Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Informador

apoio-pnl-billboard
25
Jun20

Drama Sónia pela 10000000x

sónia big brother.jpeg

 

Já não existe paciência para tanto drama dentro da casa do Big Brother por parte da Sónia. Entrou no formato Zoom e logo percebeu que era a preferida do público, desde então que se acha nesse estatuto, o que caiu de forma bem rápida assim que entrou na moradia da Ericeira. A feirante do Porto deixou de estar nas graças do público por mostrar o seu pior lado semana após semana e como líder, tal como referi há uns dias, percebi que tinha tudo para correr mal e desde a última gala que isso está a acontecer. 

Sónia logo na noite de Domingo começou a dar ordens aos companheiros de casa, conseguiu no dia seguinte discutir forte e feio, quase num monólogo, com a Noélia que não desceu ao nível da nortenha e para culminar a situação de irritabilidade junto do público proferiu a frase «Ai, olha que elas são de uma raça… Elas são da favela!», numa brincadeira de provocação para com a Iury sobre as fãs brasileiras do Daniel Monteiro que estão no exterior da casa e que enviaram um avião de apoio ao concorrente. A frase não caiu bem junto do público, ao contrário dos concorrentes que interpretam sempre o que é proferido de mal de forma desculpável. 

Ao final da tarde de Quarta-feira, dia da malfadada frase, o Big Brother convocou todos os concorrentes e após mostrar as imagens na sala retirou a liderança a Sónia e já a deixou nomeada para a próxima semana. Aplausos para a produção num momento em que parecia estar a dar proteção à vendedora ambulante para que continuasse no jogo. Tanto a quiseram dentro da casa, prometendo, quem sabe, mundos e fundos, que a menina querida borrou todo o guião em menos de nada por se sentir a detentora da razão e já uma vencedora assumida, o que anda bem longe da verdade. 

Após os novos desenvolvimentos, Sónia chorou e gritou, ameaçando até que iria contar muita coisa quando saísse da casa sobre a produção mas em menos de nada já a gritaria tinha acalmado, ficando a concorrente em espera que «a sua bida» fosse gritar para as redes da casa se deveria sair ou ficar até a votação do público se tornar real. Segundo Sónia a preocupação está nas filhas, sobre o que as crianças podem pensar e passar sobre os comentários e atitudes da mãe no programa. Segundo eu, toda esta nova birra perante uma sanção bem colocada não passa disso mesmo, mais uma birra para ganhar destaque e mais uns minutos de antena nos diários e extras que passam no canal principal do universo TVI.

Desde que o Big Brother começou que a Sónia já nos habituou ao drama semanal, do ora chora ou ri, ora quer sair ora quer ficar, ora tudo é mau ora a beleza impera na casa. Já passou tempo suficiente para o público que já vê estes formatos televisivos há vinte anos perceber que tudo não passa de uma estratégia de uma concorrente que se acha entre os preferidos e que está mesmo é no lote de espera para sair assim que possível por ordem dos votantes. 

Deixo aqui um recado para a portuense. «Sónia, sai de vez da casa da Ericeira, vai aproveitar os restos que possam ter sobrado dos mínimos festejos do São João no Porto e deixa todos os espetadores do programa e também os teus colegas de casa descansarem. Obrigado!»

Que a saída da Sónia seja rápida, por vontade própria ou não, mas aconteça pelo bem da sanidade mental dos habitantes da casa do Big Brother! Já não existe paciência para tanto drama num só corpo!

10 Comentários

Comentar post