Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Perfeitos Desconhecidos | Força de Produção

Teatro Maria Matos

Pensas que conheces o teu parceiro e os teus amigos de tão próximos que são mas se fores ao Teatro Maria Matos ver Perfeitos Desconhecidos percebes rapidamente que podes desconfiar que afinal o que sabes e suspeitas nem sempre vai de encontro à verdade que está no outro.  Num jantar de amigos, em noite de eclipse lunar, a anfitriã propõe um jogo que desde logo promete celebrizar a frase musical, «vai dar merda, vai dar merda», ao longo da noite. Os telemóveis são deixados (...)

Amigos das redes? Não existem!

Faz-me um pouco espécie quando ouço alguém falar de amizade entre pessoas que nunca conviveram pessoalmente e que só comunicam através das redes sociais, com assuntos base como tema, sem se conhecerem verdadeiramente e como uma real amizade assim o exige. Pode ser o meu ponto de vista sobre uma questão de amigos distante do da maioria, no entanto o facto de ter bem poucos e perceber que preciso de muito para os sentir como meus leva-me a questionar a superficialidade com que se usam (...)

Memória seletiva

Nunca me tinha acontecido, no entanto por estes dias constatei o que os especialistas falam sobre a memória seletiva com o tempo. Em conversa familiar aqui por casa percebi que não tenho memória sobre os acontecimentos que rodearam a morte de uma vizinha que me viu crescer, como se fosse uma avó. Perdi em menos de dez anos qualquer memória daqueles dias e em conversa sobre os que amamos e que partem percebi que nem me lembro de ter sido eu a receber a notícia cá em casa para a (...)

Sem conversa

  As conversas fluentes do dia-a-dia de outros tempos desapareceram em tempos de confinamento, faltando tema e até alguma paciência para se criar aquela conversa que bem podia ser desenvolvida e que nos dias que correm parecem nem fazer sentido.  Encontramos numa ida ao supermercado ou ao longo do passeio higiénico alguém conhecido e acabamos por não conseguir desenvolver assunto. Fazemos aquela conversa de circunstância quando se dá o encontro e depois, quase como (...)

Encontros

  Vais no teu percurso diário, apelidado em Portugal por "passeio higiénico", a ouvir Pabllo Vittar, e encontras uma antiga colega de trabalho que mal te encontra começa a lacrimejar por trabalhar quase diretamente com os doentes de Covid19. Ao seres apanhado de surpresa acabas por sofrer um misto de sentimentos por não poderes reagir como queres e ficares um pouco sem saber o que dizer para a confortares. Se isto não te aconteceu, ficas a saber que a mim já e senti-me tão (...)

Desabafar com confiança

  Atenção meu querido leitor! Tem mesmo muita atenção em quem confias as tuas palavras, já que nem todos são detentores de confiança para que os teus desabafos mereçam ser partilhados. Poucas das supostas amizades conseguem ser verdadeiras e por vezes muitos deixam-se levar por meias conversas e acabam por contar mais das suas vidas do que deviam, dando origem a mal entendidos e por vezes fazendo com que um simples desabafo se transforme num autêntico diz que diz através do (...)

Jesus de novo com Cristina

  A 07 de Janeiro de 2019 estreou O Programa da Cristina nas manhãs da SIC e o convidado especial na primeira emissão do formato que logo iniciou na liderança foi Jorge Jesus, que se tornou amigo da apresentadora desde então, a ponto de apresentadora e treinador falarem ao telefone enquanto Jesus se encontrava na Arábia Saudita, tal como referiu em tempos a Cláudio Ramos, «Já não falo com o meu Jorge há muito tempo. Sabes que a gente falava ao telefone os dois, quando ele (...)

Biblioteca de pessoas

  A vida é feita de encontros, permanências, despedidas e ausências de pessoas que chegam pouco ou muito dizem para ficarem ou partirem de novo, deixando ou não a sua marca. As pessoas são como os livros que passam por cada leitor. Existirá assim dentro de cada um de nós uma biblioteca de pessoas que vai sendo composta com o passar do tempo.  Existem os livros que quando chegamos já lá estão, tal como a nossa família que nos recebe e que ao longo dos anos vamos entendendo, (...)

Uma resolução de Ano Novo

Um dos pedidos que é mais mesmo um acordo próprio que fiz para este novo ano que agora começou foi o de estar mais tempo e que o mesmo seja bem passado com as pessoas que me são próximas e queridas.  Em 2018 admito que fui um pouco, talvez mesmo muito, desleixado com amigos e familiares mais próximos e agora em 2019 quero compensar esse meu estado de afastamento involuntário que acabou por acontecer pela minha «falta de tempo» que por vezes resulta um pouco por se ocupar o tempo (...)

Este Espaço é Teu! | Incapacidade de Agir

Como pudemos ajudar alguém que amamos tanto a ultrapassar um problema de saúde, quando não temos na nossa mão a solução para o problema, a não ser ouvir, estar presente e dar apoio, nestas alturas sentimos-nos tão impotentes. Anónimo, Mensagem deixada na caixa Este Espaço é Teu! Acredito que seja um verdadeiro sentimento (...)