Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

14
Nov20

Cristina lança Pra Cima de Puta

IMG_8503.jpg

 

Cristina Ferreira sabe criar mistério, alimentando o suspense durante dias e no momento de desvendar o que tanto prometeu, eis que coloca meio país a falar de si. Desta vez, em plena Sexta-feira, 13, a apresentadora e diretora da TVI prometeu surpreender e para já o que se sabe é que tem novo livro, com um título bem impactante, Pra Lá de Puta.

Lançado pela editora Contraponto, esta quarta obra publicada de Cristina, após Deliciosa Cristina, Sentir e Falar (Inglês) é Fácil, trás consigo muito do que se tem passado pelos últimos meses após o anuncio da estrela televisiva aquando do seu anúncio de regresso à TVI, após um rápida passagem de ano e meio pelas manhãs da SIC.

Falando sobre o bullying que sentiu ao longo do tempo com todos os ataques que lhe foram feitos por parte da imprensa e do público, Cristina revela muito do que foi escrito, do que sentiu e do pretendeu sempre passar com a sua presença no pequeno ecrã e pelas redes sociais onde sabe que o que mostra é a sua verdade e não invenções de outros. 

Anunciado a capa do seu novo livro nas redes sociais com a legenda 《Não julgues o livro pela capa》, Cristina Ferreira tem recebido vários elogios por esta publicação quando ainda pouco se sabe sobre o seu conteúdo, somente pela capa. A empresária revelou antes mesmo deste anúncio que 《Lanço um projeto com um objetivo muito preciso. E sério. Cada vez mais.》, reforçando assim o poder que as figuras públicas têm para serem um exemplo.

22
Ago19

A Deslumbrada Vida de João Novilho | Jorge Tinoco

a deslumbrada vida de joão novilho.jpg

 

Título: A Deslumbrada Vida de João Novilho

Autor: Jorge Tinoco

Editora: Guerra e Paz

Edição: 1ª Edição

Lançamento: Fevereiro de 2019

Páginas: 232

ISBN: 978-989-702-457-3

Classificação: 3 em 5

 

Sinopse: Impiedoso e inquietante, este romance espelha, sem meias-tintas, um quadro sociopolítico da vida portuguesa contemporânea na sua mais degradante expressão. Nele se entretecem e entrechocam as mais primárias e inescrupulosas ambições de domínio e de poder, corporizadas de forma superlativa no autarca João Novilho.

A sua meteórica ascensão política é conseguida à custa de tudo quanto pode transformar o exercício autárquico digno e credível na mais venal, corrupta e execrável perversão dos ideais democráticos de um município, Rio Novo de Mil Nomes. O envilecimento do carácter, a manipulação das consciências e a degradação das instituições conduzem-no a um beco sem saída.

Entre amores e desamores, este é também um romance recheado de deliciosos retábulos poéticos e de parágrafos palpitantes de exuberante erotismo, onde a sexualidade se manifesta desabridamente, tanto de forma descoberta como revestida de fantasia ou até de chantagem despudorada.

 

Opinião: Numa história que atravessa os meandros políticos surge assim, pelas mãos de Jorge Tinoco, A Deslumbrada Vida de João Novilho, onde o desencantamento com a vida política do próprio autor, que foi autarca de Amares, distrito de Braga, deu o mote para esta narrativa de ficção com traços reais do que se pode encontrar num país recheado de problemas de poder.

05
Fev18

O cancro na Cristina

cristina rebeca.jpg

Muitas capas que marcaram a revista Cristina já foram para as bancas, mas esta, a que a partir do próximo dia 7 de Fevereiro irá estar disponível em todo o país, é para mim a capa das capas. A cantor Rebeca, de 38 anos de idade, volta a enfrentar o cancro pela segunda vez e é com a doença que decidiu ser capa da publicação mensal. 

Cristina Ferreira revelou pelas redes sociais a capa do mês de Fevereiro da sua revista, deixando um pequeno texto que vos passo a citar a acompanhar a imagem. «Fiquei sem chão. Era o último dia do ano e abri o meu email. Tinha uma mensagem da Rebeca, a cantora portuguesa. "Como é possível ter outro cancro? Ainda agora comecei a quimioterapia e, se estar sem cabelo é doloroso, os outros efeitos secundários são horríveis. As únicas pessoas que sabem são a minha família, alguns amigos próximos e agora tu."».

Tal como a apresentadora disse, fiquei também sem chão quando vi, de um momento para o outro, a imagem de capa, a fotografia que irá mostrar que o cancro tem um rosto entre tantos outros que sofrem diariamente para ultrapassarem uma doença que continua a prevalecer com grande peso na sociedade atual. Rebeca é o rosto do cancro e foi na revista Cristina que a cantora quis desabafar e contar a todos o que enfrenta atualmente. 

Depois de muitas capas que deram que falar, polémicas e ousadas, a equipa da revista volta a surpreender e para mim, esta é a capa mais tocante e que me deixou a pensar durante o primeiro impacto. Acredito que este tema seja dos mais fortes que poderiam ter destaque na capa da publicação e ainda agora, uns minutos após ter sido apanhado de surpresa por esta imagem e consequente notícia, sinto-me meio a leste, como se a Rebeca fizesse parte do meu grupo mais próximo de amigos. Uma sensação estranha, talvez pela forma como fui apanhado de surpresa, tal como deverá estar a acontecer a muitos neste momento!

26
Nov17

Desgosto de bulldog

bulldog capa chuva.jpg

A chuva regressa e o Tomé, o bulldog francês aqui de casa, logo começa certamente a pensar que lá terá de ser obrigado a vestir a sua capa para se proteger da chuva quando vai à rua fazer as suas necessidades. 

Desde pequeno que o tentamos habituar a ter roupa nos dias mais frios para ir dar as suas voltas diárias mas é complicado. Não as consegue tirar, no entanto assim que vê uma das ditas capas logo foge para um canto da casa numa tentativa de se esconder para não se ter de vestir. Obrigado a colocar a roupa especial anti-chuva, eis que se deita, amuado, com aquela típica cara que os bulldogs fazem quando estão tristes e assim fica, não se querendo levantar por teimosia, notando-se mesmo que não gosta de se sentir meio apertado. 

É sempre uma guerra para colocar a capa para poder ir à rua numa tentativa de se molhar o menos possível, fugindo e guerreando com as patas e a boca para não se enfiar dentro da vestimenta. 

06
Nov17

Sensualidade de Lili Caneças

lili-canecas-edicao-novembro-revista-cristina.jpg

Se existem meses em que a capa da revista Cristina tem um entrevistado sem grande interesse junto dos leitores, existem edições da publicação em que parece que Cristina Ferreira e a sua equipa editorial têm um ataque de baboseira e acabam por gastar quatro rostos interessantes de uma só vez! Em Novembro tal facto é novamente notório e após um mês com uma capa com a mulher do treinador Rui Vitória como destaque, eis que agora surgem quatro capas, para escolha do leitor onde Lili Caneças divide o estrelato com um modelo, Virgul posa ao lado de Cristina, Ljubomir é entrevistado pela sua mulher e Alexandra Lencastre deixa-se questionar por Manuel Luís Goucha. Existia mesmo necessidade de colocar uma Lili, um Goucha, uma Lencastre, o Ljubomir e Virgul a disputarem a melhor capa num só mês quando no mês anterior tiveram tão má escolha? Este é daqueles casos do 8 e 80!

Mas apetece-me comentar um pouco mais sobre a edição de Novembro da revista Cristina, isto só pelas capas! Quem terá pensado na beleza espontânea de colocar Lili Caneças bem esticada e em modo sensual - será possível - em grande destaque? A senhora poderia ter honras de capa mas sentadita, com o seu abajur louro bem personalizado e em destaque, tal como é conhecida, não existindo necessidade de ser apresentada esta imagem ao público que deveras irá fazer a sua escolha entre as quatro opções, mas esta deverá ser a última da maioria, acredito. Uma imagem de mau gosto, muito sinceramente, não pela convidada que até acho uma figura interessante do panorama social nacional, mas sim pela sua pose, vestimenta e modo como a sessão fotográfica parece ter sido elaborada!