Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

30
Mar19

À Primeira Vista | Danielle Steel

O Informador

à primeira vista.jpg

Título: À Primeira Vista

Título Original: First Sight

Autor: Danielle Steel

Editora: Bertrand Editora

Edição: 1ª Edição

Lançamento: Fevereiro de 2019

Páginas: 384

ISBN: 978-972-25-3584-7

Classificação: 3 em 5

 

Sinopse: Nova Iorque. Londres. Milão. Paris. Fashion Week nas quatro cidades. Um mês de entrevistas intermináveis, festas, trabalho incansável e atenção aos detalhes nos desfiles de moda semestrais. No centro da tempestade e da avalanche de trabalho está a americana Timmie O'Neill, cuja renomada marca, Timmie O, é a personificação do casual chic. Ela criou um negócio que a inspira e ocupa toda a sua vida.

Apesar do êxito profissional, Timmie O’Neill vive marcada pelo passado. Até que um intrigante francês, Jean-Charles Vernier, entra na sua vida quando ela adoece na Semana da Moda de Paris. 

De início, Timmie e Jean-Charles Vernier têm apenas uma relação normal de paciente e médico. Com o tempo, tornam-se confidentes e amigos e, quando Timmie regressa a casa, mantêm-se em contacto a uma distância segura entre Paris e Los Angeles. Há uma boa razão para se manterem separados, mas nenhum consegue negar a amizade crescente e a atração que sentem quando se encontram.

À imagem e semelhança da própria vida moderna, é uma história complexa e atraente. Carreiras, famílias, histórias, perdas, dever, obrigação e medo de perder o controlo. São dois mundos muito diferentes, duas pessoas de personalidade forte que se cruzam e que podem mudar tudo de um momento para o outro. Serão suficientemente corajosos para enfrentarem o que vem a seguir? E farão isso, juntos ou separados?

 

Opinião: Danielle Steel é a minha autora de destaque no romance e ainda mais quando preciso de um bom livro para descansar após uma leitura mais pesada. Recentemente publicado em Portugal, conheci À Primeira Vista, um romance onde o suspense e o interesse vão incentivando o leitor a avançar para saber como tudo irá terminar após os vários percalços que as personagens criadas pela autora vão tendo pela frente. 

As premissas das narrativas parecem ser muito mais do mesmo, mas enganasse quem segue essa linha de pensamento porque em cada obra a história é alterada e Steel tem sempre a capacidade de surpreender ao longo do que vai sendo contado numa forma de contar, baralhar e voltar a avançar com a narrativa para manter o suspense praticamente até ao final com pontos que podem não ser fortes mas que cativam a quem gosta de boas histórias de amor relatadas como grandes peripécias familiares. 

Em À Primeira Vista o leitor é convidado a conhecer Timmie, a designer que a pulso criou a sua empresa, viu o marido e filho morrerem e mesmo assim não desistiu de viver, tendo no seu projeto profissional o seu alicerce de vida e deixando para trás a vida pessoal que parece ter estagnado a partir do momento em que deixou de acreditar no verdadeiro amor. No entanto, numa viagem profissional a Paris, Timmie vê-se obrigado a entrar numa ala hospital onde conhece Jean-Charles, um médico bem parecido que a ajuda a recuperar e com quem cria uma forte empatia ao longo dos dias em que se vê obrigada a parar. Jean-Charles é casado, com uma família aparentemente feliz, e vive em Paris, longe de Nova Iorque, cidade onde se centra a vida profissional de Timme, embora tenha pelos vários cantos do mundo espaços que tem de visitar regularmente a pensar nas suas novas criações e lançamentos. Saída de Paris e de regresso à sua vida normal, Timmie começa a ter perante o seu médico recém conhecido uma ideia de perfeição que tenta afastar mas o tempo volta a cruzar estes dois seres que sem saberem acabam por se procurar mutuamente pela força da atração.

Com uma infância terrível por ter sido abandonada pelos pais, com uma família criada por si que se desvaneceu com o tempo, a solidão sempre a apoderar-se de Timmie, esta mulher é a verdadeira sombra do silêncio e do rancor para com um passado que lhe foi pesado e revela alguns traços negativos no presente. Será que o tempo e a procura pela aproximação para com Jean-Charles darão algumas e renovadas alegrias a esta mulher que se dedica a cem por cento à profissão para abafar a pobre vida pessoal?

Este é um livro onde os avanços e recuos da personagem central são evidentes. Os medos aliados aos pensamentos sobre o que já passou e pelo qual não quer voltar mais em conjunto com as adversidades que o tempo presente também lhe vai colocando pela frente fazem de À Primeira Vista um romance onde o amor é encontrado, sentido, resistido e no final tudo parece ficar em aberto, eis quando a surpresa, que em Steel acaba por não ser surpreendente, surge e o final acaba por ser feliz para os interveniente centrais da ação, o que leva a que outros não fiquem assim tão contentes com o desfecho criado pela autora, o que acaba por também ser desvalorizado na narrativa que passa ao lado do que é sentido do outro lado, perante quem perde para outros ganharem. 

À Primeira Vista é mais um romance de Danielle Steel que se lê bastante bem mas que não entrou diretamente para os meus preferidos da autora que já conta com dezenas de obras lançadas.

 

Compra o teu exemplar de À Primeira Vista, AQUI!

2 Comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens

Comentários recentes

Pesquisar

Atual Leitura
Top mais vendidos Wook