Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Informador

Sons de emergência na publicidade

Sirene

No momento em que estás a conduzir e percebes que sons de sirene de urgência se aproximam logo ficas em alerta a olhar em volta e pelos espelhos retrovisores para teres perceção de onde poderá surgir o veículo de socorro em velocidade acelerada para conseguires abrandar e fazer o desvio possível no sentido de facilitar a sua passagem. 

Agora e porque com estes sons não se deve brincar venho lamentar que existam a passar na rádio anúncios publicitários que se iniciam precisamente com o som de sirenes de ambulâncias, o que deixa desde logo o condutor em alerta e com as atenções viradas para de onde poderá surgir a viatura, não se percebendo num primeiro momento que aquele mesmo som vem das colunas do carro que se está a conduzir. 

Acho extremamente de mau tom estas publicidades que podem ser feitas de outra forma sem este início de alerta desnecessário quando se está no trânsito e de um momento para o outro nos assustamos por acreditarmos que temos de ajudar na passagem de um veículo de emergência quando depois percebemos que afinal estamos a ser enganados e a chamada de atenção acontece precisamente por um anúncio publicitário de um mediadora de seguros que tenta assim ganhar novos clientes. 

Sons de emergência em anúncios publicitários a passarem na rádio e até na televisão não são bem vindos e quem os elaborou deveria repensar a sua estratégia de marketing. Querer chamar a atenção com situações sérias não é um bom caminho, sendo sim uma indução ao erro do ouvinte e consumidor. 

5 Comentários

Comentar post