Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

Noite de Natal a três

22
Dez12

Desde pequeno que sempre fui habituado a passar o Natal de forma sossegada, com os meus pais e em alguns anos, de forma excepcional, com os meus tios e primo. Este ano, vamos voltar a passar o Natal só os três, por casa, porque esta noite para nós é quase como outra qualquer, até pode ser pior que as outras.

O Natal sempre foi visto pela minha mãe como uma época triste, como tal, sempre me habituou a não dar grande relevo a esta altura do ano em que anda tudo louco pelas compras e pelos jantares de família. Nós ficamos normalmente no aconchego do lar a falar, a ver televisão e a desembrulhar os presentes que por aqui aparecem.

Com a passagem dos meus avós maternos para as suas novas vidas, onde acredito que olham por mim diariamente, os motivos de celebração natalícia ainda são menos, por isso além de não termos feito a árvore de Natal também não vamos fazer nada de especial de 24 para 25. Vai ser um serão normal e no dia seguinte quando acordarmos tudo deverá acontecer também de forma natural, como um dia igual a tantos outros, em que estamos os três por casa, acordamos mais tarde e o dia prossegue como se nada fosse.

O Natal para mim está cada vez mais transformado numa forma pratica de fazer negócio e deixa ao longo dos anos de ser feito pelo aconchego familiar. Nós não vamos mudar a nossa forma recatada de viver esta época, que este ano ainda é mais triste que nos outros. Desde que tenhamos amor, saúde e paz, o Natal pode ser celebrado todos os dias e não só numa noite!

2 comentários

Comentar post