Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Motoristas com comportamentos de risco

Pelas últimas horas surgiu a notícia por vários meios de comunicação social sobre os alunos que foram conduzidos por um motorista alcoolizado. Há uns anos atrás as coisas podiam não acontecer dessa forma, no entanto vários motoristas brincavam com os autocarros que transportavam dezenas de alunos da escola para casa e na nossa visão, de adolescentes, as coisas eram normais e bem engraçadas. Onde estava o erro na altura? No senhor condutor e nos menores, onde me incluia, que (...)

As novidades de Somersby Cider

Há uns meses provei o Somersby Cider de Maça e desde aí que esta bebida é uma das eleitas quando ao longo da semana vou até ao café depois de jantar. Agora chegou a Portugal a versão Blackberry e embora seja agradável de ser bebida, tendo o toque de doçura mais aprofundado que a sua companheira da marca, o original continua a ser o melhor. Por outros países o Somersby também já (...)

Dom da atracção policial

Já não sei se o mal é meu ou se tenho a pouca sorte de andar por estradas com minas e armadilhas colocadas pela Brigada de Trânsito, mas o que é certo é que semana sim, semana não, sou mandado parar, tendo de soprar o balão, mostrar os documentos pessoais e do veículo, seguindo depois viagem. Sorte! Desde que tirei a carta que já devo ter recebido a ordem de paragem em operações stop mais de vinte vezes, só que neste início de 2014 tal facto já me aconteceu em três locais, (...)

Condutor sem álcool! Como?

Jantar com festejos é também sinónimo de beber uns copos a mais, ainda por cima quando se segue uma saída entre amigos! Pelo caminho e quase a chegar a casa, a brigada de trânsito manda parar e soprar o balão! O que aconteceu depois? A surpresa! Quando vi o sinal luminoso na mão do senhor guarda logo percebi que ia ser mandado parar, tal como aconteceu! Parei o veículo, foram-me pedidos os documentos, saí do carro, soprei o balão e foi-me perguntado se tinha ingerido bebidas (...)

4,27g/l de Sónia Brazão

Um bom tempo depois e na véspera de Sónia Brazão começar a ser julgada devido à explosão que aconteceu no seu apartamento, surge a notícia que as análises feitas à atriz após o acidente, revelaram que a mesma tinha 4,27g/l de álcool no sangue. Isto não será algo estranho? Primeiro por tal notícia só aparecer agora, à porta do início do julgamento, e depois porque 4,27g/l não é assim um peso tão leve e com esta percentagem a Sónia já deveria estar em coma. Existem (...)

Ar angelical, eu?!

Pareço mais novo do que sou e como se já não bastasse ainda olham para mim como se fosse um anjinho caído do céu e que tem o mundo idílico à sua frente para poder passear sobre as nuvens do paraíso. Pois, as pessoas até me dizem que «não bebo, não fumo e não f__o». Ai, acham mesmo?! Será que quando olham para mim acreditam que sou um rapaz bonzinho e para quem está tudo bem por parecer quase sempre bem disposto e de bem com a vida? Se pensam isso estão muito bem enganados (...)

E não se tira o alarme?!

Fui comprar um presente para o meu pai, uma garrafa de Whisky William Lawsons, no supermercado Pão de Açúcar mais perto de minha casa. O que aconteceu? Fiz a compra, pedi para embrulhar e quando entreguei o presente... Surpresa! O alarme da garrafa não tinha sido retirado! Pois é isso mesmo, o alarme não tinha saído do gargalo da garrafa como era pretendido no acto da compra. Será que o (...)

Saídas de fim-de-semana

As noites quentes estão aí e com elas chegou também a vontade de estar mais pela rua, principalmente ao fim-de-semana. As saídas à noite para locais de rua fazem-se todo o ano, mas nos meses onde o calor está mais presente estas mesmas saídas têm outro sabor e são vistas de outra forma. Agora o lema é sair, a dois ou em grupo, pegar num copo de cada vez e andar por aí para se encher o tacho com a frescura que só o gelo com o álcool nos podem dar. Andar pelo Bairro Alto na (...)

Aos 26 bebi ao pé dos pais

Sim, é verdade! Foi ao longo de 26 anos que deixei as bebidas alcoólicas de lado quando estava ao pé dos meus pais. Não sei por que razão sempre fui fazendo isto, mas foi acontecendo e como não temos o hábito de se beber em casa, quando eram encontros familiares eu não bebia nada com álcool por eles estarem presentes. No último almoço de família a sangria apareceu na mesa e eu que nem estava como condutor nem nada não consegui resistir. Enchi o meu copo com sangria, pela (...)