Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Quando o Cuco Chama

quando o cuco chamaQuando o Cuco Chama, da autoria de J. K. Rowling, sobre o pseudónimo Robert Galbraith, podia prometer muito por vir das mãos de quem vinha, no entanto, além da sua chegada ao mercado ter sido recatada, a história não cativa como Uma Morte Súbita o fez. Desta vez tudo foi tornado muito simplório, sem as verdadeiras características da autora entranhadas com profundidade na história. Um tiro ao lado!

Com uma leve narrativa, mas com conteúdo, existe a inexistência do factor que faz com que o leitor se sinta preso do início ao fim. A forma como as personagens e os locais são descritos aparecem abaixo do habitual da autora, porém é mesmo o desenrolar da acção que não consegue convencer. Com um menor número de personagens que o habitual em Rowling e com um detective privado como protagonista, uma morte de uma modelo famosa dá o arranque da história e tudo vai acontecendo em torno dessa investigação que polícia e imprensa têm tido entre mãos ao longo de vários meses. Em Quando o Cuco Chama não existem momentos chave, daqueles que conquistam e deixam qualquer um a pensar que as personagens x e y podem estar envolvidas no assassinato. Falta todo um conjunto de situações de destaque que ajudem a avançar na trama quando a história começa a fraquejar, aqueles momentos que fazem com que o leitor volte a entrar na corrida para perceber quem é o culpado de tudo o que tem acontecido. Com um empate bem descarado ao longo de todo o livro, o final é quase irrisório e a forma como é contado de rajada deixa muito a desejar!

Numa primeira fase Rowling não quis publicar este policial com a sua assinatura e agora percebo bem a razão de tal ter acontecido... É que o Cuco aqui não consegue chamar os fãs da autora, sendo este livro uma regressão do trabalho que vinha a ser feito desde a saída do primeiro Harry Potter e depois do surpreendente livro para um público mais adulto, Uma Morte Súbita.

Sinopse: Quando uma jovem modelo, cheia de problemas na sua vida pessoal, cai de uma varanda coberta de neve em Mayfair, presume-se que tenha cometido suicídio. No entanto, o seu irmão tem dúvidas quanto a este trágico desfecho, e contrata os serviços do detetive particular Cormoran Strike para investigar o caso. Strike é um veterano de guerra – com sequelas físicas e psicológicas – e a sua vida está num caos. Este caso serve-lhe de tábua de salvação financeira, mas tem um custo pessoal…
Um policial envolvente e elegante, mergulhado na atmosfera de Londres. Quando o Cuco Chama é um livro notável, um romance policial clássico na tradição de P. D. James e de Ruth Rendell, que marca o início de uma série verdadeiramente singular escrita por Robert Galbraith, o pseudónimo de J.K. Rowling, autora da série Harry Potter e do romance Morte Súbita.

1 Comentário

Comentar post