Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

08
Out15

Vodafone mensageira

O Informador

A Vodafone entre ontem e hoje conseguiu enviar-me mais de vinte mensagens somente com dois conteúdos diferentes. Sim eu sei que estou de férias, mas existirá necessidade de me maçarem com tanta mensagem igual?

Através da Promo4U recebi ontem catorze, sim catorze mensagens escritas para assistir a uma divertida stand up comedy no Casino Estoril com António Raminhos, Luís Filipe Borges e Marco Horácio por apenas 11€. Como se não tivessem conseguido cansar o pobre sem nada para fazer, eis que hoje a senhora Svetlana Alexievich teve direito a seis mensagens também iguais a anunciarem a atribuição ao Prémio Nobel da Literatura.

Vodafone em modo mensageira em altas por estes dias! De certo andam com algum erro mas será que uma empresa de tão grande envergadura não consegue resolver estes erros de forma rápida? Pelo menos e caso a primeira sms tivesse passado despercebida, a forma exaustiva de divulgação acabou por resultar pelo cansaço!

18
Ago14

Tenho que sair de casa!

O Informador

Há dias maus e dias bons, no entanto pelo meio existem os dias menos maus e os menos bons! Ontem foi um dia que começou bem e terminou com uma discussão que me deixou a pensar que tenho mesmo que sair de casa dos pais porque o limite do meu feitio anda a ser atingido devido às opiniões e complicações que a minha mãe sempre arranja para implicar com tudo e mais alguma coisa!

Tenho 27 anos e várias situações levam-me a acreditar que pelos próximos tempos conseguirei ter um melhor ordenado, ganhando posteriormente alguma estabilidade económica a ponto de começar a pensar em sair de casa e viver longe do colo dos pais, onde sempre tenho estado desde que nasci. Com a idade que tenho algumas pessoas já fizeram as suas vidas, a solo ou acompanhadas, e cada vez mais sinto tal necessidade também, não tendo a paciência de outros tempos para viver na casa onde fui criado.

A convivência com os meus pais é boa, mas depois quando me chateio, principalmente com a minha mãe, coloco tudo em causa e só penso mesmo que tenha que sair, habituar-me a fazer as minhas coisas, ter o meu próprio canto e não estar à espera que tudo apareça com um estalido dos dedos. Quero sair de casa e só espero pelo momento em que na minha conta bancária comecem a cair um maior número de euros para que possa continuar a fazer a vida que tenho feito e ganhar também a minha liberdade longe do ninho paternal.

Para o meu próprio bem mental necessito de desaparecer de casa porque além de não ter um feitio fácil também não consigo ficar calado em certas situações. Adoro os meus pais, no entanto sei que o ser humano atingindo uma determinada idade que necessita de seguir o seu caminho a solo, escolhendo o seu percurso e fazendo com que fiquem uns em cada lado para que não existam chatices e depois nas visitas tudo está bem e não existem discussões já desnecessárias devido às opiniões e criticas que não aceito de livre arbítrio!

Existem bons momentos em que tudo parece ser mau e que todos queremos deixar a vida que temos para recomeçar de novo, isto porque um ponto bateu longe do caminho pré-estabelecido anteriormente! Chatices parvas e que me deixam a pensar, desta vez em sair de casa!

19
Jun13

Atualizações do telemóvel

O Informador

É muito bonito ter um telemóvel de que se gosta, com várias funcionalidades e com acesso à internet, mas não é nada engraçado ter atualizações diárias para serem feitas e que nos ajudam a gastar o nosso tráfego mensal quando não estamos em zona wifi e deixamos o telemóvel atualizar o que quiser e sem pensar que depois até ao final do mês a quantidade de acesso à internet que foi paga para aqueles trinta dias vai diminuindo.

Mas que raiva que é os programas, jogos e tudo e mais alguma coisa andarem sempre com novas atualizações para serem instaladas. Se fosse de vez em quando ainda se compreendia, mas existem aplicações que todas as semanas têm coisas novas a palpitar e com a mensagem que querem ser colocadas no nosso telemóvel.

Com isto e porque as operadoras também gostam e bem que os seus fornecedores de serviços atraiam clientes e as façam consumir algo nos telemóveis que possuem fico a pensar que quando uma aplicação é feita tem logo mil e uma coisas mas que não são disponibilizadas na altura, sendo que depois todas as semanas lançam para o mercado uma nova versão para que se tenha que fazer a atualização gerando assim mais gastos de internet.

O comércio do mundo das tecnologias é um ciclo vicioso e todos já estamos tão infiltrados nesse mundo que já não conseguimos viver sem estas aplicações que exigem atualizações constantes e que se tornam chatas e gastadoras.

06
Dez12

Mãe e Filho... Chatice rápida!

O Informador

O que me enerva quando, praticamente todos os dias, chego a casa e a minha mãe me chateia com qualquer coisa. Pode não ser nada significante, mas ela tem sempre algo a dizer para contrariar algo que eu faça ou diga, o que vale é que as chatices entre nós aparecem rapidamente, mas desaparecem ainda de forma mais rápida!

Não existe um dia que não me choque com a minha mãe, não consigo explicar a razão, a não ser dizer que ela tem que arranjar sempre alguma coisa para me provocar. Também posso admitir que poderei ser eu a estar errado, mas como acho que tenho quase sempre razão, vejo que é ela que o faz só porque tem o feitio assim, para chatear.

Ela chateia-se porque tem um tapete uns milímetros fora do sítio. Chateia-se porque cozinha sozinha, quando não nos deixa aproximar do fogão. Chateia-se porque a televisão está num nível mais alto que o habitual. Chateia-se porque a televisão está num nível mais baixo que o habitual. Chateia-se porque vamos para a cozinha dois minutos antes de o jantar estar pronto. Chateia-se porque vamos para a cozinha dois minutos depois de o jantar estar pronto. Chateia-se porque se tem que chatear e nada mais....

Não dá para viver assim, todos os dias lhe tenho dito que parece que é protestante porque só resmunga e resmunga, fala sozinha para ouvirmos e lhe darmos resposta. Eu, que não consigo depois ficar calado, ainda tento, mas geralmente fico-me só mesmo pela tentativa e depois lá nos zangamos em menos de cinco minutos, o que vale é que depois de dizermos umas coisas um ao outro, passado um bocado, já tudo normalizou e já estamos a falar como se nada fosse. Feitios!

20
Nov12

Pais e filho... Chatice!

O Informador

Viver com os pais tem destas coisas, todos os filhos se queixam dos seus progenitores e eu não sou excepção, claro está! Quase todas as manhãs acordo e logo me chateio, principalmente com a minha mãe.

Podem dizer que se tem que ser mais calmo e fazer um esforço e tal e tal, mas é que não consigo deixar de responder a alguma coisa que me irrite logo nos primeiros momentos após ter acordado. Não sei se sou eu que nunca tenho paciência para os ouvir a reclamar ou se são eles que reclamam demais por tudo e por nada.

É de manhã à noite, sempre a chamar a atenção por tudo o que se faz ou não. É porque deixei uma luz ligada, mas por vezes ainda estou a usar a claridade dessa mesma lâmpada, é porque tenho a máquina de café ligada e ainda não tirei o café. Também existe a chatice de vestir uma roupa e dizerem que está frio para aquelas peças, mas quem as veste sou eu, não? Depois é porque caiu uma migalha do croissant e não a apanhei...

Viver com os pais tem coisas boas, mas também dá muita zanga e stress ao longo das horas em que estamos juntos. É incrível como nunca existe um dia em que esteja tudo bem, o que hei-de fazer para os acalmar e não os ter tão stressados ao longo do tempo que estou perto deles?

Agora estou em casa há mais de uma hora, mas como ainda não sai do quarto e do computador ainda nada aconteceu, mas daqui a pouco já sei que algo vai estar mal, seja por que motivo for.

O mal será meu, dos filhos em geral ou mesmo dos pais? Será que quando me tornar progenitor também serei assim, sem paciência e implicante com tudo o que seja feito pelos mais novos?

banner mrec exames nacionais e provas de aferição

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens

Comentários recentes

Pesquisar

Atual Leitura
Top mais vendidos Wook