Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

10
Abr20

Exercitar corpo e mente

corpo mente.jpg

 

A quarentena voluntária, por encerro temporário do local de trabalho, obrigou-me, e ainda bem porque só assim me sinto um pouco mais protegido, a ficar em casa. Fechado em família e a reaprender a ocupar os muitos tempos livres com o possível dentro de quatro paredes, aproveitei esta pausa forçada para regressar aos treinos diários que desde o primeiro dia mantenho rigorosamente e sem falhas. 

Comecei e ainda estou na fase dos andamentos. Todos os dias, geralmente entre as 09 e as 10 da manhã, já de pequeno-almoço tomado, saio de casa rigorosamente equipado, de telemóvel no bolso, auriculares nos ouvidos, óculos de sol na cara e disposição para enfrentar uma hora completa de andamento. Sigo a viagem sem paragens, para locais onde sei que não irei encontrar ninguém e mesmo que me cruze com alguma da pouca vizinhança que faça o seu passeio higiénico naquele horário é somente um «bom dia» e seguimos viagem por não existir tempo, espaço e proximidade para mais nos tempos que correm. Uma hora é o tempo que destinei desde o primeiro dia para os meus andamentos, onde vou juntando um pouco de corrida porque nada tem de ser forçado, sendo sim necessário ter calma também com o corpo que há alguns meses estava mais parado em termos de andamentos, exercícios e afins. 

Agora que comecei com este sistema regular para o bem estar físico, e uma vez que a intenção já vinha detrás mas a força de vontade faltava, espero que quando toda esta situação social voltar a normalizar, que consiga manter esta nova rotina, não no mesmo horário porque sei que nem sempre conseguirei ter tal possibilidade, mas pelo menos a intenção é deixar uma hora por dia para colocar o corpo a exercitar-se. Se agora não custa depois também não custará deixar uma hora do dia, de manhã ou tarde, para seguir viagem a pé porque estes andamentos não fazem simplesmente bem ao físico, sendo também um bom exercício para a mente. Costuma-se dizer que mente sã em corpo são e a realidade é essa mesmo!

 

24
Fev20

Relógio corporal

dormir.png

 

«Dormir faz bem e faz crescer», lá avança o ditado popular com longos anos. Voltei a dormir melhor nos últimos tempos e com um maior número de horas de descanso. Com isso constato agora que o corpo está tão habituado à rotina que com o aproximar das horas habituais do acordar, os sensores começam a ser ligados e a ficarem em alerta. 

Nem sempre me tenho de levantar pela mesma hora, por ter no trabalho horários rotativos e mesmo na folga posso ficar mais tempo a dormir, no entanto corpo e mente não entendem esse facto e todos os dias o momento de acordar é o mesmo. Com ou sem despertador o som começa a fazer-se sentir, os olhos abrem e percebo que em dias em que o telemóvel vai tocar para me acordar o consigo fazer instintivamente uns minutos antes. Nas folgas, sem horários a cumprir, aquela hora é sagrada e lá fico desperto como se tudo estivesse tão infiltrado numa rotina corporal que não consigo aguentar-me a dormir até mais tarde.

13
Nov17

Rita Pereira decotada nos MTVEma

rita pereira decote.jpg

Rita Pereira quando quer sabe dar nas vistas e mais uma vez a atriz voltou a marcar posição com o seu bem destacado decote pela passadeira vermelha dos MTV Europe Music Award (EMA), que se realizou em Londres.

A rosto da TVI escolheu um macacão preto com várias transparências, de costas abertas e um decote em V para se apresentar perante o convite feito pela MTV Portugal para ser uma das representantes nacionais a marcar presença na gala. A atriz mostrou a sua boa forma fisíca pela Arena Wembley e as redes sociais rapidamente começaram a ter Rita Pereira como um dos nomes de destaque graças ao decote apresentado pela estrela portuguesa que fez suspirar os internautas de todo o Mundo que não se fizeram rogados através de comentários de elogio à boa forma física da atriz. 

09
Ago15

Falta a coragem

Não existem imagens de pessoas convencidas dos seus atributos físicos em que dá verdadeira vontade de dizer «não, as tuas pernas são uma nódoa e tens uns joelhos horríveis»?

Sério, existem seres que não têm consciência da realidade ou então de tão melgas que são com tudo o que fazem e partilham pelas redes sociais acabam por cansar os outros que acham tudo o que surge de determinadas bandas ridículo!

19
Abr15

Apalpão!

E é assim! Não pode uma pessoa descuidar-se que lá aparece uma mão alheia para nos tocar no rabiosque sem qualquer aviso ou elaboração de cena!

No final de tudo ainda me dizem «isso não faz mal porque és um menino giro!». Ok está bem, sou um menino giro para andar a ser apalpado e sem conhecer as pessoas de lado nenhum. Que lindo serviço, sem dúvida alguma!

Primeiro não dei qualquer demonstração e à-vontade para a pessoa se aproximar sequer e depois porque assim do nada, de forma pública, estas coisas acontecerem torna a situação algo caricata com olhares em redor que acompanharam a cena com alguma curiosidade! Já não existem as normais de convivência social e o espaço pessoal por direito?

Já agora, a pessoa que me abordou de forma fisica estava acompanhada por familiares que não estavam presentes no momento e tudo parece ser normal para aquelas bandas! Enfim, ficou o toque, a vergonha da minha parte e talvez o contentamento de alguém, não sei! O que sei mesmo é que fiquei sem qualquer reacção!