Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Teatro da Magia

Uma ida ao Teatro é muitas vezes desprezada por quem não se deixa envolver pela magia da reação de cada ator perante o público, sem disfarces e com a impossibilidade de voltar atrás para refazer qualquer cena menos bem conseguida. No Teatro existe a verdade de cada história contada onde cada representante dá o seu melhor sabendo que não tem filtro para recuar e voltar atrás.  Ficar sentado ao longo de cada sessão teatral revela o encontro com várias histórias onde da (...)

Curtas e Diretas #22

Acordar e perceber que o blog está em destaque é bom, muito bom! Perceber depois que esse mesmo destaque está a ser levado a sério pelos leitores que comentam, partilham e optam por seguir o blog é então acima de bom! Obrigado!

Texto perdido!

Um caderno antigo andava dentro de uma caixa no carro! Encontrei-o, abri para ver se tinha algo escrito e para além de umas folhas com nomes de um suposto livro que tinha em mente escrever na altura (pobre deste jovem na casa dos vinte), encontrei o texto que passo a transcrever. O mundo por vezes revela-se um labirinto de emoções onde o que hoje é, (...)

Merda para o texto!

E quando surge aquele momento em que estamos a terminar um texto que está a dar mais trabalho que o habitual e perdemos por fechar a janela? Tudo poderia ter corrido de melhor forma caso não tivesse guardado somente uma única vez e logo no início a introdução do mesmo texto pelos Rascunhos. O que aconteceu depois disso? Pois, reescrever tudo de novo e as coisas não ficaram nem de perto próximas do que tinha anteriormente! Se o novo texto ficou melhor ou pior que o outro não sei (...)

Escrita e títulos sensacionalistas

O tempo vai passando, as coisas vão sendo alteradas mas tenho que admitir que existem factos que não consigo modificar totalmente! Quando comecei a partilhar assuntos e opiniões pelo mundo da internet, quer tenha sido através de sites, blogues ou fóruns, sempre me disseram que criava títulos e escrevia de forma sensacionalista para chamar as pessoas com a finalidade de lerem o conteúdo do artigo. Agora dizem-me que faço o mesmo, embora de forma mais suave, mas com a mesma força! N (...)

Destaque no FOX Life

Há uns dias anunciei que irei ver o novo programa nacional do canal FOX Life, Guerra dos Pratos, falando sobre o mesmo e revelando como tudo se irá processar, os seus horários e a que dias irá para o ar! Agora percebo que o meu texto foi destacado (...)

Preocupação de blogger

O Informador é um espaço arrumado, à minha maneira claro, e com os meus horários de publicação, no entanto vejo que nem todos os blogues funcionam da mesma maneira! Existe muita preocupação por parte da maioria dos bloggers em publicarem os seus textos e artigos de opinião nas horas em que mais pessoas estão supostamente online para conseguirem ter logo mais visualizações. Afinal escrevem no blogue quando lhes apetece ou quando os outros estão disponíveis para ler algo? Não (...)

Mais Vistos de Janeiro

Primeiro mês de 2014 já foi e com ele O Informador percorreu 31 dias recheados de bons números e de visitas que voltaram a mostrar que este blogue tem vindo a ganhar seguidores e leitores. Como tem sido habitual de há uns tempos para cá, partilho os dez textos mais vistos do último mês, neste caso de Janeiro. Vamos lá ver então qual foi o meu top dos tops nesta entrada num novo ano. O Informador (...)

E porque não custa Partilhar...

Existem coisas que não custam nada fazer, como é o caso da partilha deste texto que foi publicado há dias por Mariana Lobo na sua página de Facebook com um alerta sobre um novo tipo de assalto que anda a acontecer pelas estradas portuguesas... «Ontem 6ª feira por volta das 2 da manhã familiares meus circulavam de carro no IC21 (a via rápida do Barreiro) no sentido de sul para norte, campo dos Galitos para o Hospital, quando de repente se aperceberam que estava no meio da estrada o (...)

«Sem título»

O que é um texto «Sem título»? Até agora na curta vida de O Informador enquanto blogue pessoal, sim porque antes foi um outro projeto, ainda não tive necessidade de publicar algo sem título e isto só aconteceu por uma razão... É que mesmo que seja algo parvo e absurdo, consigo sempre encontrar um significado para uma frase, uma linha, uma imagem ou um simples suspiro! Vejo que pelo mundo criado pelos bloguistas existem muitos «Sem título» que poderão fazer com que o que é (...)