Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

01
Jan17

Bom dia 2017

| O Informador

Bom dia 2017! Bom dia? Sim bom dia, o primeiro dia do novo ano, aquele que será composto por doze meses em que acredito que me trarão alterações de vida, para melhor claro, e onde alguns percalços dos últimos tempos possam vir a ser resolvidos para seguir em frente, arranjar novas metas e conquistar novos mundos.

Pensei que o ano que agora ficou para trás fosse bem melhor, no entanto revelo que acabou por ser um pouco em modo «manter» que se foi andando. Agora com a vida profissional meio atribulada, não sabendo se os dez anos de dedicação terminam coletivamente para a equipa ou não, a vontade é de alterar o rumo, esperando a partir de agora que algo seja decidido pelas próximas semanas para que possa tirar o sentido de algo em que já não acredito e onde me sinto cada vez mais sufocado pela falta de trabalho que começou a existir em termos gerais no local. Isto pode parecer mal por ser dito quando muitas pessoas procuram um emprego e não o conseguem arranjar, no entanto o que tenho sentido e revelo que o mesmo pensamento não acontece só comigo mas sim no geral, a ideia é só uma, deixar o barco mas ao mesmo tempo esperar que o desfecho aconteça porque algo ainda nos pode calhar pelos anos que por lá estamos.

Deixar uma etapa já com dez anos, perceber depois o que poderá surgir logo de seguida, existindo ideias mas também sabendo que é necessário parar para refletir e procurar o que realmente me possa dar interesse, dentro ou não da área onde tenho estado ou correndo atrás de sonhos e objetivos, que podem seguir por várias frentes é uma das ideias que espero concretizar neste novo ano. 

2017 acredito que em termos profissionais seja então um ano de mudanças que poderão ajudar a que a vida pessoal também ganhe novo alento para que as concretizações pessoais possam começar a levar seguimento e a surgir de forma mais estável e sem a ideia de que hoje estou bem e amanhã poderei não estar. Olho para os quatro números deste novo ano e penso que as coisas vão correr bem, caso raro porque não costumo ter ideias futuras lá muito positivas. Quero mudar, apostar em mim, acreditar que é possível e seguir cada ideia e projeto pensado a seu tempo e com dedicação, aquela que sei que consigo ter quando faço as coisas de coração.

Bom Ano de 2017 para todos! Até já!

Mais sobre mim

foto do autor

Atual Leitura
Top mais vendidos Wook

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Sofia

    Isto aqui não é nenhuma pequena vila, embora seja ...

  • O Informador

    Também acabo por viver nos subúrbios mas não tão p...

  • Sofia

    Eu estou nos subúrbios, mas onde moro tenho transp...

  • O Informador

    Já quis viver na cidade quando se inicia a fase ad...

  • Sofia

    Isso é bom! Eu não me imagino a viver noutro sítio...

Mensagens

Pesquisar

Redes Sociais | Segue-me

Instagram Facebook Twitter Pinterest Visita o perfil de O Informador no Pinterest. Goodreads

Última Leituras

Aconteceu em Paris
liked it
O título demonstra desde logo que o leitor irá visitar Paris. Amy acompanhou a sua amiga Kat até aos seus últimos dias de vida, mas as duas tinham um objetivo, viajar até à cidade do amor em segredo. Kat não conseguiu resistir mas Amy le...
O Pecado da Gueixa
liked it
A cultura japonesa está em grande destaque em O Pecado da Gueixa, através da perceção das regras comportamentais de um ninja, Hiro, protetor de um padre português, Mateus, que juntos irão investigar a morte de um samurai, Akechi-san, num...
O Silêncio da Cidade Branca
it was amazing
Nem sempre uma capa consegue representar o que está no seu interior, mas com O Silêncio da Cidade Branca primeiramente fui conquistado pela imagem que me remeteu para uma sinopse que conquistou. Já com esta obra em espera na mesa-de-cabe...

goodreads.com
BlogsPortugal
Bloglovin Follow

 Subscreve O Informador