Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Desabafar com confiança

1120.jpg

 

Atenção meu querido leitor! Tem mesmo muita atenção em quem confias as tuas palavras, já que nem todos são detentores de confiança para que os teus desabafos mereçam ser partilhados.

Poucas das supostas amizades conseguem ser verdadeiras e por vezes muitos deixam-se levar por meias conversas e acabam por contar mais das suas vidas do que deviam, dando origem a mal entendidos e por vezes fazendo com que um simples desabafo se transforme num autêntico diz que diz através do passa a palavra que raramente corre bem para a imagem do protagonista central, já que, como o ditado popular mostra, quem conta um conto acrescenta um ponto. 

Tem muita atenção em que confias alguns dos factos da tua vida mais privada, já que nem todos são de confiança para poderes ficar à-vontade e revelares mais do que deves. Uma coisa é um bom ouvinte, que conversa, aconselha e fica calado, outra coisa diferente é a partilha com quem julga, divulga e transforma o que fica a saber muitas vezes pela ingenuidade do contador que só sente a necessidade de desabafar.

Desabafa com quem confias e onde sentes uma base forte de que essa mesma pessoa está do teu lado sem correres o risco de perceberes que volta e meia a tua partilha já corre meia praceta. Desabafa mas com consciência do que partilhas e com quem o fazes!