Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

WOOK - www.wook.pt
05
Fev17

Saudades por despedimento

| O Informador

Infelizmente e como era bem esperado a empresa onde trabalho continua a meter água por todo o lado e o caminho parece ser cada vez mais só um! Com isto e porque ainda éramos sete pessoas sem necessidade, eis que de um momento para o outro ficamos reduzidos a quatro para ficarmos somente três daqui a uns dias.

Pois é, após meses e meses com a noção de que alguém deveria saltar, lá ficou decidido pela entidade superior que mais de metade das pessoas estavam a mais. Reunião geral, pedido para apresentação de propostas e eu, que até queria saltar, fui informado que não valia a pena tentar a sorte para deixar o barco porque estou entre o trio que tem de aguentar mais tempo. Tinha noção que isto era bem possível acontecer e que se sair será por vontade própria e sem nada, mas na verdade os que foram convidados a deixar a casa também pouco levaram consigo, já que nem metade dos seus direitos tiveram a hipótese de ter. Ou aceitavam ou ficavam sem saberem o que por ai virá. Os que podiam apresentar propostas apresentaram e saíram. Ficamos nós, os mais caros, os de confiança e os que também querem sair e que agora a solo ficam sem parte de uma equipa com quem se conviveu, no meu caso, ao longo de dez anos. Foi triste, ainda estou triste e sei que enquanto estiver onde eles já não estão continuarei sem a magia de outros tempos. Se antes as coisas já não me faziam sentido e não tinha qualquer vontade matinal para ir trabalhar, agora então ainda menos. Sinto a falta das companhias com quem convivi durante anos, com quem partilhei bons e maus momentos, chorei e gargalhei, das pessoas com quem almoçava e partilhava histórias do dia-a-dia. 

Tenho saudades de todos, cada um pelos seus motivos, mas tenho saudades, acredito no entanto que um dia destes ainda voltarei a encontrar-me em termos profissionais com alguém. Pelo menos assim o desejo! Quanto à vida pessoal isso é outra conversa e existem pessoas que podem aos poucos sair da minha vida, mas outras com as quais pretendo manter sempre o contacto porque ficarão para sempre no meu coração! 

Seria possível terminar este texto sem uma lágrima ao canto do olho e umas quantas a escorrerem pela cara? Seria, mas não seria eu se assim tivesse acontecido! Sinto-me triste, bastante triste, quando todos os dias me lembro das pessoas que me preencheram de uma maneira ou de outra e que agora não tenho por perto como gostaria. Em certa parte encontro-me vazio e sem vontade de continuar!

8 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Cláudia C Silva

    Bom, isso do conhecer duvido, pois em Lisboa era d...

  • O Informador

    Parece que ando com azar mesmo nos grupos que enco...

  • O Informador

    Conversas essas que por vezes até são sobre pessoa...

  • O Informador

    Protegem de um lado e deixam espaço para que as co...

  • Anónimo

    Bom dia. Realmemnte, acho que tem azar nos grupos ...

Mensagens

Pesquisar

Posts destacados