Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

leituras-verao-billboard
05
Set18

Curiosidade | Os casinos do Brasil

casino.jpg

Tapar o sol com a peneira e fazer de conta que a realidade não existe são dois traços culturais muito típicos dos portugueses. Quando uma situação ou circunstância é desagradável, fazemos de conta que não se passa nada e seguimos para a frente. Quanto mais ação isso exigir da nossa parte, pior.  

E parece que os nossos irmãos brasileiros “herdaram” esta nossa mania. A relação dos brasileiros com os casinos e os jogos de azar não podia ser mais cómica. 

 

Uma proibição… 

Portugal foi governado, durante meio século, por um regime político “encostado” aos ideais da Igreja Católica. Goste-se ou deteste-se, ninguém põe em causa que os valores conservadores orientaram totalmente a prática política. No entanto, Salazar nunca se lembrou de proibir a atividade dos casinos; felizmente para o mundo, pois talvez James Bond não existisse se o Casino do Estoril tivesse sido fechado na década de 40. 

Ora, no Brasil, que também tinha uma indústria de casinos florescente, um presidente da República lembrou-se de proibir todos os jogos de azar e fechar os casinos, em 1946. Diz-se que por influência da sua esposa, extremamente religiosa. E assim ficou até hoje – criou-se um “tabu” no Brasil à volta do tema, sendo os jogos considerados uma fonte de pecado e de vício moral e social. Está visto que Salazar era um libertino, ao permitir tal coisa entre nós… 

25
Ago18

Curtas e Diretas | 138 | Maria Rita

maria rita cartaz.jpg

Já vos disse que fui ver ao Casino Estoril o concerto da brasileira Maria Rita e que gostei? Não conhecia quase nada sobre o seu trabalho, mas no final sai com o gosto do samba através deste concerto que começou calmo e terminou com o público de pé a aplaudir um espetáculo que vale a pena!

03
Ago18

Paula Fernandes "m'encantou"

paula fernandes.jpg

Paula Fernandes estreou-se no Salão Preto e Prata do Casino Estoril para dois concertos, a 1 e 2 de Agosto, e só vos digo que poucos eram os temas que conhecia da artista, mas a verdade é que sai do espetáculo fã desta voz inconfundível de uma artista que não perde nos seus espetáculos as suas origens na música sertaneja. 

Vibrante, com bastante empatia em palco, simpática e profissional, Paula Fernandes apresentou-se ao público que encheu a sala com toda a sua simplicidade, acompanhada da banda que a acompanha em tournée. Interpretando temas bem conhecidos como Eu Sem Você, Não Precisa e Pássaro de Fogo, esta visita a Portugal contou também com a apresentação de Beijo Bom, Jeans, Traidor e Jeito de Mato. Das baladas ao arraial, do som sertanejo ao romantisco, Paula Fernandes surpreendeu e se todos gostaram tanto como eu, acredito que esta digressão intitulada de Amanhecer tem tudo para continuar a correr bem pelos países por onde a artista irá passar até ao final do ano. 

 

17
Mar16

Não é Nada Meu

Os Boca Nervosa lançaram um tema dedicado ao esquema de Lula. «Não É Nada Meu» é o samba da amizade onde tudo o que Lula tem é dos seus amigos. Não é nada do pobre desgraçado que tem a justiça no seu encalço neste momento e que anda a ser protegido pela Presidente Dilma. Onde terminará este embrulho brasileiro recheado de corrupção?! «Não é Nada Meu», ah pois não!