pelo tempo e pelas mudanças do mundo. As flores crescem, transformam-se em vida, dão alegrias e um dia também partem, fazendo companhia às nossas flores humanas que nos estão tão próximas durante anos e que um dia também desaparecessem da nossa presença. Flores de nascimento, flores de presente e flores de partida! As flores com os seus inúmeros e opostos simbolismos podem ser as mesmas, mas aos olhos de cada um transformam-se nas pérolas únicas que são.

Eu encontrei e espero poder encontrar e reencontrar as minhas flores ao longo da vida!

27
Jul13

A nova casa da minha bonsai

O Informador

BonsaiJá tenho a bonsai há quase um ano e agora chegou a altura de a mudar, já que ela não se mostrava muito feliz na sua pequena casa/vaso, como pode ser visto pelas poucas folhas e ramos que tem tido nos últimos tempos. 

Depois de ter estado durante todo este tempo no seu pequeno vaso rectangular com que foi comprada, mudou-se para este cilindro, não muito maior do que o outro, mas com um pouco mais de espaço, mesmo só um pouco, como é recomendado fazer quando se alteram os recipientes destas pequenas árvores de dois em dois anos.

A partir de agora e pelos próximos tempos a bonsai irá viver neste vaso e espero que a mudança só lhe faça bem porque não tenho gostado nada de a ver assim para o murcha nas últimas semanas, sendo que o cuidado que tenho tido consigo é o mesmo de sempre, só que algo se tem andado a passar, a julgar pela má cara que me tem mostrado.

24
Jul13

3,99€

O Informador

CamisolaOs saldos têm destas coisas e depois de ter comprado um pólo na Sacoor Brothers por 17,90€ e umas calças na Pepe Jeans por 39€, eis que me virei para algo mais barato e prático... Uma camisola da Pull & Bear por, imagine-se, 3,99€.

Eu nem queria acreditar que existia uma peça de tamanho M, o meu, deste modelo cinzento com riscas e cotoveleiras em rosa. Quando entrei na loja reparei logo que existiam várias peças a este baixíssimo preço e assim que vi a etiqueta com o meu tamanho no produto que mais tinha gostado entre a variedade, tirei logo a camisola, verifiquei se não tinha falhas e fui experimentar. Estava feito!

Em menos de dois minutos, entrei, escolhi, experimentei e paguei 3,99€ por uma peça que tinha marcado como preço inicial 19,99€.

Obrigado saldos no Campera Outlet Shopping!

21
Jul13

Luar do Bairro Alto

O Informador

Lua Bairro AltoUma noite bem passada na companhia dos amigos pode acontecer em qualquer lado, mas desde que descobri a magia das diferenças do Bairro Alto, em Lisboa, que não dispenso em por lá passar sempre que posso. Aquelas ruas de calçada são outra coisa quando de copo na mão se podem contar histórias e ver passar a banda da vida de todos nós. Neste dia, a lua estava mesmo por cima dos nossos pensamentos com o seu olhar mágico quando a noite estava ainda uma criança!

A dois ou em grupo, percorrer as ruas do Bairro Alto nos serões de fim-de-semana é diferente e não consigo explicar a diferença que aquele espaço lisboeta tem dos restantes porque a sua magia só pode ser adquirida através da presença e não com explicações que não conseguem mostrar a verdadeira identidade do local.

Quando por lá fui pela primeira vez, odiei, mas o tempo apresentou-me o outro lado daquele bairro tão conhecido pelas suas ruas que se enchem na noite para receberem os clientes habituais e as visitas, as que não são da capital e mesmo as internacionais. O Bairro Alto é o espaço ao ar livre da noite lisboeta mais conhecido além fronteiras e tudo isso tem um motivo, o seu multi ambiente com uma diversidade sem igual.

O luar do Bairro Alto neste serão conquistou-me e não o pude deixar fugir. Obrigado à lua e aos meus pequenos póneis por me fazerem companhia!

banner mrec exames nacionais e provas de aferição

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens

Comentários recentes

Pesquisar

Atual Leitura
Top mais vendidos Wook