Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

25-livros-em-ingles-filosofia-historia
25
Out18

Livros que nos agarram

| O Informador

livro.jpg

Existem os bons e os mais fracos, os arrebatadores e os que significam mais um, os que conquistam com tempo e os que nunca lá chegam, mas depois existem os que nos agarram logo pelas primeiras páginas e quando um livro consegue essa proeza é obra. 

As opções eram várias, com vários temas a apelarem para que escolhesse um determinado livro em detrimento de outros que estavam disponíveis. Optei pelo mais recente na lista de espera por achar pela sinopse que estaria perante uma narrativa que me iria conquistar rapidamente e sem que o primeiro impacto me deixasse mais reticente e em espera que a leitura me surpreendesse. E assim foi... As primeiras páginas daquele livro conquistaram e transportaram-me de imediato para uma história bem composta, explicativa e que junta o leitor à personagem central de forma espontânea, sem exigir e forçar qualquer situação. Foi estranho e em literatura é raro as primeiras páginas conseguirem este efeito, sendo mais comum, pelo menos comigo, o conhecimento com o tempo de convivência onde vou percebendo a razão sobre cada situação acontecer, encontrando personagens com passados e presentes que os refletem. Desta vez foi diferente, fiquei completamente no centro da ação e a leitura só podia ter corrido muito melhor por me sentir atraído do início ao fim por uma criação bem elaborada, com excelentes personagens, um bom enredo e uma escrita super fluída que ajuda bastante a quem gosta e quer seguir em frente uma história tão bem trabalhada.

Os livros que nos agarram logo de início dificilmente desiludem até ao final por conseguirem desde logo cativar e mostrar para o que vamos quando entramos na história!

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

Mensagens

Pesquisar

Posts destacados