Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

26.04.18

Leitor «passa páginas»


O Informador

livros.jpg

Não é novo, mas quando ficas lado-a-lado com outros leitores consegues perceber que existem leituras que acontecem de forma rápida porque o envolvimento com a narrativa acaba por levar um tombo ao longo dos momentos em que cada um se dedica a cada livro.

Pessoalmente e quando pego numa obra é para ler com atenção do início ao fim, passando por todas as páginas e parágrafos, não saltando palavras porque a história continua e mais pela frente tudo se vai apanhando. Sou assim, sempre achei que um livro é para ler na íntegra e não dedicar quinze segundos a olhar de forma rápida para duas páginas e seguir em frente porque as mensagens daquelas linhas foram supostamente apanhadas. Podem dizer que cada qual tem o seu método de leitura sim, mas qual o objetivo de pegar num livro de por vezes quase trezentas páginas, por exemplo, e em meia hora, ou menos até, ter tudo lido se mal olham para a maioria dos parágrafos que vão sendo descritos pelo autor? Isto acontece e não venham dizer que não porque os factos por vezes até são bem visíveis quando alguém fica ao nosso lado de livro na mão, as folhas são viradas ao mesmo tempo e tu lês quatro linhas e já a pessoa do lado está a virar de novo a página. Como é possível tudo ter sido lido? Impossível e de forma bem visível!

Sinceramente não compreendo estes leitores que preferem a rapidez com o «passa páginas» de forma a despacharem um livro de forma rápida, não lhe dando o seu devido valor, optando sim por ter mais uma leitura feita, sem no entanto se deixar absorver na sua história.