Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Hdeusesemitos-billboard

«Saudade»

Palavra do Ano 2020

 

A 12.ª edição da iniciativa Palavra do Ano decorreu ao longo das últimas semanas do ano 2020 e terminou com a eleição da palavra «Saudade» como vencedora com 26,8% dos mais de 40 mil votos obtidos ao longo desta seleção. Nesta eleição final estiveram também as palavras «covid19», «pandemia», «confinamento», «zaragatoa», «telescola», «discriminação», «infodemia», «digitalização» e «sem-abrigo», mas a escolha recaiu em «Saudade».

Num ano tão atípico como foi 2020 as palavras em torno da pandemia mundial e dos relacionamentos afetivos andaram entre as preferências dos portugueses e a «Saudade» que todos sentimos da dita normalidade, dos pequenos pormenores, dos abraços familiares, do convívio com os amigos, acima de tudo das relações humanas que deixaram de ter o afeto e a proximidade para viverem de afastamentos e algum isolamento.

A eleição da Palavra do Ano é feita a partir das sugestões que os portugueses vão deixando ao longo do ano no site www.palavradoano.pt, também perante as pesquisas efetuadas no Dicionário da Língua Portuguesa em www.infopedia.pt e com base no trabalho permanente de observação e acompanhamento da realidade da língua portuguesa, levado a cabo pela Porto Editora.

«Saudade» é assim a Palavra do Ano 2020, sucedendo a «violência», de 2019, a «enfermeiro», de 2018, «incêndios», de 2017, «geringonça», de 2016, «refugiado», de 2015, «corrupção», de 2014, «bombeiro» de 2013, «entroikado», de 2012, «austeridade», de 2011, «vuvuzela», de 2010 e «esmiuçar», de 2009.

Em 2020 todos sentimos aquela «Saudade» de tudo o que tínhamos de bom e não sabíamos. Agora vamos pela esperança em pleno 2021 para que tudo isto passe e possamos conhecer uma nova realidade com novos parâmetros dentro em breve.