Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

wook-natal-billboard

Promoções literárias

28
Nov13

Assim de um momento para o outro comecei a ver que várias livrarias começaram a fazer promoções nos seus sites dia sim, dia sim! Será que a indústria dos livros anda em baixo ou é o contrário a acontecer e com isto dá-se o fenómeno do aumento das vendas, fazendo com que os leitores se entusiasmem e no lugar de um comprem dois ou mais livros de uma só vez?!

É que desde o Verão que parece que todas as livrarias e locais que vendem livros online começaram a espoletar com promoções e ofertas por todos os lados. Existem as que oferecem 20%, 30%, 50% ou mesmo 70% de desconto numa vasta gama de livros, outras que oferecem a totalidade do valor da fatura para uma próxima compra, os que dão vales de oferta por uma compra para uma posterior e os livros que trazem outro como acompanhante sem valores acrescentados. Agora os livros estão mais caros porque o seu imposto aumentou a desfavor da cultura do país, mas os seus vendedores tornaram-se mais competitivos e oferecem por outros meios descontos para atraírem o público.

Como gosto de ler, não resisto a estas promoções e tenho que me controlar para não gastar dinheiro a mais. Hoje tento fazer o racionamento das compras literárias porque já percebi que as promoções e descontos não aparecem de longe a longe como antes, estando elas presentes agora praticamente todas as semanas pelos sites dos principais vendedores de livros do país.

Dupla encomenda literária

23
Out13

Livros5A Fnac voltou com as suas 48 Horas de promoções a 50% no seu site e como não podia deixar de ser eu aproveitei para encomendar dois livros que acabaram de chegar à minha caixa de correio, juntando-se assim à minha lista de espera para as próximas semanas!

Depois de Verão QuenteQuando Lisboa Tremeu me terem servido de boa companhia há uns meses, agora chegou a vez de me deixar levar por Já Ninguém Morre de Amor, um romance já lançado em Maio de 2008, da autoria de Domingos Amaral. A par disto a minha outra compra recaiu em Barroco Tropical, de José Eduardo Agualusa, isto depois de há pouco tempo o autor me ter transportado através de A Vida no Céu com sucesso.

A par dos meus dois livros ainda vieram A Um Deus Desconhecido de John Steinbeck e a Autobiografia Espiritual de Dalai Lama, mas estes não são para mim.

No total a fatura passou os 25€ e com isso ganhei um vale de desconto no valor de 5€ para usar nas próximas semanas numa compra online no portal da Fnac!

Já Ninguém Morre de Amor - 16,90€ → 8,45€

Barroco Tropical - 16,90€ → 8,45€

Fábrica Portuguesa - Vale de Desconto

05
Out13

Fábrica Portuguesa 3O Informador adquiriu há umas semanas uma tshirt da nacional Fábrica Portuguesa e a marca não só retribuiu e agradeceu o gesto de ter falado da mesma pelo blogue, como ainda sugeriu partilhar um vale de desconto para todos os meus leitores que queiram adquirir produtos bem nacionais e com os símbolos portugueses estampados. 

A partir de agora e até ao final do ano, quem quiser adquirir um dos vários produtos que a Fábrica Portuguesa já tem disponibilizados no seu catálogo online, com 20% de desconto, é só colocar na nota de encomenda o código ask30 e usufruirá de uma rebaixa do preço estabelecido.

Eu já tenho a minha primeira peça desta boa e nova marca e só tenho coisas boas a dizer, desde a ideia à qualidade, passando pelo tratamento que é dado aos clientes... Aconselho! E neste caso, aproveitem porque um vale com 20% de desconto em roupa não nos aparece à frente todos os dias!

Quero uma máquina de barbear

22
Set13

Até hoje tenho feito a barba com o recurso à lâmina, mais concretamente à Gillette Fusion Power, no entanto acho que chegou a altura de dizer basta e comprar de vez uma máquina de barbear boa e que preencha os requisitos pretendidos e que a minha sensível pele aceite. Está na hora de pensar em ir às compras eléctricas, ai está, está...

Ao longo de mais de dez anos tenho feito a barba com a lâmina, tendo no início sofrido um pouco porque as que usava não eram próprias e só me estragavam a pele com cortes e arranhões nos dias em que era necessário limpar a cara. Agora e porque estou cansado de fazer a barba com o recurso à lâmina, vou começar a procurar uma máquina para me ajudar a fazer este serviço e em menor tempo.

Lojas de produtos eléctricos preparem-se porque O Informador está a chegar para a compra fazer!

O Natal será mais triste este ano

15
Nov12

O Natal este ano será mais triste cá em casa. Infelizmente as cores e alegria que reinaram ao longo da minha vida, este ano não irão acontecer. Partidas aconteceram de pessoas bem próximas e se para os meus progenitores esta época nunca foi muito alegre, agora então...

Estamos a pouco mais de um mês dos festejos natalícios começarem a aparecer nas casas de todos nós e, infelizmente, não tenho motivos para festejar os dias em que a sociedade e a religião afirmam serem os da família, os da união de todos.

No espaço de meses, perdi os meus avós maternos, ele por doença prolongada e ela de um dia para o outro. A passagem pela etapa das nossas vidas em que alguém parte e o vazio acontece ainda não foi ultrapassada e embora não o mostre, existem sempre os dias em que a recordação acontece e o coração aperta. O vazio de ver as pessoas, estar com as pessoas que me criaram, que sempre me quiseram bem e nunca me disseram que não. Os meus avós deixaram-nos um após o outro assim como quase um clique que se traduz num chamamento para estarem juntos. Queríamos que eles estivessem juntos, mas connosco, na casa onde sempre viveram, onde sempre foram felizes e onde me recebiam com os meus pais a todo o dia e hora.

Como irei traduzir o que será sentido neste Natal oco que irá acontecer? Sei que não existirá alegria nesta época que se traduz de forma triste para tantas famílias que passam pelo mesmo. O Natal só fez sentido quando era miúdo... Hoje, a cada dia que passa estes dias natalícios são cada vez mais imperfeitos e impuros!