Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

28.07.17

Sem cartas e seguros


O Informador

Por estes dias uma questão colocou-se quando quase era levado por um veículo conduzido por uma pessoa que todos sabem não ter carta de condução. Nem a pessoa que me fez desviar para a valeta nem a sua numerosa família tiraram a carta e conseguem andar por ai a conduzir, sem seguro nos carros e sem que os chamem à atenção!

Pois é! Se todos sabem que aquela família não tem carta de condução e nem anda lá perto mas conduzem vários carros, de dia e noite, sem seguros e condições, com passageiros a mais e com os cintos de segurança encostados aos bancos, como é que a autoridade que tem o dever e obrigação de fazer alguma coisa não age?

A explicação que dou logo à partida é a de existir medo de se aproximarem das pessoas para as chamar à razão. Mas quando acontecer alguma coisa com quem tem tudo em dia para com aqueles condutores o que se deverá fazer? É que logo à partida vão dizer que não têm culpa, ainda devem conseguir fugir e mesmo que fiquem no local ainda arranjam problemas posteriormente às pessoas que iam na sua vida e levam com um carro em cima.

Pessoas que bebem, aprenderam a conduzir com a vida e com as velocidades que praticam quando têm de fugir dos roubos que fazem e que andam por ai, de trás para a frente, sem documentos em dia. Se fosse um cidadão que gosta de ter tudo em dia e se esquecesse de pagar um mês o seguro talvez não tivesse a sorte e fosse logo mandado parar, mas neste caso ao serem avistados ao longe logo os mandam seguir em frente. É tudo muito bonito com o respeito à autoridade, mas na hora h nada fazem, essa é que é a verdade!

6 comentários

Comentar post