Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Hdeusesemitos-billboard

Poluição sonora

barulho sonoro.jpg

Uns gabam-se que o supermercado do rés-do-chão do seu prédio fechou para obras e que antes disso ofereceram bolachas, compotas e sumo de polpa como que um pedido de desculpas pelo barulho que irão fazer pelos próximos dias. Já por estes lados nem aviso nem comunicados e muito menos ofertas...

O café do rés-do-chão, vivo no primeiro andar, tem estado com serviço à janela, mesmo com a abertura possível de portas há umas semanas, e agora que pensam em voltar a abrir portas aos clientes estão a fazer algumas alterações interiores e o barulho das brocas e batucadas ao longo da tarde e pela noite dentro acontece sem um ai nem ui. A verdade é que de dia ainda se suporta, mesmo tendo vizinhos que têm de dormir de dia porque trabalham de noite, o pior é mesmo quando passam as 21h00, as 22h00 e mesmo as 23h00 e por três dias seguidos ouves o barulho dos buracos a serem feitos, dos armários a serem mexidos, das louças a serem lavadas e o eco das conversas a surgir no silêncio da noite.

O barulho acontece mas é como se não se tivesse a passar nada no prédio para quem não consegue perceber que ruído sonoro é para fazer de dia e não quando a maioria tenta estar tranquilamente em casa a descansar. Vale que eu, ao longo de todos os anos em que vivo neste prédio, consegui fazer um pouco de abstração perante o som que vem debaixo, caso contrário seria uma chatice para quem agora até anda a adormecer bem mais cedo que há uns anos atrás.