Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

sveva-casati-billboard

Frio da idade

16
Jan19

Frio.jpg

Aos 32 anos o ser que parecia estar sempre bem com as temperaturas ambientais já se queixa. Esta é a verdade dos tempos que correm aqui da pessoa que vai teclando cada letra a pensar no frio que se faz sentir lá fora e que acaba por chegar dentro de casa, deixando pés e mãos geladas. 

Sempre ouvi dizer que com a idade as alterações se vão fazendo sentir e isso é mesmo um facto que constato cada vez com maior incidência. Com o frio então é notório. Ando mesmo muito friorento nos últimos tempos e por mais roupa que coloque no corpo, mantas e aconchegos, meias de aquecimento e sacos de água quente, os resfriados aparecem sempre em alguma ponta do corpo ao longo dos dias, esteja em casa ou na rua, no trabalho ou no carro.

Será que com o passar dos anos perdemos a capacidade de aguentar as alterações de temperatura assim com tanta frequência? O frio há uns anos, poucos até, era uma das coisas que parecia não me afectar e agora sou todo «pedra de gelo» ao longo das semanas de temperaturas mais baixas. 

 

50 comentários

Comentar post