Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

oportunidades-970x250-billboard

Quem Matou Sara? | Netflix

Quem-matou-sara-divulgacao.jpg

A primeira temporada de Quem Matou Sara? chegou, viu e convenceu-me do início ao fim. Vendo a série numa busca constante sobre o real assassino por detrás da morte de Sara, a série mexicana consegue prender por dando várias pistas ao longo dos episódios sobre os possíveis homicidas dentro do grupo mais próximo da jovem. 

Percorrendo os momentos antes do acidente que levou à morte e o presente com a procura da verdade uns anos depois por parte do irmão de Sara, Alex, incriminado pelo crime que não cometeu, a velha questão de sucesso do quem matou é realçada no bom cruzamento entre o passado e o presente, mostrando que a história se pode voltar a repetir mesmo quando se está prestes a perceber quem esteve por detrás do acidente fatal. Afinal de contas quem tem mais a perder se a verdade for descoberta? Que segredos esconde cada um nos tempos atuais sobre o que já passou? Quem estava próximo de quem? Quem temia a verdade? Que omissões eram necessárias para manter o secretismo? 

Amor, traição, relações familiares controversas, filhos fora do casamento, homossexualidade, barriga de aluguer, tráfico humano, prostituição, drogas e chantagem são alguns dos temas em torno de Quem Matou Sara?, a série que envolve os ingredientes capazes de cativar logo à partida com ação e sexo numa mistura bomba para transformar o crime no elemento chave inicial mas que não segue sozinho para que o público não se fixe somente no tema central. No final a perceção sobre os dez episódios da temporada é só uma... O homicida não é descoberto e a questão sobre o quem matou deixa de estar em grande plano para o que está para acontecer.

Quem Matou Sara? é aquela série de suspense com um final que acaba por desiludir por ficar em aberto para a segunda temporada, que está prestes a chegar. A busca irá continuar e a própria Sara escondia segredos que podem ajudar a desvendar todo o processo do crime nos tempos atuais. Que venha a segunda fornada de episódios!