Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

universitarios-billboard

Baião, Herman e Moniz

No espaço de pouco mais de uma semana três notícias foram reveladas pela imprensa e já aparentemente confirmadas pelas direcções dos canais televisivos que fizeram contratações de peso para as suas empresas. Se a TVI chamou José Eduardo Moniz para amparar o estado da ficção do canal, a SIC quer melhorar as suas tardes e roubou João Baião à RTP, que por sua vez quer colocar Herman no ar diariamente pela hora do lanche. Três homens sonantes do mundo televisivo a serem a notícia e O Informador a comentar!

Começando por Moniz! O seu percurso pelo mundo televisivo foi notável e a sua saída aconteceu num período conturbado e já esperado, agora dá-se a reentrada à casa que relançou e tornou líder e é caso para se dizer que é o regresso a quem de dever ao seu lugar de onde não deveria ter saído. José Eduardo Moniz não voltou à TVI como diretor, sendo apenas um conselheiro sobre a ficção nacional que irá ser produzida daqui para a frente pelo canal, mas saber que o ex-diretor voltou a casa e tem uma palavra a dizer sobre as novelas, séries e filmes nacionais que irão ser transmitidos pela grelha da estação é uma boa notícia. Moniz sabe fazer televisão como ninguém, fez mexer um canal que estava em terceiro e que foi colocado em primeiro onde tem continuado e, agora que o horário nobre, muito dependente das novelas, tem sofrido com os erros do passado, o capitão voltou a ser chamado para salvar e remendar o barco que levou a bom porto.

João Baião foi o grande rosto do Big Show SIC na década de 90 e posteriormente chutado para canto pelas sucessivas direcções da SIC, até que a RTP recrutou o apresentador para apresentar os seus talk shows diários, lançando-o num formato que não era o seu. Com provas dadas na conversa, com uma boa disposição ímpar e carinho do público, Baião agora voltou a ser convidado para voltar ao canal onde teve o seu pico de popularidade e as tardes estão-lhe destinadas para que a animação reine. Se foi uma boa aquisição? Foi! Se era necessário chamar alguém de outro canal para tentar levantar o horário onde Conceição Lino não pia? Existiam boas opções dentro dos quadros do canal de Balsemão, só que parece que a atual direcção não deverá achar o mesmo e prefere colocar tudo pela prateleira e chamar as estrelas dos outros. Uma boa aposta que não irá mudar o atual estado da situação, tal como João Paul Rodrigues não fez nem um belisque nos seus colegas do canal do lado quando se juntou pelas manhãs a Júlia Pinheiro. Não era necessário ter João Baião pela SIC, mas a Julinha e a Gabriela lá saberão!

Finalmente, a vontade da RTP em colocar Herman José a apresentar um programa diário nas tardes do canal! Será que isto é mesmo verdade ou não passou de um sonho tornado público pelo senhor diretor? Herman não tem minimamente o perfil de apresentador de que o público do canal gosta para ver num programa diário ao longo da tarde. Tem imenso talento para a comédia e é um dos melhores apresentadores da nossa televisão, mas não para estas ideias absurdas onde se querem ver formatos com animação, conversa, música, mas nada com o estilo com que Herman se tem celebrizado. A confirmar-se será a verdadeira aposta ao lado, eles lá saberão!

Moniz, Baião e Herman, três nomes que fizeram a história da nossa televisão e que voltam a ser notícia por continuarem a fazer com que o mercado do audiovisual mexa e fique em sobressalto!