Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

regresso-as-aulas-apoio-escolar-billboard

Chamavam-lhe Grace | Margaret Atwood

28
Set18

Chamavam-lhe Grace capa.jpg

Título: Chamavam-lhe Grace

Título Original: Alias Grace

Autor: Margaret Atwood

Editora: Bertrand Editora

Edição: 1ª Edição

Lançamento: Setembro de 2018

Páginas: 480

ISBN: 978-972-25-3634-9

Classificação: 4 em 5

 

Sinopse: Corre o ano de 1843 e Grace Marks foi condenada pelo seu envolvimento no brutal homicídio do dono e da governanta da casa onde trabalha. Há quem julgue Grace inocente; outros dizem que é perversa ou louca. Agora a cumprir prisão perpétua, Grace diz não ter qualquer memória do crime. Um grupo de clérigos e espíritos que lutam para que Grace seja perdoada contrata um especialista em saúde mental, uma área científica em expansão na época. Ele escuta a sua história, fazendo-a recuar até ao dia que ela esqueceu. O que encontrará ele quando tentar libertar as memórias de Grace?

 

Opinião: Chegou a Portugal o livro que inspirou a série da Netlflix, Alias Grace. Com o título de Chamavam-lhe Grace, da autoria de Margaret Atwood, o leitor é conduzido para o Canadá em pleno século XIX. Inspirado em factos reais mas com muitos pontos de ficção, esta história retrata a vida de Grace, uma jovem que chega da Irlanda e começa a servir em casas particulares. Só que nem tudo corre na perfeição na vida desta criada doméstica e o futuro idealizado acaba por se tornar em tragédia. 

Um duplo homicídio faz com que tudo na vida de Grace seja alterado e a partir do momento em que é condenada e presa como responsável pela morte do seu patrão, Thomas Kinnear, e da governanta e amante, Nancy Montgomery, que o seu mundo é totalmente virado do avesso. De condenada à morte passa a entrar no regime de prisão perpetua graças à boa vontade de muitos que não conseguem ver numa jovem a assassina que outros tantos descrevem. Quem terá cometido o assassínio e o que Grace tem em comum com esse individuo? Inveja? Ingratidão? Medo? O que levará uma jovem criada a alinhar com um louco num crime que nada tem de perfeito?

O leitor é convidado ao longo de quase quinhentas páginas a conhecer a verdade contada por Grace aos especialistas que tratam de si e de quem se vai tornando próxima. Desabafando, silenciando, sofrendo e suplicando, esta jovem vê os anos passarem, perde uma vida e acaba por encontrar em Jordan, um psicólogo, um amigo a quem revelar tudo o que foi passando e como as coisas foram acontecendo até que foi colocada atrás das grades e viu o seu parceiro de crime condenado à morte.